Política

MLSTP/PSD propõe “Agenda de Consenso”

Para garantir o crescimento económico, social e cultural de São Tomé e Príncipe, o Presidente do MLSTP/PSD Aurélio Martins, considera que é preciso tomar medidas inadiáveis. Por isso desafiou todos os partidos com representação parlamentar, a discussão de uma “Agenda de Consenso”.

Na reabertura das sessões plenárias da Assembleia Nacional, o futuro de São Tomé e Príncipe, país que assinala em Julho próximo 36 anos de independência, esteve no centro da reflexão do líder do MLSTP/PSD. «São Tomé e Príncipe vai assinalar, em Julho próximo, o seu trigésimo sexto aniversário da Independência Nacional, e somos todos chamados a reflectir sobre o nosso passado, o presente e particularmente o que podemos – e devemos – construir para o futuro», declarou.

Segundo o Presidente do MLSTP/PSD o futuro do arquipélago são-tomense, passa por «um verdadeiro crescimento económico, social e cultural do nosso País, o que implica a tomada de medidas inadiáveis e urgentes. É, nesta perspectiva, que renovamos a nossa disponibilidade de dialogar com todas as forças vivas da Nação e aproveitamos esta ocasião para lançar a ideia dos partidos com representação parlamentar iniciarem a discussão de uma “Agenda de Consenso” de modo a assegurar a estabilidade política e governativa para a presente década», frisou.

Para Aurélio Martins o executivo de Patrice Trovoada, pode contar com a colaboração do MLSTP/PSD, na construção de um clima de estabilidade, assegurada por uma oposição construtiva. «Faremos uma oposição construtiva, porque este executivo, liderado pelo Primeiro Ministro, Patrice Trovoada, líder do ADI, precisa de cumprir as suas promessas eleitorais e dessa forma, melhorar as condições de vida dos cidadãos», explicou para depois acrescentar que «Faremos uma oposição construtiva, porque “um tempo novo” que advogamos para o MLSTP/PSD, passa pela criação de um espaço de diálogo permanente e com isso, encerrar um ciclo de instabilidade governativa que vem desde o início da segunda República. Primamos, no entanto, pela boa governação, a gestão transparente dos bens públicos e o combate à corrupção. Se depender de nós, evitaremos que o País conheça de novo, 10 primeiros-ministros em 10 anos», garantiu o Presidente do MLSTP/PSD.

No discurso proferido na reabertura da sessão plenária da Assembleia Nacional, o Presidente do MLSTP/PSD, não esqueceu de se referir a política do governo para a comunicação social. «A Comunicação Social foi, é e sempre será, um instrumento importante para a consolidação do Estado de Direito Democrático. Preocupa-nos, sobremaneira, o funcionamento actual dos órgãos públicos de Comunicação Social no que diz respeito à falta de isenção no tratamento das notícias. Há sinais claros de tentativas de manipulação de notícias em função de estratégia político-partidária do Governo», concluiu.

Abel Veiga

.

    67 comentários

67 comentários

  1. Ovumabissu

    18 de Abril de 2011 as 11:17

    Mentiroso compulsivo.

    Na semana passada disse que se for eleito PR tudo fará para levar o MLSTP/PSD de novo à governação do país.

    Agora vem dizer que está disponível para ajudar o governo do ADI a cumprir o mandato.

    Este recuo de AM é bem revelador do desnorte que grassa no MLSTP/PSD.

    O AM tem que perceber (vamos lá ver se consegue) que depois de anunciar que é candidato a PR, qualquer iniciativa que tome ou acto em que participe na qualidade de presidente do partido está irremediavelmente inquinado por este facto (ser candidato a PR).

    Portanto, a intervenção na AN é tão e somente mais um inócuo acto de (pré)campanha.

    • flocanidu

      18 de Abril de 2011 as 13:38

      Mabissu

      O título da notícia devia ser: MLSTP/PSD propõe agenda “non sense”.

      É só rir!!!

    • António Veiga Costa

      18 de Abril de 2011 as 14:43

      Concordo em genero, número e grau.

    • kimi-kimi

      21 de Abril de 2011 as 0:05

      Mais do que mentiroso é preciso não ter ponta de vergonha.
      Esse senhor esta a envergonhar os jovens de são tomé e príncipe, o homem nem sabe o que diz nem o que vai fazer.
      Candongueiros sem formação no poder dá nisto!!!!!!!!

    • ambrosio silva

      21 de Abril de 2011 as 5:21

      Finalmente estamos todos de acordo meus amigos o país ficou malaboia.
      Todos podem ser tudo mesmo quando não demonstram capacidade e competência.
      Obrigado amiga são vamos denunciar os que nos querem matar e comer. Vamos mudar o país

  2. NANDO VAZ (ROÇA AGOSTINHO NETO)

    18 de Abril de 2011 as 11:23

    A POLÍTICA COMO A CIÊNCIA DO BEM COMUM PODE E DEVE ESTAR ABERTO PARA DEBATE PÚBLICO E NÃO LIMITAR SÓ aos partidos com representação parlamentar. como um cidadão activista de cidadania activa para a “Agenda de Consenso” proposto por nosso inquestionável líder glorioso, proponho a remodelação mais rápido possível do actual governo, em consequência a criação urgente do MINISTÉRIO DA AGRICULTURA A DESENVOLVIMENTO RURAL!.. NANDO ROÇA.

  3. london

    18 de Abril de 2011 as 12:17

    joao cavalo

  4. Mario Gomes

    18 de Abril de 2011 as 12:55

    Esistem seres hunano e guistas e invejoso que vivem falando e projudicando a reputaçao de gente digna que tem vontade e capacidade de mudar o páis trasendo UM TEMPO NOVO PARA TODOS para o bem de todos nos.Camarada Aurélio tens o apoio de pessoas que querem um S.T.P com crescimento em todos os sentido.FORÇA

  5. Madalena

    18 de Abril de 2011 as 13:31

    A candidatura de Aurelio Martins, rompe com o ciclo vicioso de que filhos de familias humilde, não podem ser dirigentes. É lamentavel, os comentarios contra este cidadão nacional, só por causa da sua origem.
    Rendo a minha homenagem a todas as mães de STP, que criam os seus filhos, com sacrificios, vendendo banana, alimentos,roupa,cervejas, etc, para darem a educação e saude aos seus filhos.
    Estas mães solteiras devem estar orgulosoas de verem os seus filhos a triunfarem.
    Em São Tomé e Principe, não há filhos de dentro nem de fora.

  6. Madalena

    18 de Abril de 2011 as 13:32

    queria dizer orgulhosas

  7. Kundu muala vé

    18 de Abril de 2011 as 13:34

    “Hoje sou um homem feliz,
    Depois do que aconteceu ontem na reunião com o candidato Liberato Moniz, nosso futuro Presidente de São Tomé e Príncipe, sou hoje um homem feliz e julgo que todos por que la passaram pois ouvimos um verdadeiro homem de estado.
    Decidido, pronto a apoiar o governo, pronto a trabalhar com os que estão no poder, pronto a acabar com a injustiça, pronto a dar as condiçoes de trabalho aos tribunais para trabalhar, pronto a dar todas as condiçoes aos pequenos agricultores, pronto a recuperar as nossas empresas agrícolas das mãos dos dirigentes que apoderaram das nossas terras levando o povo a miséria e, mais ainda pronto a premiar quem trabalha e penalizar com ajuda da justiça queles que roubam o povo deixando cada vez mais pobre.
    Para vos dizer que pela primeira vez ouvi um dirigente sãotomense dizer que devemos ter vergonha das constantes falhas que temos tido, mudando sempre de governos em interesse próprio e não fazendo nada pelo povo.
    Senti e ouvi ontem que vamos ter um presidente que olha para todos os sãotomenses e estara sempre perto dos sãotomenses seja lá onde os filhos da terra viverem.
    Finalmente julgo que Deus esta a nos abençoar, a nos ajudar a encontrar o caminho para salvar e dignificar a nossa terra.
    Por isso peço a todos o especial favor de não terem vergonha de apoiar os sãotomenses que verdadeiramente querem ajudar o nosso país.
    Vamos meus amigos apoiar Liberato Moniz esse jovem que nunca foi político, nunca ocupou qualquer cargo político e que aparece hoje a querer ajudar o povo dentro e fora do país.
    Eu acredito e vou estar atento para também poder ajudar”

  8. flocanidu

    18 de Abril de 2011 as 13:40

    Pela actualidade e porque parece-me mais adequado, recupero para esta notícia um “post” do Kimi-Kimi noutro artigo.

    “Hoje sou um homem feliz,
    Depois do que aconteceu ontem na reunião com o candidato Liberato Moniz, nosso futuro Presidente de São Tomé e Príncipe, sou hoje um homem feliz e julgo que todos por que la passaram pois ouvimos um verdadeiro homem de estado.
    Decidido, pronto a apoiar o governo, pronto a trabalhar com os que estão no poder, pronto a acabar com a injustiça, pronto a dar as condiçoes de trabalho aos tribunais para trabalhar, pronto a dar todas as condiçoes aos pequenos agricultores, pronto a recuperar as nossas empresas agrícolas das mãos dos dirigentes que apoderaram das nossas terras levando o povo a miséria e, mais ainda pronto a premiar quem trabalha e penalizar com ajuda da justiça queles que roubam o povo deixando cada vez mais pobre.
    Para vos dizer que pela primeira vez ouvi um dirigente sãotomense dizer que devemos ter vergonha das constantes falhas que temos tido, mudando sempre de governos em interesse próprio e não fazendo nada pelo povo.
    Senti e ouvi ontem que vamos ter um presidente que olha para todos os sãotomenses e estara sempre perto dos sãotomenses seja lá onde os filhos da terra viverem.
    Finalmente julgo que Deus esta a nos abençoar, a nos ajudar a encontrar o caminho para salvar e dignificar a nossa terra.
    Por isso peço a todos o especial favor de não terem vergonha de apoiar os sãotomenses que verdadeiramente querem ajudar o nosso país.
    Vamos meus amigos apoiar Liberato Moniz esse jovem que nunca foi político, nunca ocupou qualquer cargo político e que aparece hoje a querer ajudar o povo dentro e fora do país.
    Eu acredito e vou estar atento para também poder ajudar”

  9. Celsio Junqueira

    18 de Abril de 2011 as 13:50

    Caros,

    O Lider do MLSTP em vez de preparar o partido para que seja uma alternativa válida ao Governo com um projecto e pessoas crediveis e reputadas, saca sempre umas frases/ideias lindas de se ouvir e que na pratica dizem pouco ou nada.

    Diz o “Ovumabissu” é um recuo do AM. Não acho e bem gostaria que fosse. Considero que estamos em presença não de um momento de “desnorte” mas sim de uma estrutura parada, imobilizada e sem operacionalidade efectiva no terreno politico.

    Infelizmente!

    Gostaria que o actual Governo tivesse uma Oposição efectiva porque isso melhoria imenso o desempenho do mesmo. E o povo também teria uma opção de escolha/alternativa caso não gostasse do actual.

    Abraços,

  10. Armindo Lopes

    18 de Abril de 2011 as 14:08

    Um tempo novo,o povo estara preparado para a mudança com o nosso candidato AURELIO MARTINS ..

  11. chana

    18 de Abril de 2011 as 14:11

    Todo este falatorio e de grande bandidagem que esta sendo preparada , que qualidade tens para falar em estado de direito , pergunte aos teus professores da dita faculdades se e que tens , quem andou a fazer-te as provas .Ve se pagas o salario em atraso dos trabalhadores da Gibela que nao pagas a largos meses , nem o teu irmao o DR Paulo popaste.Seu oportunista.Deixe o lugar para os competentes.

  12. LOYSIK Schnneyder

    18 de Abril de 2011 as 14:37

    Muito bem meu camarada Aurelio Martins, força ai tem k hsver dialogo entre as forças politicas de forma país sair nesse beco sem saida. ” UM TEMPO NOVO”.

  13. Miss Jane

    18 de Abril de 2011 as 14:40

    Aurelio Martins ests matendo cidadania,esta dando seu ponto de vista, sua contribuição para organização do país, propondo agenda de sonsenso, temos k acarinhar essa iniciativa. Força ai Aurelio Martins povo esta com tigo.

  14. malaqueta

    18 de Abril de 2011 as 14:46

    Carrissimo Ovumabissu, deixa de ser ingnorante, temos k criticar, mas saber criticar, vamos faser criticas construtivas, e não criticas sem nexos. Esse cidadão é filho de São Tomé e Prinçipe como todos nós, entao ele tem o Direito de dar o seu ponto de vista e candidatar ão cargo de Presidente da Repubilca, força ai Aurelio Martins, estamos com tigo

    • Ovumabissu

      18 de Abril de 2011 as 17:29

      Ninguém impede AM de ter opinião sobre seja o que for em STP.

      Mais, todos somos poucos para ajudar a tirar STP do buraco onde se encontra.

      O que você, nem ninguém, pode pedir (isso sim é ignorância e infantilidade) é que a gente se cale perante situações de manifesta incoerência, incongruência, incompetência política… por parte de AM e do MLSTP/PSD que ele pensa que lidera.

      STP de 2011 já não é (para o bem e para o mal) o de 1974.

      Propaganda barata e foleira já não cola. Só cola com matumbos e giktxis.

  15. VOZ DA VERDADE

    18 de Abril de 2011 as 15:19

    É isso mesmo camarada Aurélio Martins. O Pais esta precisando de estabilidade politica. E um tempo novo para todos se corrupção e sem precisar de trocar de primeiro ministro, como quem troca roupa..
    os jovens sãotomenses estão contigo FORÇA AURÉLIO MARTINS E CONTINUA COM ESTA GARRA TODA E DEUS CONTINUARA TE ABENÇOANDO…

  16. Santola

    18 de Abril de 2011 as 15:23

    Precisamos de estabilidade politica para levar o pais em frente. A UNIÃO FAZ A FORÇA porque somos todos santola.. Vamos continuar trabalhar com esta transparência de gestão politica.. DESTA FORMA O PAIS MUDARÁ força Ex. A.M

  17. obrigatorio

    18 de Abril de 2011 as 15:24

    força camarada aurelio martins vais fazer a melhor politica de todos os tempos em são tome , gloria deus que ele vai te iluminando seu caminho jesus cristo esta consigo ….

  18. Lucileide Lima ( GIBELA)

    18 de Abril de 2011 as 15:37

    A.M nem sabe o que está a dizer. Admitamos que saiba, quem sentará com ele numa mesma mesa para discutir sériamente os problemas desse País? Só a Célia e o Gaudêncio.

  19. Papa Figo

    18 de Abril de 2011 as 16:04

    Isso sim é fazer política para o bem de STP porque muitos só Estao a pensar no seu partido ou no seu bolso,claramente vejo um pensamento em prol de STP. Sr Aurelio sei que tudo k vem das tuas palavras tem força e critica a mistura nao liga porque muitos nesse mundo nao acredita na bíblia mais é a palavra de deus, o sr teve muita influencia no consenso e a estabilidade do ultimo governo, mau comandante é q nao sobe levar o barco a bom Porto.A.M como o sr vem de bem bem aja um abraço

  20. Sincero

    18 de Abril de 2011 as 16:04

    Estas sim são palavras de um homem visionário, nas condições que o nosso pais se encontra precisa ter muita união das Forças politicas. Permitindo que todos trabalhem em prol do povo..

  21. Jõao Paulo

    18 de Abril de 2011 as 16:09

    Muito bem camarada Aurelio Martins, tem k haver dialogo pra resolver as coisas, país esta precisando de união de todos nós, de forma as coisas ficarem bem… força ai meu camarada Aurelio Martins, um tempo novo

  22. Armando Ventura

    18 de Abril de 2011 as 16:11

    um tempo novo para todos, o dialogo e a arma para desenvolver s.t.p. Apoiado Aurélio

  23. Uma verdade

    18 de Abril de 2011 as 16:55

    Com Aurelio Martins, todos podem ter 3 refeições por dia.
    Ver a televisão a assistir partidas de futebol internacional. Ha bem pouco tempo era preciso ir a casa da França ou Centro Cultural português, outras vezes no hotel Miramar!
    hoje, jovem de Conde. Micolo, pode assistir estes jogos. Apenas um exemplo.

    • Kundu Muala Vé

      18 de Abril de 2011 as 19:15

      Não precisamos de “pais” (cada um tem o seu e não precisa de outros) para dar-nos refeições, menos ainda televisores comunitários e outras porcarias para tapar os olhos dos jovens.

      AM quer dar hoje um chouriço aos jovens para depois tirar um porco inteiro (dos grandes) ao país.

      Os jovens de Conde e Micoló precisam, isso sim, é de bom emprego, boas alfaias (machim, gancho, botim, etc…) para cultivarem o seu pedaço de chão.

      Com trabalho e suor cada um poderá destes jovesn, com ajuda de Deus, poderá comprar, com o seu próprio dinheiro, o seu próprio televisor, a sua motorizada, ter luz em casa e isso tudo.

      Estamos fartos de falsos profectas!

      Abaixo os populistas!
      Abaixo os compradores de consciência!
      Abaixo os vendedores da banha-da-cobra, estica e não dobra!
      Abaixo os falsos benfeitores!
      Abaixo os que só querem condenar o povo ao atraso e à dependência de esmolas de dinheiro de origem duvidosa!

      AM não é solução. É apenas mais um problema que temos para resolver.

      • triste santola

        19 de Abril de 2011 as 10:19

        Nos os jovens dde conde é precisamos boas alfaias (machim, gancho, botim, etc…) para cultivarem o seu pedaço de chão e onde esta os teu irmaõs,primos e filhos da isso pra eles. Quer dizer nos trabalhamos e vcs ficam nos gabineters. As bolsas k venhem é só pra chale e casas do campo de milho, arroz do GGA é só pra vcs??? É por isso k esse paiz esta onde esta. vai mazé aranjar outra vida abandona a politica sua hora ja xego vai só descansar,a vossa idiologia ja esta outrapassada. Sr: maus gestores de coisa publica, gatunos e cubiçoso.no dia 17 de julho viva a alternancia novo stp é k precisamos vamos dar voto de confiança em kem ainda ñ errou pk errar é humano precistir no erro é diabolico

        • Vugu-vugu

          20 de Abril de 2011 as 12:01

          Se você fosse realmente um jovem trabalhador de Conde apoiava incondicionalmente o que escreveu o “Kundu”.

          Mas na verdade você é mais um dos escravos desses políticos que descreve, que vos enganam com um televisor barato do século passado, enquanto em casa deles têm um LED, LCD, Plasma de não sei quantas polegadas.

          Você é bem pior que os políticos, porque é um jovem preguiçoso, mangonheiro, ultrapassado, vendido e que passa a vida nos bancos da estrada a beber cerveja, tampa-bule (cacharamba) e a falar mal de quem trabalha.

          STP precisa de livrar-se de pessoas como você e dos políticos que vos compram para se perpetuarem no poder e condenar o país ao atraso. São um atraso de vida.

          O que nos vale é que vem aí “Mudança de raiz com Liberato Moniz!!”

          “Moniz presidente, povo feliz!!”

  24. Uma verdade

    18 de Abril de 2011 as 17:01

    Senhor Nando
    Em primeiro lugar desenvolvimento agricola, o rural é depois.
    temos que ir por fazes.
    veja a nossa cidade.
    A Câmara deve promover o conselho de Cidade de São Tomé.
    A Cidade, confunde-se com o rural. Até aonde vai a cidade de São Tomé?
    Qual é o conceito de cidade!
    Qual é o de Rural!!!
    Será que temos cidades aqui no país??

  25. Jõao Paulo

    18 de Abril de 2011 as 17:14

    Minha carrissima chana, acho k vc k esta sendo oportunista,tu apenas passa seu tempo criticando eis a rasão k nosso país esta nessa situação, 36 anos criticando e nao trabalhando e país esta paralisado. Criticamos oa mas velhos por destruir o país, nós k somos jovens estamos com mesmo pesamento se limitamos em criticar. Fica sabendo k crise financeira mundial atingiu todas as empresas, mexmo as multinacionais, muitas empresas tiveram k desempreguar os trabalhadores, de forma minimizar custo, isso faz parte da vida empresarial. Goxtaria te perguntar quais as empresas Santomenses k tem um recurso financeiro estavel, e goxtaria pra voçe faser analse do nosso O.G.E para ano 2011.. Viva camarada Aurelio Martins

  26. Miguel da conceição

    18 de Abril de 2011 as 17:22

    Estou realisando meu sonho em se forma em portugual, graças a camarada Aurelio Martins, não só eu como muitos estudantes Santomenses, Aurelio Martins se esforçou pra eu estar hoje em portugual, agradeço profundamente esse senhor, pelo apoio. Estamos no tempo novo, tempo de dialogo de forma encontrar um meio pacifico para resolver as coisas. Força Aurelio Martins.

    • Emilio Pontes

      18 de Abril de 2011 as 20:53

      Podes escrever o que pensas, mas escreva bem. Uma vergonha teu português futuro engenheiro!!!!

    • jaka doxi

      19 de Abril de 2011 as 0:18

      Oh Miguel você é um grande mentiroso.
      Há quanto tempo é ke não recebes a bolsa que o Aurélio te prometeu?
      O Aurélio foi convidado pela TVS para responder as criticas dos estudantes que ele enviou para Portugal e recusou.
      Sabe porquê?
      O coitado não sabe falar e nunca deu uma entrevista na vida.
      É este senhor que você quer que seja o nosso presidente da república?
      Por causa de pessoas como tu é que o país está cada vez pior.
      Mas a culpa não é tua. O culpado são aqueles corruptos do meu MLSTP que aceitaram “banho do Aurélio”em troca de coloca-lo na liderança do partido.
      Concerteza que nesta altura do campeonato estão todos arrependidos.E nós sabemos quem são eles:Maria das Neves,Carlos Tiny e Rafael Branco.
      Ainda vão ter que dar explicações e ajustar contas com militantes do partido.
      Fui

      • kimi-kimi

        21 de Abril de 2011 as 0:17

        Disseste tudo meu amigo.
        E ainda por cima esse senhor deixa os alunos menores com fome em Portugal e não paga os seus trabalhadores no país.
        Dê exemplo e paga já os coitados que deves malandro

  27. Patricio Fernandes

    18 de Abril de 2011 as 17:30

    Muito bom meu camarada Aurelio Martins, força e coragem para esse grande desafio k não é facil em Santomé, sabemos k S.T.P. tem muitos invejosos e mal diser k nao goxtam, de uma oposição construtiva. Dialogo é arma de uma boa negoçiação. As criticas de fortaleçe, de engradeçe. Santomense tanto gritam pela mudança, mas nao estao preparado para mudança. ”UM TEMPO NOVO”. Viva Aurelio Martins.

    • adilson bete- angola

      18 de Abril de 2011 as 20:26

      forÇa Aurelho, tamos comtigo,reconheço teu empenho p/ nos na diaspora

  28. Kundu Muala Vé

    18 de Abril de 2011 as 17:34

    Ando a ver coisas (estou com ôlhu lévi).

    Sou capaz de jurar que os ditos apoiantes do AM neste fórum resume-se apenas a uma pessoa, que vai mudando de nome.

    Podia ao menos mudar o estilo de escrito um pouco para disfarçar a coisa.

    Que falta criatividade!

    • Tela

      18 de Abril de 2011 as 18:48

      tambem acho, quem no seu juizo perfeito apoia AM, fala serio mil vezes a morte

    • jaka doxi

      19 de Abril de 2011 as 0:22

      Meu caro Kundu Muala Vé.
      Pela forma como este senhor escreve só pode ser o próprio Aurélio Martins.
      O rapaz não sabe escrever e dá muitos erros de palmatória.
      Fui

    • Orgulho ferido

      19 de Abril de 2011 as 19:53

      Eu acho que esse espaço foi criado para debater temas sobre nosso país, não para falar da escrita dos outros sujar imagens dos outros ou abusar da dita liberdade de expresão…
      isso so mostra a voces mesmos que não têm capaciade de fazer uma critica construtiva que pode benificiar o nosso país…
      não podemos nos basear em buatos mais nos procupar no que foi provado e tentar resolvelo mais com respeito…
      pensam nisso…

  29. FR07

    18 de Abril de 2011 as 18:19

    Promesas e promesas….quando sentarem no banco du Pu presidente estaram como os outros corrumpidos e corruptos…voila

  30. João

    18 de Abril de 2011 as 18:37

    Senhor Presidente do MLSTP-PSD. Com o devido respeito deixo-lhe um conselho. Crie primeiro uma AGENDA de CONSENSO no seu partido, logo apresente em nome de coerencia o que acaba de dizer.
    João

  31. Patricio Fernandes

    18 de Abril de 2011 as 19:10

    Meus carrissimo, Kundu Muala Vé, Tela, acho k voçes estão deixando mascara cair, voçes estão cá montando rede de forma criticar camarada Aurelio Martins, de forma sujar a sua imangem, voces que não estão com juiso, e não tenhem criatividade, meus senhores, inveja é um sentimento muito feio, bate bola baixo. Aurelio Martins sá búdo cú té péso, ni liba de omali. Vossa critica fortalese Aurelio Martins. Viva Aurelio Martins, abaixo invejosos e criticos barratos

    • Tela

      19 de Abril de 2011 as 10:43

      Andaste a faltar aulas de Português no ensíno primário

      • jaka doxi

        19 de Abril de 2011 as 18:47

        Alias fui colega de Aurélio na escola primária e o rapaz era o pior aluno da turma.
        Dava muitos erros,não sabia ler nem escrever e tomava muita palmatória por causa da tabuada.
        Abraços.

  32. Patricio Fernandes

    18 de Abril de 2011 as 19:12

    Gostaria saber quanto k esses individuos ganhar para estar cá a criticar camarada Aurelio Martins. Pork sempre as mesmas caras fasendo comentarios sem nexos. União faz a força, viva Aurelio Martins. S.T.P ”UM TEMPO NOVO”

    • Kundu Muala Vé

      18 de Abril de 2011 as 19:20

      Pelo menos não se dão ao trabalho de estar a mudar de nome falso.

      Verdade seja dita, não é preciso muito mais gente para pôr AM no seu devido lugar.

    • jaka doxi

      19 de Abril de 2011 as 0:24

      Meu caro Patricio Fernande por este andar você é que recebeu algum dinheiro para estar aí a defender Aurélio Martins.
      Abraços

  33. Patricio Fernandes

    18 de Abril de 2011 as 19:14

    Todos aqueles que usam o espaço pra criticar Aurelio Martins, Aurelio Martins se resume em:Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz.
    Onde houver ódio, que eu leve o amor;
    Onde houver ofensa, que eu leve o perdão;
    Onde houver discórdia, que eu leve a união;
    Onde houver dúvida, que eu leve a fé;
    Onde houver erro, que eu leve a verdade;
    Onde houver desespero, que eu leve a esperança;
    Onde houver tristeza, que eu leve a alegria;
    Onde houver trevas, que eu leve a luz.
    Ó Mestre, Fazei que eu procure mais
    Consolar, que ser consolado;
    compreender, que ser compreendido;
    amar, que ser amado.
    Pois, é dando que se recebe,
    é perdoando que se é perdoado,
    e é morrendo que se vive para a vida eterna.
    Viva Aurelio Martins.

  34. Sanmedeçuê

    18 de Abril de 2011 as 20:07

    A única coisa que quero é Aurélio Martins pagar todas as dívidas em S. Tomé e Prícipe e Angola, só assim ser presidente, ok

  35. 1982

    18 de Abril de 2011 as 20:13

    Estamos a assistir um verdadeiro filme cómico de quinta categoria.

    Esse filme já teve outros versões e outros protagonistas.

    Eu é que já estou farto de os assistir.

  36. 1982

    18 de Abril de 2011 as 20:14

    Estamos a assistir um verdadeiro filme cómico de quinta categoria.

    Esse filme já teve outras versões e outros protagonistas.

    Eu é que já estou farto de os assistir.

  37. Patricio Fernandes

    19 de Abril de 2011 as 0:02

    Meus carrissimo todos tenhem dividas, kem aqui nunca teve divida kem é perfeito. Se Aurelio Martins tem dividas é normal, ele é um ser humano igual a outro. Camarada Aurelio Martins é filho de terra, força ai estamos com tigo

    • Kundu Muala Vé

      19 de Abril de 2011 as 10:40

      Ter dívida, mas em dia, é normal.

      Quando as pessoas a quem ele deve dinheiro andam atrás dele e ele não paga, isso já não é normal. É ser CALOTEIRO.

  38. Loysik Schnneyder

    19 de Abril de 2011 as 0:12

    Somos todos Santomenses, e keremos melhor para nosso País, temos k dar oportunidade para outros. Todos tenhem direito em demostrar a cidadania. Acho k essas criticas não nus leva ao lado nenhum, quando estamos a criticar, temos k faser criticas construtivas e não esta aqui a ofender os outros. Todos tenhem liberdade de expresão, mas vamos utilisa-lo de uma forma logica. Viva povo Santomense.

  39. TG brasil

    19 de Abril de 2011 as 5:51

    A mudança não virá se esperarmos por outra pessoa ou outros tempos. Nós somos aqueles por quem estávamos esperando. Nós somos a mudança que procuramos…
    Por isso acho q ja está na hora de modarmos as nossas mentalidades em relaçao a critica …
    ou seja quando o façamos q seja uma critica construtiva … sei que as pessoas q aque deixam as suas reflexoes , sao pessoas com certo nivel de conhecimento , por isso sugiro q deviamos parar com essas hipocresia …
    SÓ COM A CONCORDANCIA DE IDEIAS ENTRE A OPOSIÇAO E GOVERNO , PROPOSTO PELO CAMARADA AURELIO MARTINS PODERÁ HAVER ESTABILIDADE GOVERNAMENTAL .

    • Kundu Muala Vé

      19 de Abril de 2011 as 10:50

      Conversa para embalar. Há por aí muitos “poetas”.

      Porque as pessoas que aqui estão são de certo nível é que o AM tem de se esforçar mais e procurar ser coerente.

      Não se pode dizer a uma 2ª feira que se for eleito PR irá ajudar o MLSTP/PSD a regressar ao poder (entenda-se, derrubar o Governo do ADI) para depois na 3ª feira vir dizer que se quer consenso alargado e coisa e tal. Isso, em bom português, chama-se palhaçada.

      Estar atento a estas manobras infantis e denunciá-las é fazer crítica construtiva. Aliás é a forma mais construtiva e positiva de criticar.

      Se não quer ser criticado, então que tenha mais cuidado com o que diz.

  40. Mafioso

    19 de Abril de 2011 as 12:54

    Mulato
    São voces mesmos que vão mais tarde dar o dito por não dito.
    Diziam que o Patrice era estrangeiro, diziam que o Mulato não manda, Fradique fez o que fez, zanga as pessoas etc, explora o cacau escravo.
    Aurelio Martins a classe de gente humilde sem arogancia, amigo das gentes de roça os mais necessitados, aqueles que não têm dinheiro para comprar um paracetamol, um antibiotico, os sem tecto, sem abrigo, sem internet, os coitados, os pobres, aqueles que as mães vivem do dinheiro da venda de roupa, banana , peixe. E são bastantes.

    • Vugu-vugu

      20 de Abril de 2011 as 15:36

      Vá largar estas lágrimas de crocodilo para outro lado.

      Temos pena, mas aqui estes fingimentos não.

      Deixa mulato com vida dele.

  41. Mafioso

    19 de Abril de 2011 as 12:56

    Emilio Pontes, deixa os jovens expressarem com sentem. Muitos foram para ex URSS estudar e não tiraram o curso, mas são São tomenses.
    Com erros ou sem, deixa os jovens serem livres, exercerem a sua liberdade.

  42. Matias

    19 de Abril de 2011 as 13:10

    Senhora Madalena!
    Afinal é assim que pensam em stp, eu tinha duvida, mas acabo por compreender.
    De facto, muita gente so respeita os outros sabendo quem é a familia. Só isso que dá força as pessoas para prosseguirem.
    De facto quando Aurelio Martins, servia os interesses dos senhores, era bom, hoje, quer romper convosco. Rescisão do Contrato, a mama acabou.

  43. Matazele

    19 de Abril de 2011 as 16:42

    Aurelio Martins, é aquele que fala entre os amigos,de figuras importantes da nossa cultura que os ditos carismaticos não gostavam:
    Mé Pombo(Principe)
    Jalego(Brigoma, Santa Catarina)
    Buter(Cidade)
    entre outros que o regime considera de incomodos.

  44. BARÃO DE ÁGUA IZÉ

    23 de Abril de 2011 as 22:20

    Sr. Aurélio Martins, está sr. muito preocupado com o que passa na comunição social; em não “cortar as pernas” ao sr. Patrice e etc…. Mas onde está a ua preocupação sobre a Economia de STP? Sobre a agricultura? Sobre as pescas? Já sei, irá dizer que isso são assuntos o Governo. STP tem um passado de muita politica e o que STP precisa é de Economia que alimente e exporte. Por que não defende um Presidencialimo Democrático e assume o Governo de STP?

  45. Olavo Silva

    1 de Junho de 2011 as 1:06

    Dtr. Aurélio Martins
    Se me permita,respiro de alívo a essa singela actitude democrática que o País nunca viveu. O País não só conheceu 10 primeiros Minístros em anos, como tambem não podemos esquecer que foi um dos primeios Países que virou a sua página na história política.Podemos dizer que o nosso Povo até esta data nunca encarou este processo como uma vitória alcançada que é a de liberdade, liberdade de expressão, autonomia e poder de escolha,numca se usou como arma afim de decidir o nosso futuro; mais sim continuamos num tabú democrático confundindo com liberalismo, disrespeito aos terceiros e bens públicos,vandalismo,o elavado indíci de corrupção, e mais; tudo isso devendo-se as actitudes de alguns dos nossos Governantes percutindo a mente deste povo fragilizado pela miséria roubando a consciencia com os poderes malfeitorista,de forma defendendo os seus poderes e manterem-se os seu eleitorados.
    O Povo terá que saber que o poder Plítico numca é e será mais forte que o poder do povo.para mim, a minha opinião pessoal as eleições Santomense numca foram elas livre de escolha,foram sempre a compra da consciencia do povo, e os nossos Governantes também sabem que sempre pagaram para estarem aí, e que o povo ja sabe que so tem o Natal e o Ano novo de 4 em 4 anos.
    Dtr. Aurélio Martins o seu MLSTP/PSD de hoje é um grande expl para democracia,deixe para tráz aquelas ruinas do MLSTP/PSD dos senhores Gulherme Posser,Rafael Branco,o Couto,Alcino Pinto,ect elementos que numca mais souberam fazer outra coisa na vida.
    Tomando conhecimento da sua candidatura a Presidênçia da República,a sua proposta de consenso, torna um passaporte de garantias a um grande Presidente da República. Quero também focar em algusn comentários que deixam expressões muito triste e rácica, resultantes da falta de estudos ou conhecimento, porque voltando o passado os primeiros povos que habitaram a ilha de S.Tomé foram os Amgolares,essa raça a qual os tongas os filhos nascidos se desdenham são conciderados os filhos das Ilhas,e regem dos mesmos direitos como qualquer um
    cidadão ainda mais tratando-se de uma pessoa formada,jovem,e com grande maturidade.E se a mimória não me é curta o País nos últimos anos foi representado por neto de um colono.
    E para o nosso amigo Barão de Água Izé,quero lhe dizer que claro que essas preoucupações fazem parte do governo,e não do Presidente de um Partido e nem do País.
    E para o senhor Sáme-Dêçu acha que o Aurélio Martins é que deveria pagar todas as dívidas do País? ou peço desculpas não perceb´muito bem o seu comt.
    Muito obrigado pela vs atenção.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo