Destaques

Ministro descobriu no Parlamento lei que proíbe fumar em recinto fechado

Auscultado pela primeira comissão especializada da Assembleia Nacional, sobre as diversas formas de criminalidade crescente no país, o Ministro da Justiça e dos Direitos Humanos, Roberto Raposo, denunciou a forma anárquica como se fuma nos restaurantes e bares do país.

O Ministro disse no parlamento, que anda a procura da lei que proíbe fumar em recintos fechados, mas sem sucesso. Disse que os serviços do ministério da justiça procurarem a lei em todo o canto e não encontraram. Nem no sistema digital de informação jurídica criado no quadro da cooperação com os PALOP, existe tal lei disponível.

No desenrolar do debate, o parlamento concedeu ao ministro a lei que procurava a tanto tempo. Para o ministro foi uma vitória. A lei aprovada pelo parlamento são-tomense, era desconhecida pelo ministério da justiça, e a sua implementação praticamente nula, tendo em conta o abuso que se faz do cigarro nos recintos fechados no país.

Confira a satisfação do Ministro da Justiça em ter encontrado a lei que proíbe fumar em espaços fechados.

Abel Veiga

 

    10 comentários

10 comentários

  1. "Nós por cá e a nossa maneira "

    9 de Fevereiro de 2016 as 11:17

    …..eu não acredito que o Roberto Raposo, que ocupou durante 6 anos o cargo de Pgr e que é PGR-Adjunto de carreira não sabe onde anda a lei que proíbe fumar nos espaços públicos ????? O que significa dizer que ele nunca leu os diários da república que são encaminhados pelo Mjustica a Procuradoria para conhecimento obrigatório dos magistrados do MP.. Até eu sei disso, porque vou muitas vezes ao mp pedir um dos meus amigos alguns decretos para fotocópiar…..awóó….dito não se acredita,só lido. Eis um sinal de grande incompetência…se ele tivesse subscrito enquanto Pgr ou mesmo ministro ao sites digital de PALOP , para o benefício das duas instituições, saberia onde o encontrar com facilidade e não teria de se sujeitar a esse vexame que só demonstra é demonstrou o quão incompetente é….bonito

  2. me pepe

    9 de Fevereiro de 2016 as 12:04

    Afinal o ministro também é ignorante. Meu Deus. Ainda bem que vai caçar Raposas depois disso tudo….

  3. Rambo

    9 de Fevereiro de 2016 as 13:04

    Viva o dgnifico eterno ministro Raposo…os inimigos sao insignificantes pra te Derrobar…tamos a investir os gajos e vamos pega-Los a todos

    • Sandro

      22 de Fevereiro de 2016 as 15:56

      Grande Rambo, fizeste jus ao nome! Metralhaste e bem o Português!

  4. Abelha

    9 de Fevereiro de 2016 as 13:48

    Granda raposo. ..os gajos nao te largam. ..mal sais-te e ja tao com saudades

  5. Lupuye

    9 de Fevereiro de 2016 as 14:03

    Ainda se permite fumar em lugares publicos em STP? Esse pais esta mesmo atrasado. E esse nao e o unico mal. As pessoas ainda conduzem sem cinto de seguranca e ha gente que diz que quem usa esta a fazer paleio. Esse cinto salva vidas. Os nossos fazedores de lei tem que deixar de pensar em serem populares e por as maos a obra e obrigar o respeito de certas leis que ja estao a ser usadas em quase todos os paises do mundo.

  6. Original

    9 de Fevereiro de 2016 as 15:24

    Já agora veja no Parlamento se encontram a lei que proíbe guardar em casa avultadas somas em dinheiro que dá origem a furtos e que os lesados nunca apresentam queixa à Polícia nem ao Ministério Privado,porque o Público não existe.

  7. FCL

    9 de Fevereiro de 2016 as 22:17

    Agora da para perceber porque e que muitos, pedófilos, assaltantes e outros marginais nunca sai presos…nao encontram as leis que permitem condena-los… Já estou a ver o filme

    – fulana , fulano hoje policia apanhou a fazercoisa com criança.. Vai lá encima de estante ver se encontra alguma lei para gente prender este senhor.

    – sr doutor , eu nao vi nada nao..

    – nao viu nada, então liberta senhor gente.. Eu nao quero problema pá minha vida nao..eu tenho meu filho para criar..

  8. VM

    10 de Fevereiro de 2016 as 9:19

    Isto é muito estranho por parte do Sr. Ministro. Pelo menos no LegisPALOP uma rápida busca permite localizar a Lei Antitabagismo, aprovada pela Assembleia Nacional de STP através da Lei n.º 3/2014, de 26 de Agosto.
    VM

  9. Pongolof

    18 de Fevereiro de 2016 as 9:59

    É triste, andam a comer o dinheiro do Povo e nada que se vê, ” bodon baço culu ” Afraca chora, o Povo lastima, pede ordem, norma, justiça, direito, enfim uma sociedade civilizada onde tudo funciona dentro dos seus peculiares eixos, onde há harmonia, desenvolvimento, defesa dos nacionais acima de todos e da Pátria que é de todos nós, unidos venceremos.

Deixe um comentário

Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo