Desporto

Caboverdianos e angolanos festejaram em São Tomé a passagem dos Tubarões Azuis

O desafio de futebol que opôs os Palancas Negras aos Tubarões Azuis juntou Angolanos e Cabo-verdianos no Hotel Praia em São Tomé, num convívio harmonioso. O arquipélago são-tomense que desde o início do século XX, recebeu cabo-verdianos e angolanos, tinha que ser palco da animação do jogo entre as duas selecções no CAN.

No final do jogo, visivelmente emocionado, o Cônsul de Cabo Verde em S.Tomé José Maria considerou de justa a vitoria dos Tubarões Azuis sobre os Palancas Negras. « Os tubarões azuis representam um orgulho para Cabo-Verde, foi uma Vitória merecida porque jogamos melhor que os angolanos», declarou o cônsul e Cabo Verde.

Rendidos a derrota, os angolanos felicitaram os cabo-verdianos. Um gesto que agradou ao diplomata cabo-verdiano. «Tiveram diplomatas angolanos aqui a assistir o Jogo connosco e vieram desportivamente nos felicitar com abraços. Foi um gesto de louvável», reforçou.

Envergando camisolas e cascóis da seleção cabo-verdiana os adeptos percorreram as artérias da cidade de S.Tomé ao som de buzinas e vuvuzelas num cortejo delirante. A segunda fase do CAN vai ser mais difícil. Mas os cabo-verdianos estão esperançados que os tubarões azuis irão longe.

O próximo adversário de Cabo Verde do CAN será Republica do Gongo ou Mali que disputam a passagem a segunda fase esta segunda-feira.

Teobaldo Cabral / Téla Nón

    13 comentários

13 comentários

  1. volto já

    29 de Janeiro de 2013 as 12:32

    Parabens aos Tubarões Azuis.
    esta é a prova de que não existe País pequeno, nem Pais pobre, mas sim existe dirigentes pequenos e pobres dirigentes. Isto é apenas mais uma prova dada ao longo dos 38 anos da vossa Independência.

  2. aí di mi si não envengenlizar

    29 de Janeiro de 2013 as 12:36

    Força cabo verde

  3. Preto

    29 de Janeiro de 2013 as 12:57

    Ó “Tela Nón” esta nao é noticia!

    • Mandja

      12 de Janeiro de 2015 as 9:25

      Qual é a sua PLÊTU? Complexo é algo de terrivel, mas a inveja também.
      Camarada, téla non é dirigido por gente esclarecida e bôa gente, eis porque dà todas as noticias (do esporto a tudo que seja cultura geral).

  4. JOSE CARLOS

    29 de Janeiro de 2013 as 13:18

    Bom exemplo para os são-tomenses verem como é possivel transformar uma “pequena” Nação, Cabo Verde é o orgulho dos Palops

  5. Santomense Verdadeiro

    29 de Janeiro de 2013 as 13:29

    Próximo adversário de Cabo verde não será Congo nem Mali, mas sim o Gana.
    É bom S.Tomé e Príncipe começar a acordar para o mundo, estamos parados no tempo, está tudo morto e sem vida naquele país. Tenho certeza absoluta que o nosso país melhores jogadores que Cv, mas como nunca aproveitamos nada, aliás só sabemos roubar o destruir as coisas.

  6. Emiratos

    29 de Janeiro de 2013 as 15:27

    É verdade Jose Carlos, mas a incompetencia e não saber fala mais alto.

  7. joceleide amaro

    29 de Janeiro de 2013 as 16:48

    So mesmo vendo, dizendo nao se acredita.
    força CABO-VERDE.

  8. arlindo fernandes

    29 de Janeiro de 2013 as 18:04

    DAQUI HA 2 ANOS SOMOS NOS A GANHAR CABO VERDE NO CAN

    • Wilson

      30 de Janeiro de 2013 as 7:40

      Parabéns Cabo Verde, sempre pra frente !!! Mesmos que um dia fossemos mais fortes que os Palancas iriamos perder por complexos de inferioridade perante os angolanos. Os nossos dirigentes passam todo tempo como pedintes, viajando sempre pra Luanda pedir dinheiro, em vez de trabalharmos unidos por um STP prospero

      Viva Cabo Verde !!!!!!!!!! Terra sabe

  9. poder do pensamento positivo

    30 de Janeiro de 2013 as 8:05

    Em S.Tomé somos os campeões das politiquices! deveremos organizar um CAN de politicarias para 2014.

  10. Tozinho

    30 de Janeiro de 2013 as 12:24

    Já tinhamos dado um peuqeno passo, ganhando no ano passado uma partida internacional e projetando a realização de jogos dos países da lusofonia.
    Agora o novo governo está a deixar tudo cair e vamos voltar a dar passos para trás como caranguejo.
    Antes diziam que o Governo de Patricio estava a esconder e fechar o dinheiro. Estamos a aguardar que o novo governo abra e ponha a circular todo o dinheiro que Patricio estyava a fecharde modo a que o desporto santomense conheça melhores dias

  11. claudino monteiro tavares

    31 de Janeiro de 2013 as 16:56

    olha , aquela pessoa k disse k santomenses são melhores dos que caboverdianos no futebol, ele é doido , santomenses só são melhores dos k caboverdianos só se for nas malandrices, não veja como um pais como aquele com uma boa clima , recusos naturais k nos faz inveijar , mas veja em k estado está, olha as antigas roças agricolas como estão, minha gente tenham dor, depois da independencia e ingnorararam os caboverdianos k eram a força de trabalho agricola olha só em k estado estão sa roças depois k os nativos começaram a dirigir aquela terra, com agua e terra aravél, olha estive lá em 2005, é uma pena ,depos de ter 19 anos ausente poderia uma cidade pior do que tinha deixado , nem vala a pena dizer mais , esses aqui só sabem dormir debaixo de bananeiras a comer concon, ou voador panhã e com fruta , matabala ou mandioca k robam dos caboverdianos.Olha apesar de ser santomense por opção mas isto é verdade , dá cesar o k é de cesar e dá Deus o k é de Deus, estudei lá até 1986 é pena prá este povo , está lá os estudantes na cuba com vontade de regresar a muito mas não fazem nada para os ajudar enfimmmmmmmmmmmmmmm é uma pena…….

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo