Destaques

MDFM já tem manifesto eleitoral e programa de Governo

O Distrito de Água Grande, fechou o ciclo de Assembleias Distritais que o partido MDFM-PL, realizou na ilha de São Tomé, com vista a reestruturação das suas bases.

Na última reunião, o MDFM-PL, anunciou que já tem elaborado o seu manifesto eleitoral e o Programa de Governo.

Pela voz do Presidente Fradique de Menezes, foram indicados alguns pontos do manifesto eleitoral. Os sectores da agricultura, turismo e pescas, como fundamentais para promover o desenvolvimento e a luta contra a pobreza. «Vai desde o sector da agricultura, pesca e turismo, aquelas que geram riqueza. O documento traz também novas ideias comerciais, a maneira de transformar um pequeno país, num grande país em termos daquilo que tem a oferecer ao mundo. Portanto no sector produtivo», enfatizou.

No sector social Fradique de Menezes, garante que o manifesto eleitoral do MDFM, propõe fazer muito mais do que se tem feito até agora. A questão do emprego para os jovens, é uma prioridade. «Temos que por a massa cinzenta a funcionar para descobrir outros meios para que o país faça mais riqueza», frisou.

A descentralização é outra questão importante para combater a pobreza nas regiões consideradas desfavorecidas. Por isso, o MDFM, pretende descentralizar o sistema de ensino e formação de forma beneficiar as populações das regiões norte e sul de São Tomé e a região autónoma do Príncipe. «Aumento da escolaridade no seio da população juvenil com meios de transporte escolar, aquilo que tinha começado e que se perdeu», sublinhou.

O sector da saúde também deve ser descentralizado «Trouxemos tudo para o centro, temos agora que descentralizar. Ao menos irmos ao socorro das pessoas que sofrem, não terem necessidade de vir até ao hospital central», afirmou Fradique de Menezes.

Para materializar tais ideias, inscritas no manifesto eleitoral e no programa de governo, o MDFM, está a aproveitar este período de pré-campanha para de porta em porta convencer os cidadãos sobre s suas propostas. «Vamos trabalhar, fazer passar a nossa mensagem sobre o que propomos para os próximos 4 anos», precisou Fradique de Menezes.

MDFM dá o ponta pé de saída oficial na pré campanha eleitoral.

Abel Veiga

.

 

 

    5 comentários

5 comentários

  1. MUCLUCLU FÉ XINTCHI

    11 de Agosto de 2014 as 9:22

    MDFM tem programa de governo, MLSTP/PSD temm programa de governo e PCD também têm programa de governo! Qual desses programas vem a ser utilizado, caso ADI não ganhe as eleições, sendo que há um acordo entre esses três partidos para governarem juntos?!! Meus senhores, não podemos estar a brincar com o futuro do país anos após anos!!! Não me venham dizer que corremos o risco de poder vir a ter mais um governo da tróica nos próximos quatro anos!!? Isto de anunciar uma coligação depois das eleições é anti democrático e pode influenciar o PR se é que este não esteja mesmo no jogo! É justo que, se tiverem que coligar que o façam antes das eleições para que os eleitores saibam em quê estão a votar!! Um eleitor ao votar estaria a fazê-lo em nome do programa apresentado pelo seu partido e não no programa da tróica! Ou arranjem um programa da tróica! Meus senhores quem ganha é que deve governar independentemente de ter maioria absoluta ou não! Um bem haja!

    • fluta cu cocôndja

      11 de Agosto de 2014 as 11:15

      esses tres partidos nao governao… eles massacram o povo, essa coligaçao comforma um grupo de fascista, burgueses mentirosos… pograma deles é para ficarem ricos a costa de povo nada mais..

  2. Luis

    11 de Agosto de 2014 as 16:23

    Se contribuir para o desenvolvimento das pescas, agricultura e turismo da região do Principe, conte com o meu voto

  3. manuel soares

    11 de Agosto de 2014 as 22:17

    Que progama , que manifesto eleitoral? só pode ser brincadeira! Agora com figuras como Luisito, Leonel Pontes quem na função de ministro decidiu roubar o estado autorizando que se concedesse dinheiro para seu irmão no estrangeiro e a sua mulher que não trabalha, convenhamos, por amor à Deus e à terra, chamamos a tudo isto podridão, tenham vergonha sr Fradique e os seus seguidores , chega basta os sr não metem meto a ninguém nem retiram nada ao ADI não foi o sr que decidiu mandar o seu eleitorado votar nas legislativas de 2010 no ADI e no Patrice Trovoada?

  4. ney

    12 de Agosto de 2014 as 9:31

    e senhor que o povo precisa paragoverna esta terra. A quelo que senhor fez como PR o povo viu e esta a pedir senhor com todo o amor.Eu faço força para que ganhe essas eleições. Povo de São Tome e Príncipe, quer melhor para o nosso país para as crianças. Para votarmos no MDFM no dia 12 de Outubro. Bem haja a todos os são-tomenses.

Deixe um comentário

Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo