Diversos

DOCUMENTOS PARA INFORMAÇÃO E CONSULTA DO PÚBLICO

O Projecto de Adaptação às Alterações Climáticas (AAC) vai apoiar o Governo de São Tomé e Príncipe (STP) a aumentar a capacidade das comunidades costeiras vulneráveis ​​a se adaptarem aos impactos adversos da crescente variabilidade e gravidade climáticas.

Os investimentos do Projeto de AAC estão concentrados em duas áreas principais, além de  uma componente de gestão  do projeto: i) um sistema  de aviso prévio costeiro para a segurança no mar e, ii) protecção das zonas costeiras e ribeirinhas para as comunidades vulneráveis. Ambas as componentes de investimento fazem parte integrante de um conjunto maior e multi-doador de intervenções que visam o reforço da capacidade de previsão meteorológica e hidrométrica de STP e de fornecimento de protecção contra o aumento das cheias dos rios, as tempestades marítimas e a erosão costeira.

Deste modo, de acordo com as normas do Banco Mundial, o Ministério das obras Públicas e Recursos Naturais, através da Direcção Geral do Ambiente vem levar ao conhecimento do público os principais documentos relacionados com a matéria. Os mesmos documentos impressos podem ser consultados directamente nas instalações da Direcção Geral do Ambiente em Ponta Mina, São Tomé (ao lado da Embaixada de Angola). São os seguintes documentos:

  1. Marco de Gestao Ambiental e Social Executive Summary CLIQUE –   Marco de Gestao Ambiental e Social Executive Summary
  2. STP RMF Sumario Executivo em Portugues CLIQUE – STP RMF Sumario Executivo em Portugues
    1 comentário

1 comentário

  1. Bodji

    16 de Abril de 2011 as 18:57

    Um rebentamento, bem ou mal calculado, numa certa pedreira em STP, foi o suficiente para tremer todo S Tome e provocar danos nalgumas casas num raio consideravel. Tambem apareceu um lago no local que nunca mais desapareceu. Pretendo dizer com isso que somos mt vulneraveis a qualquer alteracao climatica ou desastre natural.
    Seria bom reservarmos algum recurso do petroleo, quando houver, para comprarmos terras algures no continente, por uma questao de precaucao.
    As nossas ilhas sao de origem vulcanica e uma catastrofe de grandes dimensoes, poderia ser muito desastrso.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo