Vem ai a adrenalina da Volta do Cacau 2014

Esta a porta mais uma edição da prestigiada Volta do Cacau, desta feita com a realização da 5ª edição, que será apadrinhada por 3 países, que estarão representados por 6 equipas, num total de 28 ciclistas.

Quatro dias, é o tempo em que as estradas nacionais serão invadidas pelas bicicletas, e os seus ouvidos blindados pelas sirenes e buzinas das ambulâncias e carros, que darão corpo ao maior evento desportivo organizado no país, “VOLTA DO CACAU EM BICICLETA”.

A prova que arranca esta quinta-feira (28 de Agosto) e conhecerá o seu termino no próximo domingo (31 de Agosto), contará com a presença de 3 países, dividido por 6 equipas.

São Tomé e Príncipe, o país anfitrião (CECAB STP-KAOKA e Mucumbli).

Angola detentora das edições anteriores (Selecção Nacional Júnior, Benfica de Luanda e Santos FC Ciclismo).

Portugal que participa pela segunda vez (D´Helvetia).

Os corredores percorrerão em 4 dias da competição 281.5 km, dividida em 4 etapas:

1ªetapa (28 de Agosto): Neves-Santa Catarina= 16 km em contra relógio

2ªetapa (29 de Agosto): Guadalupe-Porto Alegre= 88 km em linha

3ªetapa (30 de Agosto): Água Arroz-Monte Café= 88 km em linha

4ªetapa (31 de Agosto): São Tomé- São Tomé = 89.5km em circuito urbano

Devido a vírus da Ébola que tem fustigado o continente africano, China-Macau, boicotou a sua participação no evento.

Por seu turno, Cabo-Verde também viu forçado a abandonar o evento, devido a intoxicação de 3 dos corredores que foram seleccionados para o evento.

A prova que este ano terá um número reduzido de ciclistas, passará de agora em diante a fazer parte do repertório das provas da COLOP, possuindo desta forma o caris internacional, segundo Tziano Pisoni, o presidente da federação da modalidade.

A competição que move paixões dos amantes da modalidade, terá a sua apresentação oficial esta terça-feira (26 de Agosto) na casa CACAU, pelas 17h:30, onde serão apresentados as equipas, os patrocinadores, e os troféus.

De sublinhar que, nas últimas três edições, o evento foi ganho pelo corredor Angolano Igor Silva.

Gil Vaz

Notícias relacionadas

Deixe um comentario

*