Sondagens

Redimensionamento da estrutura das Forças Armadas é deliberada pelo CSDN

O leitor é convidado a opinar em SONDAGEM, sobre este tema. 

    16 comentários

16 comentários

  1. Eu também sou filho da terra

    14 de Fevereiro de 2014 as 3:58

    Acho que o redimensionamento das Forças Armadas deve passar pelo equilíbrio de despesas com o Exército e com a Guarda Costeira porque são duas unidades dessa instituição indispensáveis e importantíssimas para a defesa do país/nação. Por isso, me abstenho.

  2. Le di Alami

    14 de Fevereiro de 2014 as 7:48

    Tb me abstenho, deve haver equilibrio, nos dois ramos, e ainda mais deve se unir os dois, assim e mais facil evitar descontentamentos.

  3. Verdade

    14 de Fevereiro de 2014 as 8:18

    Redução imediata do efectivo militar a passar pelas chefias (temos muitas patentes altas) e que não fazem nada (só querem carro novo, casa, viagem, lote, talhões para cultivo)assim não vamos longe.
    OBS: Redução do efetivo militar e aumento das forças de segurança pública (Policia Nacional e comando autônomo).

  4. A chave

    14 de Fevereiro de 2014 as 8:34

    STP não tem que ter forças armadas. Para qué precisa STP das forças armadas?
    STP ja tem aos americaos se precisara defender seu territorio duma invasão de Guine? Angola? Gabão? Camaroes?
    Odinheiro que custa a manuteção das forças armadas debe ir para Guardia Costeira, Policia, Profesores (lembrense que ha 3 meses de folga no ensenho de noite), projetos para o pobo…

  5. Atencioso

    14 de Fevereiro de 2014 as 9:03

    Entendo que se deve redimencionar as forças armadas criando uma estrutura mais leve e de acordo as verdadeiras e particulares necessidades do País.Que os militares sejam uteis e sempre obdientes ao RDM e a Constituição da República; um exemplo que sempre demonstraram.

  6. Praça 82

    14 de Fevereiro de 2014 as 10:07

    Pra mim há gente a mais no exercito sem fazer nenhum.Deve ser criado um centro agricola produtivo e reenviar alguns oficiais,sargentos e praças pra ai,afim de abastecer onosso mercado com produtos agricola.Eisto seria mais benéfico para o pais e para populaçao.

  7. lider

    14 de Fevereiro de 2014 as 10:39

    na minha modestia opinião, eu acho que as Forças Armadas são precisas no qualquer estado democratico e livre. aqueles que apelam para a extinção das Forças Armadas são uns ignorantes e sem conhecimento daquilo que é a verdadeira democracia. Forças Armadas dispoe de bons quadros com formação superior nas varias academias da CPLP (PORTUGAL, Brasil, Angola) e não só. terá que haver um equilibrio das Forças Armadas, poruqe ambos os ramos são preciso e necessario para a defesa no nosso territorio terrestre e maritimo.

  8. Suzete Novo

    14 de Fevereiro de 2014 as 10:39

    A pergunta em questão, na minha opnião não tem sentido. Primeiro: Todos os que labutam no quartel General como Militares tem a responsabilidade de garantir a defesa da patria, seja ele de que nivél ou religião fôr,igualmente se passa na Guarda Gosteira. Todos merecem ter um minimo de condições, nessa nossa Republica onde cada dia se nota o caminhar para o final previsto da Democracia (Tirania-regime onde todos querem mandar). Espero que haja de facto um bom entendimento e flexibilidade do Governo nesse nosso orçamento dificil de gerir, nessa nossa econonia nada produz.

  9. Fede cá dóxi

    14 de Fevereiro de 2014 as 12:33

    Não se esqueçam que quem resolveu o problema dos búfalos, Ninjas foi FARSTP.
    É estranho, o facto do Conselho Superior de Defesa na sua deliberação não abrir um inquérito para apurar as responsabilidades. Isto,só pode significar de que quem está por trás desta insubordinação é o MLSTP e o Manuel Pinto da Costa.

  10. conobia cumé izé

    14 de Fevereiro de 2014 as 16:48

    Guarda costeira está a espera do dinheiro do petróleo dos barcos petroleiros que fora apreendido por eles, governo vendeu, nem os Juízes nem os Tribunais sabem onde para a parte que lhes cabe por direito neste processo. Estamos bem assim? Assim queremos Justiça neste país ? Convenhamos !!!| …

  11. Original

    15 de Fevereiro de 2014 as 7:42

    Força Armada como outro sector da vida nacional vai continuar a ter dores de cabeça porque já se chegou a conclusão que esta malta jovem que vem aí não estão dispostos a trabalhar para aquecer e certas franjas políticas estão a aproveitar a fragilidade dos mesmos para ir fazendo das suas e mais tarde o feitiço vai voltar contra feiticeiro.Nas Forças armadas já temos muita malta jovem formado mais em tendências do que intelectualidade para contribuir para País e outro problema é a rapidez e o nível de patentes que têm sobre os ombros sem conhecer as responsabilidades e deveres.
    Antigamente,um indivíduo para chegar ao tenente,tinha que passar por várias fases para amadurecer,agora já não. E daí? O que é que esperam desta malta joven com patentes alta sem amadurecer? O patente é poder e poder deve ser exercido por gente responsável. falta de respeito que foi manifestado contra o Presidente da República é um pouco disto sabendo que o mesmo é Comandante Supremo dos militars e se faltaram respeito ao mesmo vão respeitar os TenentesCoronéis,Brigadeiro etc? Se eu estiver errado,peço desculpas e me corijam.

  12. Descontente com os politicos

    15 de Fevereiro de 2014 as 17:41

    Meus senhores, aconteceu isso e ja estamos a falar de redução disso e daquilo. Sejamos sérios, o Pais tem que fazer a redução sim ao nivel dos politicos, o que estão a fazer 55 deputados? Tantos directores, ministros? Entéao digam -me algo…
    E essa eh…

  13. anonimo

    16 de Fevereiro de 2014 as 10:30

    Só precisamos de uma Guarda Costeira e uma Policia fortes. Quanto às Forças Armadas precisamos sim, assinar um acordo militar por exemplo com Portugal ou Angola e ter lá uma pequena base de defesa das ilhas para uma eventual invasão estrangeira….

  14. lider

    19 de Fevereiro de 2014 as 9:52

    tens razão de ser anonimo, porque es um zé ninguem, não tens identidade nacional, nem orgulho de ser santomense. entao se tens uma quinta linda, construida com teu suor, é o teu vizinho quem vai tomar e cuidar dela ou voce proprio. e depois se ele gostar da tua quinta ele o tira da tua mão. tenho dito

  15. Juel

    28 de Abril de 2014 as 10:03

    Na minha opinião, não vejo a necessidade da Força Armada. Eles deveriam ser incorporados na Guarda Costeira para melhor segurança das nossas águas territoriais. Não temos fronteira terrestre com nenhum país. Por exemplo, a Suiça não tem Força Armada, apenas Policias, mas consegue manter a segurança no seu território. O número do efectivo da nossa Força Armada é muito e não fazem nada enquanto os Professores do Curso Nocturno que se esforçam diariamente para dar os seus contributos já fazem 3 meses sem salários. Não devemos esquecer que a verba que vem do exterior sem vem em nome da educação e saúde mas assim que chegar, a educação e a saúde são sempre esquecidas.

  16. Moreno

    28 de Abril de 2014 as 13:07

    Os leitores que estão a participar neste inquérito e que estão a votar pelo SIM, devem saber que a Guarda Costeira, é um pau mandado do governo e dos políticos, ou seja do Oscar de Sousa e limitada, por isso é importante para eles criarem condições neste serviço.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo