Funcionários judiciais retomam serviços mínimos durante 15 dias

Os funcionários dos Tribunais e do Ministério Público decidiram prestar serviços mínimos durante a greve que já dura 1 mês. No entanto avisam que só prestarão serviços mínimos em apenas 3 situações.

Primeira situação tem a ver com a legalização de detenções. Em casos de soltura dos arguidos que terminaram o cumprimento de pena e cujo prazo de prisão preventiva se encontra ultrapassado. A terceira situação que é alvo dos serviços mínimos prende-se com a autorização de viagem nos processos dos menores que se encontram em situação de risco (saúde e educação), e emissão de cheques nos processos dos menores.

Os funcionários dos tribunais e do ministério público, decidiram retomar os serviços mínimos na Assembleia Geral Extraordinária realizada no dia 4 de Abril.

O comunicado do sindicato que chegou redacção do Téla Nón, adianta que  decisão foi tomada tendo em consideração também ao encontro que teve lugar entre o Primeiro Ministro Patrice Trovoada e o Presidente do Supremo Tribunal de Justiça, do Tribunal Constitucional e do Conselho Superior dos Magistrados Judiciais, o Juiz José Bandeira.

O comunicado esclarece também que a prestação dos serviços mínimos nos moldes acima expostos, vai durar apenas 15 dias.

Abel Veiga

 

Notícias relacionadas

  1. img
    impressionado Responder

    Estou impressionado com o comportamento dos funcionarios judicias e do MP, voces sao digno de trabalhar para o nosso pais. Estao a mostrar mt maturidade. Mt correcto da vossa parte, durante 15 dias se os vosso chefe nao resolver o problema ja nao é vosso. Gostei mt do vosso comportamento. Por outro lado, esperemos que se resolva essa situacao o mais rapidamente possivel.

  2. img
    esperemos Responder

    Esperemos bem que sim. Obrigado funcionarios judicias e do MP,esperemos bem que o governo faca a sua parte.

  3. img
    joana Responder

    Da os homens o que eles querem para bem da nossa jovem democracia, como e possivel que um tribunal nao tem viatura para transportar preso, nao tem algemas, cabras a entrar nos tribunais, chuva na sala de julgamento, para bem da nossa democracia, temos que resolver todos esses problemas. A justica tem que chegar ao nivel exigida pelo povo. O povo nao quer promessas quer accao. Obrigado sr funcionarios, o povo esta do vosso lado.

  4. img
    obrigado Responder

    É isto ai senhores funcionarios, forca e mt coragem. A diaspora esta convosco.

  5. img
    Apoio Responder

    Sera que esse governo vai fazer o que prometeu? Estamos aqui para ver. Esses chefes do pais sao muito complicados. No entanto, tenho que frisa que o comportamento dos funcionarios é muito justo e muito humilde. Voces mostram um grande amor a esse pais que sempre lutor para dar formacao digna aos filhos da ilha, assim vale apena instruir os nossos cidadao. O nosso pais é conhecido como unidade, disciplina e trabalho, sem condicoes dignas para o nosso pais avanca, nunca chegaremos la. Por favor governo ajuda os funcionario e a justica do nosso pais.

  6. img
    weber Responder

    Boa sorte senhores funcionarios que Deus ilumine vosso caminho e o governo e vosso chefe, para se encontrar uma boa solucao para tds. Porque o pais é de tds nos.

Deixe um comentario

*