A Volta do Cacau 2011 teve mais uma etapa, na última Sexta-feira dia 26, com partida em Neves e chegada em Santa Catarina

A curta distância desta etapa é típica dos contra-relógios, modalidade do ciclismo que premeia os atletas mais velozes. Com início às 9h em Neves, onde também houve a especial animação das Voltas do Cacau com Bulauê e teatro de rua, a prova decorreu, mais uma vez, sem qualquer incidente e com grande apoio das comunidades locais, em particular na partida e chegada.

Foi uma prova bastante competitiva com os primeiros atletas a cumprirem tempos bastante próximos. Quem levou a melhor desta vez o atleta Angola e vencedor da Volta do cacau 2010, Igor Silva, a percorrer os 16km em 24 minutos e 16 segundos. O segundo classificado foi o actual detentor da camisola amarela, o São-tomense Alberto Pereira a concluir a prova 1 minuto e 32 segundos depois do Igor Silva.

O pódio ficou completo com o atleta da equipa nacional de Angola, Walter da Silva, a completar a prova a 1 minuto e 42 segundos do primeiro classificado. Apesar do 2º lugar, a amarela mantém-se com o jovem São-tomense, Alberto Pereira. Confira em baixo a atribuição das várias camisolas após a 2ª etapa:

  • Camisola amarela/grupo-Pestana, que representa o 1º classificado geral de tempo – Alberto Pereira;
  • Camisola branca às bolinhas/CST, que representa o 1º classificado geral da montanha – Alberto Pereira (camisola atribuída a José Lopes, atleta de Cabo-Verde, por impossibilidade de acumulação de camisolas);
  • Camisola verde/Direcção geral de turismo, que representa o 1º classificado por pontos – Edney Quaresma;
  • Camisola branca//MCPA, que representa o 1º classificado da geral dos jovens – Alberto Pereira (camisola atribuída a Marcelino Augusto, atleta da equipa Benfica Luanda, por impossibilidade de acumulação de camisolas);
  • Camisola Azul/Embaixada Francesa, que representa o 1º classificado da geral dos juniores – Fábio Costa (equipa Água Grande);
  • Camisola Rosa/Aliança Francesa, que representa o melhor São-tomense – Alberto Pereira (camisola atribuída a Marcelino Augusto, atleta da equipa Benfica Luanda, por impossibilidade de acumulação de camisolas);
  • Boné CECAB KAOKA, atribuídos à melhor equipa da prova – equipa Margarida Manuel.

Ao final da 2ª etapa o balanço para as equipas São-tomenses continua bastante positivo a arrecadarem a maior parte dos prémios em jogo. Aproximam-se as 2 etapas finais e também as mais duras, por isso augura-se um final bastante competitivo e entusiasmante para este edição da Volta do Cacau.

Venham apoiar a vossa equipa, venham à grande festa do ciclismo São-tomense.

Toda a informação da Volta, incluindo a classificação em detalhe em: www.voltadocacau2011.blogspot.com.

  1. img
    walter da silva Responder

    belas imagens…volta do cacau e fixxxxxxxxxxxiiiiiiiiii

Deixe um comentario

*