Política

Escândalo financeiro e Máfia no poder local de Lobata

Em Maio de 2017, o Téla Nón, informou ao público que os membros da Assembleia Distrital de Lobata, órgão fiscalizador do poder local, exigiram ao Tribunal de Contas e a Inspecção Geral de Finanças, a realização de uma auditoria as contas da autarquia liderada por Policárpio Freitas.

O Tribunal de Contas atendeu a exigência dos membros da Assembleia Distrital de Lobata, e 8 meses após a solicitação da auditoria, produziu no dia 12 de Janeiro último o relatório e as conclusões.

O relatório de auditoria, do Tribunal de Contas reflecte a gestão financeira do poder local no exercício do ano 2015/2016 e no 1º semestre do ano 2017.

O Tribunal de Contas diz que a sua intervenção tinha como objectivo apurar se a utilização dos recursos colocados « a disposição dos órgãos de gestão da câmara distrital respeitou os princípios da legalidade, da regularidade e da transparência, e se os mapas financeiros reflectem a real situação financeira da Câmara Distrital de Lobata dos exercícios económicos de 2015/2016 e primeiro semestre de 2017», lê-se no relatório.

As conclusões da auditoria são escandalosas, revelam acções de características mafiosas, e acabaram por surpreender ainda mais, os membros da Assembleia Distrital, que em Maio de 2017, exigiram aos órgãos competentes do Estado a  fiscalização das contas do poder local.

«Os relatórios de contas da Câmara Distrital de Lobata dos exercícios económicos de 2015 e 2016, não reflectem de forma verdadeira e apropriada as operações administrativas e contabilísticas do periodo», começa por sentenciar o Tribunal de Contas, na conclusão da auditoria.

Nas 12 conclusões consideradas como sendo as mais importantes, o Tribunal de Contas, diz que os compromissos assumidos pela autarquia com terceiros, «não estão reflectidos no resultado financeiro».

A auditoria detectou no poder local de Lobata, um problema grave para o futuro dos funcionários públicos em São Tomé e Príncipe. Trata-se da contribuição para a segurança social. Um imposto importante para garantir o pagamento da reforma dos trabalhadores.  O valor de contribuição para a segurança social é descontado no salário mensal dos funcionários, mas não é depositado no Instituto Nacional da Segurança Social.

Em Lobata, nos últimos anos o valor da contribuição para segurança social que a autarquia descontou mas não depositou no Instituto Nacional de Segurança Social, atingiu mais de 1,5 mil milhão de dobras(mais de 52 mil euros).  O poder local também deve importante soma ao tesouro público, por via do IRS. « Da dívida pública destaca-se as dívidas para com o tesouro público (IRS), e para com o Instituto Nacional de Segurança Social totalizando Db 1.510.403.842,59 (61.648 mil euros), sendo Db.216.461.498,238 (8.835 euros) de IRS e Db. 1.293.942.344,36 (52.813 euros) contribuição para a Segurança Social», confirma o relatório do Tribunal de Contas.

É só uma ponta do iciberg, porque na realidade, segundo o Tribunal de Contas, a «dívida pública da Câmara Distrital de Lobata advinda desde o exercício de 2014, atingiu montantes elevadíssimos nos últimos exercícios e até Outubro de 2017 cifrava-se em Db.11.663.547.043,39 (mais de 476 mil euros)», precisa o relatório do Tribunal de Contas.

O Presidente da Autarquia de Lobata, Policárpio Freitas utiliza em serviço e não só, uma viatura de matrícula STP 27 – 46W. Segundo o relatório do Tribunal de Contas, tal viatura foi comprada « por ajuste directo no valor de Db 784.000.000 de dobras», equivalentes a 32 mil euros. O Tribunal de Contas acrescenta que a aquisição foi feita em clara violação dos procedimentos de concurso público.

Ainda na Câmara Distrital de Lobata, foi constatado que no periodo 2015/1016 até o prmeiro semestre de 2017, casos de pagamento de compromissos com fornecedores e aquisição de bens e serviços no total de Db 8.595.521.086,73, valor equivalente a 350 mil e 837 euros. «Com indícios de violação dos princípios de concorrência, eficiência, eficácia, e economia», sublinha o relatório de auditoria do Tribunal de Contas.

A auditoria descobriu que na Câmara Distrital de Lobata, existem inúmeras situações de despesas liquidadas e pagas em que o destino dos valores poderá não ser transparente dada a ausência de facturas. O Tribunal de Contas registou casos, despesas feitas na ordem de 1.503.409.500.00, equivalentes a 61.363 euros, sem facturas de suporte. «Não existe transparência na realização de despesas», sublinha o relatório de auditoria.

Indo mais a fundo, a equipa de auditoria do Tribunal de Contas, encontrou Indícios de ilegalidades no processamento, liquidação e pagamento de salários aos diversos servidores públicos da Câmara Distrital de Lobata.

Segundo os dados, a Câmara Distrital de Lobata, paga horas extraordinárias à Directora de Gabinete do Presidente da autarquia, ao Director Administrativo e Financeiro e à Assessora Jurídica, atingindo os Db 68.000.000.00(2775 euros). A Autarquia paga também as despesas de representação ao Presidente Policárpio Freitas na ordem de Db 45.000.000(1836 euros).

Valor mais expressivo em termos de despesas, o relatório destaca que a Câmara de Lobata paga como renda de casa ao pessoal do Gabinete do Presidente da Autarquia, assim como para o Presidente da Assembleia Distrital e para o seu Secretário,  num total de Db 520.898.720(21.261 euros).

O relatório de auditoria do Tribunal de Contas decidiu como sanção, atribuir responsabilidade financeira por todas as irregularidades registadas, e descritas na auditoria, ao Presidente da Câmara Distrital de Lobata Policárpio Viegas de Oliveira Freitas e ao Vereador Profissional, Euclides Rodrigues Bulo.

O leitor deve consultar o estrato do relatório de auditoria do Tribunal de Contas que chegou a Redacção do Téla Nón, para melhor se inteirar do escânadlo financeiro registado e denunciado pela auditoria.

1 – Camara Distrital Lobata1

2 –Camara Distrital Lobata2 (1)

Téla Nón

    30 comentários

30 comentários

  1. Ana

    19 de Fevereiro de 2018 as 20:50

    Por isso é que estão com medo do Silva, a mt mer… Por debaixo desse governo…. Silva como é que é, metes esses gajos nas grandes… Eles k façam o que eles

  2. Revoltado

    19 de Fevereiro de 2018 as 21:08

    Não quero perder a esperança de que o ministério público vai enquadrar o tipo já, e os tribunais o coloquem no xilindró!
    Mas ele terá também que repor esse valor, que Ari al saiu dos meus i postos também.
    Maldito!

  3. Maria Silva

    19 de Fevereiro de 2018 as 21:11

    País sem futuro, provas claras de um estado FALHADO!
    É muita corrupção para um pedaço de terra de 1001km quadrado…..
    Eu não consigo ver dias melhores para STP ( não é falta de optimismo, é facto mesmo) lamentável!!

  4. Neca

    19 de Fevereiro de 2018 as 22:13

    O Marcelo já chegou ?

  5. Angel Alison

    20 de Fevereiro de 2018 as 8:09

    Deixem nos trabalhar!
    kkk
    kkkkkkk
    kkkkkkkkkkkk

    o ADI está a sair melhor do que a encomenda.

  6. Democracia em perigo

    20 de Fevereiro de 2018 as 8:25

    Olha,aliás esse gajo nunca deveria estar a frente duma Instituição Pública. Entram na política para isso,muita vergonha esse ADI.
    Agora só resta o Ministério Público fazer a acusação imediatamente e prender os bandidos envolvidos,o director da DAF.
    Depois de todas as provas apresentadas pelo Tribunal de Contas e Inspeção de Finanças,e com provas,num país sério,o Presidente de Camara e o Director Administrativo já estaria detido a aguardar o julgamento.Vamos ver o desfecho disso…

  7. Democrático

    20 de Fevereiro de 2018 as 9:53

    Deveriam responder pelos crimes de gestão danosa os Senhores: Patrice Trovoada, Américo Ramos (ministro das Finanças), Policárpio Freitas, Euclides Bulo…

    Existem muitas falcatruas destas personalidades na Câmada Distrital de Lobata.

    Abuso de poder, corrupção, e desrespeito as principais leis: a Lei nº 8/2009, Lei nº 3/2007, Lei 1/2013

  8. ANCA

    20 de Fevereiro de 2018 as 10:03

    As questões de foro da justiça devem merecer atenção acompanhamento rigor de aplicação de normas e procedimentos regras do sistema de justiça.

    É urgente aliado ao sistema regras rigor procedimentos financeiros, dotar o país (Território/População/Administração), enquadramento legal de procedimentos, regras, rigor de contabilidade local, regional, nacional, de forma através de do instrumento orçamental, puder fazer a gestão administrativa financeira de uma instituição de um determinado território/população, com isenção, transparência, modernização administrativa contabilista e financeira, para o governo central, para os ministérios, para a presidência da república, para as autarquias locais, para a região administrativa do Principe, para instituições públicas/privadas, para empresas, para a sociedade civil organizada, para que haja uniformização dos procedimentos, regras, para o rigor, isenção, transparência de uma verdadeira contabilidade nacional.

    Por outro lado necessário, apetrechar, fazer progressos evolução, no nosso sistema nacional de estatística, quer no INE-STP, quer nos Ministérios, quer nas instituições, efectuar todas as condições, quer em recursos humanos bem qualificados, quer em termos de competência, quer em termos financeiros nacionais, quer mediante pedidos de ajudas ao nossos parceiros, para que possamos levar a cabo este objetivos.

    Pois do desenvolvimentodas (fazer com que haja dados estatísticos fiáveis e disponíveis, a partilha destes dados entre as instituições, o seu conhecimento pela sociedade civil organizada) estatísticas locais, regionais, nacionais, a nível socias, cultural, ambiental, desportiva, política, económicas e financeira, e sobretudo sobre os recursos do território mar, poderemos obter uma visão, conhecimento, para as tomadas das decisões administrativas, de investimentos, de intervenção de programação e planeamento das decisões políticas legislativas, evitando o desperdício em termos de tempo, de recursos.

    A África e inclusive São Tomé e Príncipe, jamais dispos de um sistema desenvolvido de tratamento de dados estatísticos que permitisse ou que permite, ter uma visão sobre as dificuldades os problemas as realidades do território/população/administração, mar, de modo a basear as decisões políticas como suporte de interação e conhecimento para o progresso para a modernização para o desenvolvimento sustentável, as são por vezes tomadas a nível da visão político partidárias ou de interresses de grupos, daí se concluir que nós africanos, nós os cidadãos administração SaoTomense, temos dificuldades em contabilizar, jamais sabemos contar apurar dados para preparar as nossas decisões de gestão,para o bem de administração dos nossos recursos Território/População/Instituições e do recursos mar, quer a nível social, demográfica, cultural, desportiva, ambiental, política, econômico e financeiro.

    Há que fazer um esforço de administração neste sentido de modo evitar, perdas de tempo e desperdiçar recursos…

    Uma curiosidade quantos funcionários qualificados tem o nosso INE-STP, para levar a cabo está missão? Os números valem o que valem….

    Que recursos orçamentais, financeiro estão disponíveis, ou se consegue atrair para esta causa?

    É verdade somos um país pequeno, insular, mais temos que nos organizar, temos que definir prioridades, do que queremos modificar, fazer progredir…

    És de São Tomé e Príncipe, acredita em ti, tu és capaz, organiza-te, trabalha, produz, estuda, evolui.

    Pratiquemos o bem

    Pois o bem

    Fica-nos bem

    Deus abençoe São Tomé e Príncipe

  9. Lembá

    20 de Fevereiro de 2018 as 10:29

    Falta a Câmara Distrital de Lembá para o efeito.

  10. ANCA

    20 de Fevereiro de 2018 as 10:41

    De recordar que o nosso hino e simbolo nacional, remete-nos para independência total é absoluta, mas dependemos a 100% ou mais % do trabalho suor, dos outros povos, que economica quer financeiramente.

    Nos tempos presentes, tendo em conta realidade financeira do país (território/população/administração), e os números valem o que valem,faz sentido algum, andarmos nas cerimónias nacionais internacionais, sobretudo na representação diplomática competições desportivas, na representação de cooperação de negócios estrangeiros, relações internacionais, andarmos a evocar cantar a letra a independência total absoluta?

    E a nossa bandeira a representação significadas das cores, e estrelas faz sentido?…De recordar apesar das representatividade das estrelas como duas ilhas, as estrelas brilham no céu.

    Pois é disto que se trata país(Território/População/Administração) pequeno, com dupla insularidade, duas ilhas e Ilhéus com limitados recursos humanos, naturais, com choques externos internos a nível das alterações climáticas. Isto nos impõe consequências e desafios importantes, pois que jamais se administra uma ilha, como se de território continuo, ou um continente, com recursos disponíveis se trata-se. Dependemos de ajudas económica e financeira externa, nada ou pouco produzimos, somos um país pequeno isolado dependente, económica financeiramente, isso nos impõe, importantes consequências, sociais, culturais, ambientais, desportivas, políticas, económicas e financeiras, de independência quentemos que saber enquadrar e juntos resolver.

    Apesar da pequenez de um território nada significar, porquanto há países pequenos que podem sem considerados grandes, países grande serem considerados pequenos.

    E jamais existem territórios/população pobres, existe sim nós mal administrados, o que faz gerar e aumentar a pobreza a fome a miséria.

    Temos que saber tirar as verdadeiras ilações disto, Sensei queremos ser bem sucedidos

    És cidadão de São Tomé e Príncipe, acredita tu és capaz

  11. Lobatense Quente

    20 de Fevereiro de 2018 as 11:51

    Há um velho ditado português que diz assim”A MULHER DO REI NÃO É OBRIGADA SER SÉRIA, MAS ELA DEVE DAR SINAL DE QUE É SÉRIA”.
    Estamos ainda com a memória fresca quando o Senhor Policarpo Freitas fez a sua primeira aparição pública em chamar a TVS e a Policia distrital de Lobata para arrebentar a porta do Gabinete onde trabalhava o seu antecessor dando sinais de que se tratava de um revolucionário dos tempos modernos e que era o melhor de todos os presidentes k passaram por lobata e até foi considerado em 2015 o autarca do ano através das artimanhas que são usados pelos políticos pouco sérios como o seu patrão Patrice Trovoada.

    Passado três anos e meio eis afinal o resultado da fúria que nutria Policarpo Freitas este Presidente que nem Português sabe falar fluentemente, mesmo nas entrevistas combinados no FORUM AFRICA.

    Estamos perante um GATUNO DO SECULO disfarçado de cordeiro. O Ministério Publico deve agir para prender este gatuno que endividou a Camara em benefício próprio e não se sabe como será a vida do próximo inquilino? visto que o Patife Trovoada já vinha dizendo que não revia na pessoa de Policarpo a frente da Autarquia.

    ” O PEIXE MORRE PELA BOCA, manchastes o outro para dizer que és o Santo e agora? como pode explicar esse imbróglio sem complicar. Estamos cá pra ver.

    • Homem Justo Sem Pecado

      21 de Fevereiro de 2018 as 11:45

      Ele pra entrar teve que arrombar a porta e depois de estar la dentro decidiu sim de arrombar o COFRE e até “o POVO PEQUENO” foi roubado.

  12. Conceição Pereira Neves

    20 de Fevereiro de 2018 as 15:24

    Porquê a TVS não noticiou este relatório de auditoria, mostrando fotos do Srs. Policarpo Freitas e Euclides Bulo?! Como já fez no passado, com outros relatórios de auditoria.

    O quê o Sr. Mestre de Explicar Sem Complicar , o Sr. Patricio Trovoada tem a nos dizer?

    Qual ºe a diferença entre o ADI e o MLSTP?!

  13. Paulo Gonzaga

    20 de Fevereiro de 2018 as 15:32

    Isto ja era de esperar. Num pais serio onde funciona o principio de competencia e do saber esse policarpo freiras jamais poderia ser um presidenre de camara. Ele e um burro autentico que bem sequer sabe falar. Andou em portugsl bas obras deixando cair marmitas de espaguete nos autocarros e logo a seguir vem pelas custas do ADI que gosta de gente barrata e assume presidencia da camara. Agora , face a esse escandalo, o que patrice trovoada vai dizer?

  14. Sgt.Tamandani

    20 de Fevereiro de 2018 as 16:43

    Devemos convidar esta máfia para o governo e deixá-los aspirar Lord Umbikwe. Suas bolas na margem mantêm os mafiosos dentro para atribuir outras nações africanas.

  15. Lord Umbikwe

    20 de Fevereiro de 2018 as 16:44

    Não se preocupe com meu povo, pois meus mercenários destruirão a máfia do mapa e a nação de São Tomé aguardará dias de paz.

  16. Fugi Fala

    20 de Fevereiro de 2018 as 17:33

    O meu comentário tem como finalidade dar a minha singela opinião, no sentido de haver um decreto onde conste a obrigatoriedade de autoria anual à todos os serviços públicos e empresas estatais, de modo pôr termo a esta “endemia” que assola o país, reflectindo negativamente no seu desenvolvimento.

    Uma pergunta que deixo no ar: Se os descontos feitos aos trabalhadores, não foram depositados na Segurança Social, o que será desses mesmos trabalhadores quando chegarem a idade de reforma? Não brinquem com o sacrifício, suor e lágrimas das pessoa.

    Cabe ao Tribunal Supremo de Justiça agir em conformidade. Esperemos que as dividas medidas sejam tomadas.

    Os infractores devem ser obrigados a restituir na totalidade tudo o que utilizaram indevidamente.

  17. AMADEU FALA COMIGO

    20 de Fevereiro de 2018 as 19:07

    Obrigado a Assembleia distrital de Lobata pela initiative de recorder ao tribunal de contas para clarificar a gestao danosa nesta camara que talvez o cenario identico iremos encontrar em LEMBA, Cantagalo, Agua Grande e ME Zochi. Ficamos todos a saber quem Sao os verdadeiro ladroes. Acusavam outros de ladroes mas esta quadrilha ora no poder esta delapidar escandalosamente e sem se important.
    A comunidade internacional fica sabendo que STP esta a saque e cada um esta enchendo os seus bolsos para safar e venham dizer aos destraidos que apelidaram de povo pequeno que este ggoverno esta a trabalhar.

    Como o “GATU NGANHA” Policarpo Freitas ira justificar aos trabalhadores sobre os descent os k foram feito e ficaram em seu poder?
    Qual o paper do Ministerio Publico nesta cenario toda. Se nao cortar em o mal pela raizes se queremos ser realmente serios nem Vale apenas chamar isso de Pais.
    A casa em construcao em Conde e a quinta localizada em linha de Agua Casada lado a lado com a do Americo RAMOS outro gatuno foi onde entraram os milhoes de materials de construcao que comsta na lista de materials adquiridos na firmament NOUR Lda.

    Como e possivel que o GATU NGANHA yer alugado uma viatura de sua mulher para a Camara a 90 EUROS dia e deixou todas as viatura encontrada na Camara deixada pela anterior gestao, hoje nas oficinas e recorreu a aluguer de viaturas de particulares com uma divida de mais de 800 milhoes de dobrasto durante os 3 ultimos anos.

    Que gestao e esta? Que exemplo dao para dI ze remember k Sao melhores. Em que? ROUBLE?

    POVO ESTE E O ADI DESSE ADI. Queremos saber o k o Govérno ira fazer face a isso. Tenho pena de Euclides Buio que na ganancia de tudo quer vai ter que mamas o BUIO de verdade.

  18. SunZedo

    21 de Fevereiro de 2018 as 7:32

    Credo um país q depende de ajuda internacional, estão a hostilizar o povo santomense

  19. Jose Carlos

    21 de Fevereiro de 2018 as 8:06

    Ainda recentemente, vi na RTP Africa uma entrevista do Presidente da Camara de Lobata onde dizia que tinha feito um excelente trabalho, pois é o trabalho é tão bom, sim para o seu bolso….

  20. Homem Justo Sem Pecado

    21 de Fevereiro de 2018 as 12:17

    Senhor Policarpo Freitas como sabemos o seu perfil enquanto homem de marketing tens sempre chamado a TVS para publicitar as obras que fez e mesmo as que não fez como o edifício da Camara Distrital de Lobata que o senhor chamou a si a autoria da obra dizendo que o construiu de raiz sabendo que o senhor nem sabe sequer quem o projetou e o que queria de facto com o edifício que era destinado a Juventude.

    Seria muito bom e um serviço de decência que o senhor chamasse a TVS para explicar sem complicar o que espelha no relatório de auditoria produzido pelos técnicos do tribunal de contas uma vez que os serviços de inspeção de finanças que também haviam pedido o mesmo trabalho não o fez por ordens superiores para encobrir o que está debaixo da pasta.

    O Abenildo Oliveira o defensor e o orador de conversa fiada na Assembleia não vai comentar isso na plenária. Se são de facto contra a corrupção pedimos a bancada parlamentar do ADI a aconselhar o ministério publico em avançar com essa ação de corrupção vergonhosa nunca visto na camara de Lobata.

    O senhor acabou com uma das melhores bibliotecas do país construído e equipado pela camara de Seixal e amontoou os livros numa sala como quem desprezou a sabedoria visto que a biblioteca é casa de sabedoria porque o livro é um mestre mudo.

    Acabou com a biblioteca, criou a mediateca com financiamento de Taiwan, hoje com a sua cara de judas apagastes o letreiro da inauguração do edifício da biblioteca que foi inaugurado pelo ex-Presidente da República Miguel Trovoada, arrancaste o letreiro que dá conta que foi Taiwan o financiador na mediateca onde se cobra emolumentos e utilizam em beneficio de quem as cobra sem sofrer qualquer sanção porque o senhor não é uma pessoa de bom exemplo.

    Os LOBATENSES gostariam de o ver a dar uma conferencia de imprensa a explicar as artimanhas suas na camara.

  21. Lan

    21 de Fevereiro de 2018 as 18:14

    Falta a fiscalização nas acções do governo por parte do tribunal de contas, nunca se consegue explicar na assembleia o que é feito com os impostos cobrado aos cidadãos. E o tribunal de contas nunca dá um relatório eficiente

  22. kabuque

    22 de Fevereiro de 2018 as 19:23

    Isto é um caso muito grave e muito falta de responsabilidade como é possível meu Deus!!!! Espero que o chamado presidente Capio chame a comunicao social para explicar está grave situação isofurir o suor de outros Pegar no dinheiro dos lobatenses por direito faser das suas ele emediatamente tem que ser expulso das fusões e depois repor todos esses valor na camara e depois mandar esse mesmo Capio para cana senhor filho da puta

  23. Cidadão Revoltado

    23 de Fevereiro de 2018 as 9:24

    Minha gente vamos ser sérios. Como é possível o Tribunal de Contas faz uma auditoria á uma instituição autárquica que é por conseguinte instituição do Estado e produz um relatório relatando as atrocidades do Presidente da Câmara, num país sério o Governo para dar sinais de seriedade devia no mínimo suspender o Presidente das suas funções.

    Como se explica que tudo está se passando como que se fosse um boato posto a circular. Afinal o relatório do tribunal de contas não tem valor? Mas que país é esse? Os trabalhadores da Câmara deviam fazer manifestação diante da Câmara impedindo a entrada do Policarpo na Câmara pois os valores descontados aos trabalhadores estão em parte incerta e em causa esta a pensão dos trabalhadores.

    O senhor Primeiro Ministro disse publicamente que o povo deu ao ADI maioria absoluta para fazer reformas. Proteção aos corruptos também é uma dessas reformas? A imagem do país está na lama com a onda de corrupção instalada e se de facto este fenómeno morrer na praia então o ADN do partido ADI é mesmo vir desgraçar STP e Djabu levá “Povo Pequeno” que fez essa tamanha asneira em meter a raposa no galinheiro.

    Sinto revoltado e envergonhado com tudo isso. CREDO PAÍS. Se fosse alguém de outra coloração politica já vinha o primeiro ministro dizer que as decisões dos tribunais são para se cumprir como passou na novela recente da cervejeira Rozema.

  24. Viva Lembá

    23 de Fevereiro de 2018 as 10:29

    A Câmara Distrital de Lembá esta envolvido em seguinte escândalo financeiro:
    – Compra de viaturas a avultado preço;
    – A obra de padrão a sua sorte;
    – A obra da calçada do Bairro Água Tomá morta;
    – Não foi lançado concurso publico para essas obras;
    – Vereadores são empreiteiro e fiscalizador;
    – Etc e Etc.

  25. Fala fina e sem rancor de ninguém

    25 de Fevereiro de 2018 as 8:38

    Policarpo freitas é um presidente que tem dado nas vistas de muitos pelas acções feitas por isso está sendo persiguido pela oposição, agora pergunto em STP quem não deve segurança social…se calhar até tela non e partido dos troikas…quanto pagamento de segurança social ficou atirado a sua sorte pelos governantes de Troikas quando estavam no poder…oposição está frustado e querem voltar a força ao poder, mas o Povo pequeno vai dar ADI a maioria absolutismo pra acabar de uma vez por toda com as suas bocas…faça uma oposição responsável e deixa ADI trabalhar e que bem sabem…só se fala de quem realmente está fazendo alguma coisa pra esse povo…Patrice Trovoada, Policarpo Freitas e entre outros…Povo de Lobata Poli trabalha ou não…trabalhou mais que os três presidentes que passaram por lá, estou distante mais percebo das coisas…o quê Filinto fez ao não ser troca de terreno com as mulheres, Demonstre só ameaçava com bala as pessoas e Hermenegildo só multiplicou as mulheres e era criticado por proprio elemento do seu partido Troika, sabem se deixaram ou não segurança social por pagar…deixa homem trabalhar e as dívidas de segurança social serão pagas…sou de guadalupe e não porque estou fora que não conheço tudo isso… O pior presidente que passou pela Lobata é o Filinto de todos terrenos vendidos e até vendeu estrada e hoje o mesmo ainda tem grande terreno na estrada que liga a Santa Luzia e o pessoal de Santa Luzia deveria invadir, isto porque ele não dono de Lobata, vendeu terreno na estrada de praia morro pra SATOCAO e ainda mesmo na estrada de Santa Luzia um grande terreno pra metalugica…povo abre os olhos com esses gatunos de Troika de Guadalupe, eles não gostam que os outros mandem no seu Distrito e por isso procuram todas as formas de bloqueio…ADI Sempre a subir com acções clara para o povo pequeno…Patrice Trovoada o povo pequeno está e estará sempre consigo…se Senhor nos deixar vamos morrer na mão de Troika

    • Justo

      27 de Fevereiro de 2018 as 17:26

      Tens muita lata oh fala finally. Das duas uma, andas destraido ou estravagancia tambem da quadrilha do ADI e tens recebido luv as do Poly. Se achas k este ladroes foi quem mais fez por Lobata enganastes. A manorial das obras inaugural as sem ser as financial as pelo governo foram chafarizes e lavandarias reabilitacao e nada mais. A ponta obras de volto financiado pela camara como foram as do MENE.

  26. E. Tavares

    25 de Fevereiro de 2018 as 10:23

    Como é que nem a oposição nem o governo muito menos o presidente da câmara distrital de lobata não reagiu à esse relatório? Porquê que está notícia não passou na TVS.Afinal de conta que país estamos ?

  27. António Morais e Manuel Morais

    26 de Fevereiro de 2018 as 10:25

    O Senhor Presidente da Assembleia Distrital de Lembá e os seus membros deveriam fazer o mesmo , não faz porque Presidente da Assembleia Distrital de Lembá é Fiscal da obra da calçada do Bairro Água Tomá, no Bairro onde o mesmo foi eleito sem ter votado , porque era eleitor uma vez que não tinha cartão eleitor, o mesmo Presidente da Assembleia Distrital de Lembá o CESALTINO DENTXI BETO , só anda a controlar todos os funcionários da Câmara em vez de supervisionar os trabalhos dos Órgãos , o Presidente e os Vereadores. Que transformaram a Câmara num centro de negócios , comprando CARROS VELHOS a avultado preço, VENDERAM UM CAMIÃO MERCEDES, para GIKA NIGERIANO sem concurso publico , apoderaram de GERADOR DA CÂMARA que até hoje não se sabe o paradeiro, TAMBÉM DESCONTAM AOS FUNCIONARIOS O VALOR DE SEGURANÇA SOCIAL E NÃO DEPOSITAM HÁ DESDE O ANO 2015,O DIRECTOR DA DAF,NÃO APARECE NO SERVIÇO HÁ MAIS 1 MÊS etc . São essas coisas que são serviços da Assembleia Distrital E DO SEU PRESIDENTE QUE É FISCALIZAR AS ACÇÕES DA CÂMARA E PEDIR AUDITORIAS AS CONTAS DA CÂMARA.PEDI AUDITORIA.

  28. Jose Manuel Coelho

    3 de Março de 2018 as 6:34

    Senhores deputados da oposicao parlamentar, apelo-vos em levantar esse assunto no parlamento de modo remeter esse relatorio ao PGR de modo a chamar esses bandidos e gananciosos a responsabilizarem pelos seus crimes.

    Para a bancada do ADI teem oportunidade de mostrarem aos santomenses k Sao contra a corrupcao realmente.

    Nao venham fazer tabua raza nessa material. Mostram ao povo pequeno que foi manifestar diante o palacio dos congressos o porque k eles nao foram la pra fazer fiasco.

Deixe um comentário

Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo