Anúncios

Concurso Internacional contrução de nova cidade

Ministério de Obras Públicas, Infra-estruturas, Recursos Naturais e Meio Ambiente convida as empresas interessadas para apresentarem propostas, fechadas, para a conceção e execução de empreitadas de obras de Edificações do Loteamento integrado na EXPU GONGÁ. O prazo máximo de execução das obras é de 18 meses.

3D Proj._Expu Gongá_01O interessado tem acesso a projecção da nova cidade e para mais detalhes sobre as modalidades para participat na construção da nova cidade de São Tomé, clique sobre o documento abaixo : Concurso Público Internacional

 

 

 

 

3D Proj._Expu Gongá_03

    28 comentários

28 comentários

  1. vagi ngola

    8 de Agosto de 2014 as 16:30

    MITO! MITO! Tudo so por causa das eleições. Conta outra, vão passear.

  2. JUVENTUDE SANTOMENSE

    8 de Agosto de 2014 as 16:32

    É isto que queremos!!! Factos. Acções… O País precisa crescer. FORÇA GABRIEL COSTA! Ensina governar a quem só sabe roubar o povo.

    O Gabriel Costa tem visão, e sabe o que o país precisa. Vejamos!

    1. A população cresceu e vem crescendo, segundo os dados do ultimo recenciamento da população de 2012.
    2. A cidade capital esta saturada.
    3.A nossa população é jovem, precisa de habitação para formar a sua familia.
    4. Jovens precisam de oportunidade de emprego.

    Resposta sabia do governo de Gabriel Costa: Vamos construir uma nova cidade, e assim resolver alguns dos grandes problemas desta população que merece ver o país a crescer.

    NÃO TENHO DUVIDA QUE FICARÁ NA MEMORIA DE TODOS NÓS SANTOMENSES. PELA PRIMEIRA VEZ O PAÍS VIU UM PROJECTO DESSE.

    MEUS PARABENS, PARABENS E SUCESSO O EXECUTIVO DO DR. GABRIEL COSTA.

    • Thomás

      12 de Agosto de 2014 as 8:21

      Andas nas nuvens né JUVENTUDE SANTOMENSE, faço uma só pergunta, com que meios vamos fazer esta cidade. obrigado!

      • cobra branca

        13 de Agosto de 2014 as 11:19

        O Governo vai ceder o chão a empreiteiros privados. São os empreiteiros os que vão construir tudo (estradas, prédios, jardins, saneamento, etc). E depois são os empreteiros quens vão vender as vivendas. A realidade é que não é uma nova cidade, é um novo bairro, muito grande, mas bairro.

  3. Cobra branca

    8 de Agosto de 2014 as 19:37

    Mais uma vez um concurso internacional com só um mes de prazo. E agora é para apresentar um projecto para conceção e execução de uma cidade, e só um mes!!!!????? Só com Cristo!

  4. Odair Costa

    9 de Agosto de 2014 as 7:46

    Esperar o inicio das obras para acreditar.

  5. "Nós por cá e a nossa maneira"

    9 de Agosto de 2014 as 12:06

    …mais campo de milho….desta vez será o dois.

  6. zeme almeida

    9 de Agosto de 2014 as 13:07

    Tantas promessas feitas pelo Gabriel Costa que sabe só vender os sonhos,penso ser tarde de demais.Mais um projecto que vai ficar nas gavetas para virem com desculpas que nao tiveram o tempo suficiente para os concretizar.As eleicoes já estao a porta como é que se pode acreditar coisas destas.O governo vai passar a gestao nao podem mais nada,a nao ser gerir até o novo governo.Ter projectos nas carteiras podem ser sonhos o mais importante é capitar a verba para os implementar.Também a construcao do porto de aguas profundas também vem ali,fala-se,excusa-se frazer promessas aquilo que nao podemos dar.Viva RDSTP

  7. Nilton Almeida

    9 de Agosto de 2014 as 13:39

    Concordo com o senhor juventude santomense e também concordo com o senhor Odair Costa sou como santo Tomé so venvendo para crer porque desde que nasci já vi tantos projectos em stp que nunca saiu de papel bem haja se for verdade

  8. vio

    9 de Agosto de 2014 as 13:52

    18 meses?

  9. Justino Matos

    9 de Agosto de 2014 as 14:08

    Malabarismo Politico ao seu mais alto nivel.
    Acho que Gabriel Costa anda a delirar. Nao temos um hospital, nao temos Palacio de Justiça, nao temos um novo Banco Central, nao temos Porto de Aguas Profundas, nao temos Aeroporto digno de nome Internacional e agora temos uma nova cidade em 18 meses. Haja Paciencia.

  10. Ma Fala

    9 de Agosto de 2014 as 16:02

    Impresionante! A ser verdade estamos perante um Governo que pelo menos apresenta ter cabeca, tronco, e membro, e quem sabe um voto de confianca para a sua continuidade, porque nunca se materializou uma coisa dessas em Sao Tome que ao fim- ao cabo tanto precisa.
    De ao Cesar o que e de Cesar!

  11. Homilzio Quaresma

    9 de Agosto de 2014 as 18:14

    Se for mesmo verdade, metade do dinheiro pra conceção dessa obra, já está na conta bancária dos que estão a frente desse projeto… e assim que as obras terminarem e serem entregue, terá de ser remodelado de ano à ano. Quem não conhece esses Ladões, que os comprem na feira a preço de saldo.

  12. Aleluia

    9 de Agosto de 2014 as 22:14

    Até que enfim!
    O cemitério de Gonga terá outra imagem.
    Que os mortos descansem em paz.

    Excelente Jazigo para os corruptos.
    Só na fase de campanha que querem fazer Jazigo?!
    Que loucura!

  13. .A. Gomes

    10 de Agosto de 2014 as 8:37

    A pressa é o inimigo da perfeição
    Este concurso não é sério
    Nenhuma empresa séria vai apresentar uma proposta para a construção de uma cidade em um mês.
    Esta vai ser igual a compra de Barco Príncipe, onde cada um encheu o seu bolso, o Ministro de então e o respectivo negociador trouxeram cada um pequeno Yate, e hoje a População do Príncipe continua a sofrer com falta de ligação
    Vamos ser mais sério. A construção de uma cidade não compadece com estratégias de campanhas eleitorais, por ser algo muito sério
    Façam, mas façam bem
    Este governo está no fim e não deve deixar ossos duros para o próximo
    Bem haja
    A Gomes

  14. Banco de urgencia

    10 de Agosto de 2014 as 16:59

    Meus senhores este proj. do que percebi o Gabriel tem visão. Este prpj. é publico privado. Portanto o estado concede terra e o investidor constroi e depois vende para a população a bom preço. N tenho ligação com dr. Gabriel mas temos q aprender a dar ceza o q é dele. Será construido novo Hospital e mts outras infraestruturas sociais segundo as inf. Vamos ser otimistas.

  15. Banco de urgencia

    10 de Agosto de 2014 as 17:24

    Eu penso que o governo tem q informar a população sobre este proj. com alguma urgencia. Pq grande parte das questões q ja vi nos comentarios é devido falta de informaçao sobre o proj. Outra coisa q é importante é n misturarmos tudo com a politica. Esta forma de pensar ou seja acreditar tem haver com o posso passado. Mas temos q aprender a acreditar naqueles q tem merecido a nossa confiança como dr. Gabriel. Tem os seus defeitos mas me parece ser serio. E depois n o governo q vai construir são os investidores interessados a investir q vai aplicar o capital o governo so vai criar mecanismo legal p proteger os investidores e depios vai acompanhar todas actividades dos investidores p garantir q todas obras da nova cidade seja feita conforme o proj. de urbanização da nova cidade. Portanto penso q isto é possivel e merece o respeito d todos q querem ver o país a crescer. E mais.. Até onde sei ja existem investidores forte e pronto para comemçar as obras… Portanto vamos ser prodentes, dar merito ao governo por este feito e apelar p q consiga atrair mais investidores p matrerializar

  16. Banco de urgencia

    10 de Agosto de 2014 as 17:35

    *matrealizar. *nosso. *depois. *fortes – obgd

  17. Banco de urgencia

    10 de Agosto de 2014 as 18:15

    Outra coisa vi no anuncio q o concurso é por loteamento. Para os menos exclarecidos sobre a materia. Significa q a area total do plano da nova cidade será retalhada ou seja dividiva em forma de lotes. E cada lote penso estar destinados para determinado tipologia de edificio. Por ser uma cidade deve ter todo tipo de infraestruturas..habitações…edificioscomercial….edificios ssociais…edificios p governo… Para comercio…turismo…enfim tudo! Então cada investidor em função do Seu interesse vai apresentar ao estado a sua proposta para os lotes do seu interesse conforme o prpj. da nova cidade. N sei se ajudei mas quero avisar q o estado n tera comparticipação financeira e sera o investidor quem vai conceber e executar as suas obra. Como vê n tem nada para comer o dinheiro. Vai sim criar emprego…habitações p jovens… e deixar o país com melhor visibilidade….Sejamos honestos p reconhecer q o governo merece ser aplaudido. Se não vamos passar todo tempo criticando tudo mesmo sendo coisas boas para o país so pq é governo de Gabriel q n é do meu partido. Acho q chegou o momento de sermos leal com o nosso país e parar de politiquice cega q so tem matado sonhos.. Bem haja!

  18. Esteves Rodrigues

    11 de Agosto de 2014 as 0:07

    Para começar não compreendo porque o A.Gomes tem avaliação negativa,porque disse a realidade sobre este e outros concursos em S.Tomé e Principe.
    Não será por acaso que escolheram o mês de Agosto para lançarem este concurso,só com um m~es para apresentarem proposta.
    De concurso internacional nada tem,porque todos ´nós sabemos que os técnicos das empresas estão de férias e só começam novamente no principio de Setembro.Marcar uma viagem para S.Tomé tambem não é muito fácil neste mês,e suponho que nenhuma empresa portuguesa ou de outra nacionalidade tenha avião (jacto) particular para se deslocar quando quiser.
    Acho o projecto necessário e interessante,mas para ser apresentada uma proposta honesta,séria e justa ,será necessário pelo minimo 60 dias e a execução será completamente impossivel em 18 meses.
    Bem haja

  19. JOVEM ATENTO

    11 de Agosto de 2014 as 9:46

    Sr. Esteves Rodrigues, com muito respeito, eu não concordo com o Sr.!

    Uma coisa não inibi a outra. Qualquer um investidor que quizer apresentar a sua proposta não vai deixar de fazer devido os técnicos estão de ferias. Ele irá sem qualquer problemas ultrapassar a questão. Ainda se os técnicos indicados suspendam as ferias por alguns dias! Até porque hoje com a nova tecnologia uma pessoa não tem que fretar nenhum jato pra apresentar uma proposta tecnica e financeira para um concurso como este onde o governo certamente esta fornecendo todas as informações necessárias que os investidores necessitam para elaborar a sua proposta.
    E volto uma vez mais a dizer que o homem santomense perdeu a confiança, já não acreditam, têm pouca fé, portanto com alguma razão! Entretanto é necessário fazer resurgir esses valores. Lanço o senhor e a todos que querem ver o desenvolvimento do país este desafio para começarem a analizar as coisas de forma desapaixonada. Avaliar primeiramente a viabilidade do proj. o seu enquadramento…etc.. E deixar de ser pessimista com quem vem merecendo alguma confiança como é o caso desse governo. Quando as pessoas têm oportunidade de fazer devem fazer para que o país possa realmente saber quem é quem. Quando deixa oportunidade passar e não fazem nada é que dá nisto!!! Ciumes, ciumes, ciumes!!! É por isso que o desenvolvimento fica sempre adiado. VAMOS DEIXAR DE BRINCADEIRA E RESPEITAR AQUELES QUE ESTÃO A PROVAR SABER DESENVOLVER O PAÍS… AS PESSOAS PENSAM QUE TUDO É POLITICA. Algumas pessoas são tão obcecadas na politiquice, que não conseguem simplismente separar as aguas.Se não vem para contribuir não atrapalha.

    SEMPRE EM FRENTE!!!

  20. H. Borges

    11 de Agosto de 2014 as 11:16

    Alguém de direito ou devidamente informado, poderia esclarecer-me onde está inscrita a dotação no OGE para assumir os encargos com esta obra?

  21. nadaver

    11 de Agosto de 2014 as 16:31

    …tudo na mesma…Cabo Verde teria apostado na construção de uma cidade administrativa-foi um flache-STP na nova cidade…outro flache-prioridade nem de longe nem e nem de perto. Apostem na educação, na saúde, nas infraestruturas (portos, aeroportos, estradas, nas bancas, no sector privado, na diplomacia, na moralização da coisa pública, etc.

  22. BÔBO SÓ!

    12 de Agosto de 2014 as 9:50

    O ministro das obras públicas está a fazer campanha de forma descarada! Ninguém acredita nisto, meu amigo. Uma vergonha pah!!Qual cidade, qual quê??! Só agora que este grupo de incompetentes, pois que isto não é governo e não é nada, vai ser escorraçado é vêm vender ilusões. Já tentaram vender ilusões nesses últimos 18 meses, mas ninguém comprou! ESte povo não cai nesta ph!! Inventa outra porque o tempo não pára e a meta está a vista (12 de Outubro), data da salvação!

  23. osvaldo da costa dos santos

    13 de Agosto de 2014 as 8:14

    eu como s.tomonse sinto-me orgulho de ver um projeto como este nós s.tomense estamos de parabéns desde aja boa compreensão

  24. Cidadão da Terra

    19 de Agosto de 2014 as 15:52

    Sençasional, espetáculo, excelente Gabriel e Maquengo, só espero que es´ta cidade em 18 meses não derube com o murro de vedação da subida de bar de hospital. força

  25. Inacia Margarida

    21 de Agosto de 2014 as 17:19

    Isso é um falta de respeito e abuso perante esse nosso povo.
    Então a nossa principal estrada que da acesso ao Hospital Central e ao Aeroporto desabou e ninguem diz nada.
    Nem DOPU assumiu nem INAI, nem a empresa que ganhou o concurso, tudo esta em silencio.
    Entretanto, estao lançando concursos para isso e aquilo porque se avizinha as eleições e para gastar mais dinheiro nas camapnahas.
    Que nova cidade que quê.
    Resolvam o problema dessa estrada!!!!!
    O normal seria ninguem votar!!!!!!!!ESTÃO A ABUSAR DESSE POVO!!!!!!
    POVO Ê BILIWÊ!!!!!!

  26. Agnelo Trindade novas

    23 de Agosto de 2014 as 20:28

    O pais cem entidimento não vamos ah lado nenho

Deixe um comentário

Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo