MLSTP/PSD vai a congresso no dia 15 de Janeiro de 2011

Amaro Pereira de Couto, é o terceiro militante do MLSTP/PSD a posicionar-se para a liderança do partido no congresso extraordinário de 15 de Janeiro. O antigo ministro da justiça, anunciou ao conselho nacional do último sábado que vai entrar na corrida para a liderança.

Membro da comissão política do MLSTP/PSD, Amaro Pereira de Couto, aproveitou a reunião do conselho nacional alargado do último sábado, para anunciar que está a preparar-se para concorrer a liderança do MLSTP/PSD.

A candidatura do jurista que de 1997-1999 exerceu as funções de Ministro da Justiça, do Trabalho e da Administração Publica e Ministro dos Assuntos Parlamentares, junta-se as candidaturas já anunciadas de Aurélio Martins membro da comissão política e deputado a Assembleia Nacional, e de Jorge Amado actualmente embaixador de São Tomé e Príncipe em Taiwan.

Amaro Pereira de Couto, que nos últimos anos trabalhou em Cabo Verde e em Angola, como coordenador de projectos financiados no quadro da cooperação entre os PALOP com a União Europeia, regressou a São Tomé, onde actualmente presta serviços na representação do PNUD no arquipélago.

Várias fontes do partido contactadas pelo Téla Nón, consideram a candidatura de Amaro de Couto, como «uma candidatura menos problemática», em comparação com as outras duas. Uma das fontes que lidera uma das alas do partido disse ao Téla Nón que apesar de Amaro de Couto não ser muito conhecido no seio das massas do partido, por ter estado muito tempo ausente do país, «é contudo considerado como um camarada competente e fidelíssimo, trabalhador, correcto no trato, e não envolvido nas querelas internas que tem assolado o partido nos últimos tempos», assegurou a fonte.

Foi Vice-presidente da JMLSTP de 1976 a 1978, e a nota de realça da competência política de Amaro Couto, tem a ver com a maioria absoluta conquistada pelo MLSTP/PSD nas eleições legislativas de 1998 em que ele foi o Director de Campanha do partido.

Mas a situação difícil em que o MLSTP/PSD se encontra, como resultado da derrota nas eleições legislativas de 1 de Agosto passado, abre outros cenários que podem deitar por terra as aspirações de Amaro de Couto e de outros dois candidatos a liderança.

Tudo porque o líder carismático do partido, o antigo Presidente da República, Manuel Pinto da Costa, manifesta-se preocupado com o futuro do partido face a situação actual, marcada pela fragmentação do maior partido da oposição em várias facções contraditórias.

A fonte do Téla Nón, adiantou que «o nosso líder carismático Pinto da Costa e muitos outros dirigentes não escondem a sua preocupação pela situação que atravessa actualmente o partido que depois da última derrota eleitoral, tem visto a sua imagem e credibilidade dos seus dirigentes abaladas, por confrontos entre facções existentes no seio do Partido», disse a fonte para depois acrescentar que «esta preocupação se acentua quando as candidaturas já anunciadas não parecem dar certezas de poderem superar com êxito os problemas que actualmente o partido confronta», frisou a fonte que pediu anonimato.

Preocupação forte, que levou muitos militantes presentes na reunião do conselho nacional, a defender uma liderança mais consensual e unificadora do MLSTP/PSD. O nome de Manuel Pinto da Costa, surge assim no topo da lista como figura unificadora do MLSTP/PSD. «Esta preocupação terá levado, inclusive, alguns dirigentes a colocar a hipótese de Pinto da Costa vir a assumir transitoriamente a liderança, justificando ser o único capaz de por termo as querelas internas, unir de novo o partido, e assegurar posteriormente uma mudança tranquila da liderança desta organização partidária», precisou a fonte do Téla Nón.

Uma possibilidade que não foi suficiente para travar as divergências internas no MLSTP/PSD. Tudo porque muitos militantes preferem ver Pinto da Costa como candidato as eleições presidenciais de 2011. Pinto da Costa que no passado, na década de 90, teve que regressar a liderança do MLSTP/PSD, para evitar o colapso do partido segundo a fonte do Téla Nón, «não se mostra muito interessado, a uma vez mais envergar a farda de bombeiro do MLSTP/PSD. Mas embora já perto do Congresso os camaradas já nos habituaram a surpresas de última hora», concluiu.

O conselho Nacional do último sábado marcou o congresso extraordinário do MLSTP/PSD para 15 de Janeiro de 2011.

Abel Veiga

  1. img
    Novo colonialismo Responder

    Meus Sres tenho uma proposta
    penso que deveriam fazer o seguinte:
    já que MLSTP/PSD apareceu qd o regime era uni-partidario…
    por favor, titerem este nome MLSTP e deixa só o PSD, pk não mas o digno deste nome….
    seria mas bonito PSD, penso eu…

  2. img
    pantufas Responder

    È a derrocada final.

  3. img
    Obama Responder

    Este partido precisa de sangue novo, pessoas com novos ideais e tem que deixar de lado aqueles que só se preocupam com o poder, com os interesses pessoais e n olham a fins para os atingir. Partido histórico sim mas precisa de renovação. Sigam o exemplo do PAICV em Cabo-Verde…STP precisa de um MLSTP forte, renovado, dinamico e responsável. Um bem haja ao povo de STP.

  4. img
    zeme almeida Responder

    Concordo com a ideia.Os elementos que criaram o MLSTP,uma boa parte enfileiraram nos outros partidos.Não tem lógica de estarem a usar esta sigla que dignifica a boa parte daqueles que lutaram pela nossa independência que não fazem parte deste partido?Viva S.Tomé and Principe.

  5. img
    Madalena Responder

    Neste momento dificil da vida do Partido, gente que é arogante, armado em fino, que não convive com as bases de perto, que não sente o cheiro de terra molhada, o suor do povo, que não sofreu a fome em tempo de miseria, pouco interessa. O Partido deseja de gente terra, facil tratamento, facil de se encontrar de se abraçar de se queixar as dores de corpo, dores de cabeça, precisa-se.
    gente nova, Sangue novo. Tipo Lula da Silva. O resto é so paleio.

  6. img
    Alberto Nascimento Responder

    O senhor Osvaldo Abreu seria para mim um ideal candidato.

    • img
      Jacinto Responder

      Isto é mesmo para rir…Quem é???
      Este partido é anedótico…
      Fui
      Jacinto Cabral

  7. img
    BLAGA PENA Responder

    Amaro Couto, é um candidato com perfil e com muitos conhecimentos, o rapaz tem postura para liderar MLSTP, nao tem nada haver com os outros dois rapazotes
    fui

  8. img
    Celsio Junqueira Responder

    Membros do MLSTP e simpatizantes,

    Primeiro gerador de facções dentro do MLSTP é o seu lider espiritual.

    Não tenham medo, porque as Instituições perduram e as pessoas passam.

    O partido não tem falta de solução para liderança, o problema do partido é que as diversas “alas” tão especializadas no saque da Coisa Pública e enquanto assim for, o naufragio é uma visão diária.

    Considero o Amaro Couto uma excelente solução e pode ser o homem que engavetará de vez a ideia do “sebastianismo messianico” do lider espiritual.

    Acabem (sentido figurado) com o MLSTP e comecem o PSD com gente séria e competente, e que quer servir a causa pública.

    Boa Sorte e se quiserem contributos, abram a sociedade civil, pode ser que entre o ar puro!

    • img
      Filho Patriota Responder

      Celsio Junqueira
      Concordo plenamente,mas este partido só apoia pessoas sem convinção, distruiram a economia por culpa do pinto da costa.Não conheço bem o Amaro Couto. Este ultimo, si for homem sem rabo na estrada, não terá hipotese. Os membros do mlstp gostam de apostarem em lideres incompetentes.
      Por fim, considero, que o país com este partido na forma que está, não terá futuro. Atrapalham o desenvolvimento do nosso STP.
      Até breve.

      • img
        Celsio Junqueira Responder

        Meu Caro,

        Descreve muito bem a realidade do partido e das suas opções para a liderança.

        Para bem e para o mal, o MLSTP/PSD é necessário a Democracia Santomense. E também não se pode confundir algumas árvores com a floresta.

        Penso que enquanto o MLSTP/PSD não se organizar com um projecto politico coerente enquanto partido, não serve ao país. E as anteriores lideranças têm muita culpa no “cartorio” e sobretudo o “lider espiritual”.

        Desejo boa sorte aos simpatizantes do MLSTP/PSD e coragem aos candidatos a liderança, embora tenha preferência por Amaro Couto.

        Abraço,

  9. img
    oldayr salgueiro Responder

    MLSTP/PSD ainda podem redimir os erros do passado façam tudo em paz e pensam um pouco em STP e nesse povo deixem briga de lado e vontade de ter poder pensam num lider para todos militantes e todos Sãotomense ser um partido digno nao é ser sempre poder , governo mais sim é fazer crescer o pais .pensam

  10. img
    J. Maria Cardoso Responder

    Em Democracia deve ser validado o contraditório para k se possa conhecer a devida convergência. É saudável qq querela no seio de um partido político para k os debates possam abrir a sociedade civil e refrescarem novas estratégias e novos ideiais.
    Daí as lutas internas no seio do MLSTP, do MLSTP/PSD ou no PSD do MLSTP ou ainda no MLSTP do PSD (os nomes não definem os actos e ideais – MPLA, FRELIMO, PAIGC, PAICV …) são de recomendar a pensar numa liderança forte e com visão no futuro do país.
    Caso do próximo Congresso deste partido, seja eleita uma direcção a pensar em S.Tomé e Príncipe, não resta qq dúvida k Amaro de Couto dentre os avançados, é uma aposta congregadora e o próximo PM, kiça para elevar a auto-estima atrofiada.
    A ver vamos!

  11. img
    COCO NZUCU Responder

    Conseguiram que a sigla MLSTP comece a soar mal aos ouvidos dada a onda de corrupcao que varreu o seu interior ao longo de anos. Arranjem outra denominacao e claro, novo comportamento e nova postura perante a coisa publica.

  12. img
    Macarofe Responder

    O partido precisa de uma Lider e não um lider. Candidato a presidente —> Maria das Neves, Presidente do partido—-> Elsa Pinto. Fui

    • img
      Celsio Responder

      O quê???? Como é que é? Presidente o quê? Maria das Neves? Elsa Pinto? Isto é brincadeira. Continuem a brincar com o vosso partido, já que não têm nada para fazer. Só num país de malucos é que se aceita este gente nestes lugares. Mas não me admiraria nada se tal acontecesse. Sempre foi assim em S.Tomé. Coloquem lá esta gente para presidência do vosso partido. Elas acabarão por contribuir, de vez, para o enterro que vem a seguir. Já vou começar a preparar para o nozadu que não tardará.
      Fui
      Celsio T.

  13. img
    General Tembe-Tembe Responder

    Amaro Couto é a melhor opção para o Mlstp/PSD neste momento. É um dos mais inteligentes dirigentes do partido, Personalidade independente, político credível, integro dialogante e tem grande apoio da sociedade

  14. img
    Madalena Responder

    Partidos politicos no mundo, sobretudo em Africa, são liderados por gente de massa, gente que quando sai a rua as pessoas o chamam pelo nome de escola, de mimo, de laia ou de coboiada ou de guerra. Na guine o NIno era KAbi, Kabi.
    Gente do meu país, trabalhar o partido, viver no partido, aproveitar do partido para dar saltos gigantes e depois refugiar-se no partido é opcção errada. O Partido sabe quem é quem? Quem ajuda o Partido, nos momentos de amargura, momento de aflição, quem sente o partido na pele e não soft politico. Se fosse assim o Dr CArlos Graça seria presidente do País, MLSTP na oposição e este homem teve pouca sorte. O MLSTP precisa de um amigo dos MIlitantes e não um homem que descobriu a velocidade da luz. Amigo deste povo com provas dadas e na pratica. Actos e Acções.

  15. img
    Miriam Responder

    Força MLSTP/PSD.Força Amaro Couto. Homem ideal para liderar o Partido com mestria e sabedoria.Dá valor a quem merece

  16. img
    Madalena Responder

    O MLSTP está a mudar de verdade. Ter 3 cabeças como candidato, coisa que antigamente era impossivel com o PInto, velho ditador. Espero que cada um vote em consciencia dentro do partido e nas pessoas que conhecem, pelo bem ou pelo mal. O Sãotomense não tem tradição de ser ingrato, sempre reconheram gente que lhes ajuda ou lhes ajudou em qualquer momento da vida dura, por isso, aqui na ha mestre nem doutorado, ha sim amigo do povo e da massa, tanto elites ou não.
    O Povo São Tomense sabe reconhecer as suas gentes. Houve uma grande moldura humana para receber o Trovoada em 1990. “Nguê cu ca fé Bem ca belé, ku fé mali sa dé Guadadu”

  17. img
    rui medeiros Responder

    Caros amigos ; o povo saotomense vive em enormes deficuldades eis a razao do fenomeno [BANHO]mas nao me parece que o MLSTP/PSD mudando de nome liparia a imagem devastadora e malfeitora de muitos dos seus representante politicos ;todavia acredito que a renovacao traria uma maior frescura nas ambicoes politicas do MLSTP/PSD ;como foi citado por exemplo o brilhante quadro saotomense OSVALDO ABREU viva STP

    • img
      ora ora Responder

      OSVALDO ABREU = MLSTP/PSD

      M alvados
      L unáticos
      S aquedores
      T rapasseiros
      P arasitas
      /
      P reguiçosos
      S anguessugas
      D estruidores

  18. img
    Mangulú Responder

    Caros compatriotas,o MLSTP/PSD é um barco que está à deriva.É necessário que haja um bom Capitão que possa traçar uma boa rota para levar o barco a um porto seguro.Caso contrário o barco naufragará.

  19. img
    Miriam Responder

    O mlstp/psd precisa de um lider que contribua para que haja estabilidade no País. Homem calmo e que não se precipita com a primeira oferta como foi o caso de Rafael Branco. ok fui é éé´´eéé

  20. img
    Madalena Responder

    MLSTP Vaia a eleições com dois candidatos. Esta 3ª vaga para os militantes de base não existe. Aquele militante que vive sem luz, sem agua potavel, sem salario, sem rendimento familiar, sem alternativa de vida, pouco sabe desta ultima vaga. A elite sim, mas não se trata de um exame académico ou de pesquisa cientifica, pois trata-se de assumpção das redias do partido, para governar dai a 10 anos. Não se trata de um lugar de repouso ou cativo para militante com coração fraco de 3 cavidades. Por isso, quero ver um homem neste lugar, homem manso e trabalhador, Amigo do zé povinho.

  21. img
    Fernando Cardoso Responder

    Para mim, MLSTP; MLSTP/PSD; ou PSD apenas, não importa a sigla porque não é a sigla que é importante. O importante são os homens que fazem parte desse partido. E no seio deste partido, há homens bons, sérios e trabalhadores e há os inversos a tudo isto, a maioria, infelizmente. Portanto, Amaro Couto é, e a notícia não faz referência a isto, homem de mão de Rafael Branco. Nos bastidores desse partido, nos intervalos entre as reuniões, fala-se baixinho. Mas sempre sofram para fora informações que dão como certa a estratégia de Rafael Branco, gato escondido com rabo de fora neste processo de eleição para líder do partido e para as eleições Presidenciais. Rafael Branco quer colocar Amaro Couto como líder deste partido para depois ele, o Branco, surgir como candidato do partido para as eleições presidenciais. Eis a estratégia de Rafael Branco que, no fundo, quer ser candidato do partido para as Presidenciais, mas antes quer colocar um homem da sua confiança a liderar o partido. Por outro lado, por favor, acabem de uma vez por todos com o dito líder espiritual desse partido. Estou a falar de Manuel Pinto da Costa. ‘Matem’, matem no sentido figurado, claro, politicamente Pinto da Costa. Já chega de chamar-lhe líder espiritual desse partido. Esta imagem, esse politico que se chama Manuel Pinto da Costa só tem prejudicado o partido. A imagem dele já está mais do que gasta, já não pega, já é velho. Não quero falar do que Pinto da Costa foi e fez durante 15 anos de partido único, nem vou por aí porque iria recordar momentos muito triste e dolorosas para a grande maioria do povo santomense. Contudo, pergunto: o que MPC tem feito depois de deixar de ser PR, no plano nacional e internacional? Qual tem sido a sua actuação como Homem, como Político em vários domínios da vida santomense e internacioal? Porquê que MPC só aparece quando estamos em vésperas de eleições presidenciais. Por fim, voltando ao Amaro Couto. Como pessoa não tenho nada de especial a referir. Mas como político – para esse partido cheio de problemas internos, cheio de corruptos, cheio de oportunistas, cheio de invejas e ódios, cheio de perseguições, cheio de jovens que não têm hipótese de singrar, cheio de homens que vivem há anos apenas na sombra da política – Amaro Couta não tem pulso firme e espinha dorsal consistente para mudar o estado actual desse partido. Por isso, Amaro Couto é mais do mesmo. É a sequência da linha política do invertebrado, inconsequente, oportunidade e corrupto, Rafael Branco.
    Fernando Cardoso.

  22. img
    STP Responder

    não é de minha autoria li e adptei a São Tomé e Príncipe
    http://comunidade.sol.pt/blogs/lucinda/archive/2010/11/28/UM-POEMA-UM-SLOGAN_210021002100_.aspx

    Se és um jovem Sãotomense
    Atravessa a fronteira do teu País
    E parte destemido
    Na procura de um futuro com Futuro

    Porque em São Tomé e Príncipe
    É mais importante a estatística dos números
    Que a competência científica das pessoas
    O que interessa é encher atribuir tachos
    Nem que seja de burros

    Porque em São Tomé e Príncipe
    A corrupção faz parte do jogo
    Onde os jogadores e os árbitros
    São carne do mesmo osso
    E partilham o mesmo tempero

    Porque em São Tomé e Príncipe
    A justiça é ela própria uma injustiça
    Porque serve quem é rico e influente
    Com leis democraticamente pobres

    Porque em São Tomé e Príncipe
    As prisões não são para os ladrões ricos
    Porque os ricos não são ladrões
    Já que um desvio é diferente de um roubo

    Porque em São Tomé e Príncipe
    A Saúde é uma doença crónica
    Onde, quem pouco tem
    É sempre colocado na coluna da despesa

    Porque em São Tomé e Príncipe
    Se paga a quem nada faz
    E se taxa a quem pouco aufere

    Porque em São Tomé e Príncipe
    A incompetência política
    é definida como coragem patriótica

    Porque em São Tomé e Príncipe
    Um 4×4 de luxo é mais importante que tu
    E os buracos nas estradas apenas serve
    Testar os teus amortecedores

    Porque em São Tomé e Príncipe
    Um Politico condenado à prisão pela justiça
    Pode continuar em funções em liberdade
    Passeando e assobiando de mãos nos bolsos

    Porque em São Tomé e Príncipe
    Os manuais escolares são pagos
    Enquanto a frota automóvel dos políticos
    É topo de gama

    Porque em São Tomé e Príncipe
    O salário de 1 mês dos camaradas
    E acumulação de 25 meses do teu salário mensal

    Porque em São Tomé e Príncipe
    A coisa pública foi nacionalizada
    Depois privatizada pelos camaradas
    Ao ritmo das chorudas mensalidades

    Porque em São Tomé e Príncipe
    Os governantes, na sua esmagadora maioria
    Apenas possuem experiência partidária
    Que os conduz pelas veredas do “sim ao chefe”

    Porque em São Tomé e Príncipe
    O que é falso, dito como verdade,
    Sob Palavra de Honra !
    São votos ganhos numa eleição

    Porque em São Tomé e Príncipe
    As falências são uma normalidade
    O desemprego é galopante
    A criminalidade começa a assustar
    O limiar da pobreza é gritante
    E a venda de Topo Gama na CEM e CFAO … aumenta

    Porque em São Tomé e Príncipe
    É mais importante 4×4 topo gama
    Que segurança no único se é que se pode chamar
    Aeroporto

    Porque em São Tomé e Príncipe
    Se os teus pais não forem ricos
    Por mais que faças e labutes
    Pouco vales sem um cartão partidário

    Porque em São Tomé e Príncipe
    Os governantes não taxam os bancos
    Porque, quando saírem do governo
    Serão eles que os empregam

    Porque em São Tomé e Príncipe
    És apenas mais um número
    Onde o Primeiro-Ministro dos camaradas cahama-se Alice
    Que vive no País das Maravilhas
    Mesmo ao lado do teu.

    • img
      viva viva Responder

      Pois é mesmo assim vai-se tirar um camarada e colocar outro só espero que seja mais inteligente para não termos um camarada presidente do partido Alice
      Que vive no País das Maravilhas
      Mesmo ao lado meu teu.

  23. img
    Agapito Mendes Dias Responder

    Maria das Neves,Osvaldo Abreu….etc….

  24. img
    Teodoro Menezes Responder

    MLSTP deve ter muito cuidado.O povo não vive à sombra de partido histórico mas sim de factos históricos.Este partido já foi fracionado demais para continuar a querer brincar co coisas sérias;o próximo comandante de barco deve ser alguém que sempre esteve à margem desta bagunça toda e se não aprender com os erros do passado como é partido histórico,vai ficar apenas na história porque os militantes vão desaparecer todos.O partido deve esquecer da derrota (porque foi o principal culpado) e concentrar naquilo que deve ser feito para ser mais útil à S.Tomé e Príncipe através de uma boa liderança.

    • img
      Teodoro Menezes Responder

      Onde digo co deveria estar com.
      Obrigado

  25. img
    RECORD Responder

    Este movimento de libertação do País, hoje partido político, até que tem ideais firmes e metas ambisiosas, mx isto não basta. Possui uma estrutura (rede) viciada e pesada que vem condicionando o seu sucesso. É PRECISO DIFERENCIAR OU MORRER: Dar oportunidades aos jovens, pois estes sim têm muito a prestar ao Partido e ao Pais em geral. A presidência pode caber a um só líder, mas a estrutura do partido deve ser revitalizada.

  26. img
    Sandra Borges Responder

    Hector Costa está mais preparado, embora muito novo, para liderar o MLSTP, precisamos de jovens com capacidade reflexiva para liderar o MLSTP.

    Hasta!!

    • img
      Celsio T. Responder

      Vocês têm jeito para brincadeiras! Hector o quê???? Quá li, bili dêua…
      Uma pessoa que nem sequer sabe plagiar pode candidatar-se à presidência de um partido político? Isto é uma brincadeira. Vocês do MLSTP gostam muito de brincar com coisas sérias.
      Fui
      Celsio T.

  27. img
    Madalena Responder

    Aurelio Martins, pioneiro da zona de São João da Vargem, pioneiro destacado, fiel aos ideais do partido, no tempo da Malograda Alda Graça. Acho que o Candidato está bem posicionado para trabalhar no Partido. Aliás a equipa por ele liderada tem gente de calibre e peso , representa sim uma nova vaga, no tempo novo. Vamos torcer para uma mudança radical.

  28. img
    perobag Responder

    amaro couto, é o candidato mais posicionada
    para uma melhor liderança do meu partido.

  29. img
    Lilaschoo Responder

    Se querem sangue novo entao vcs têm…So vos falta acreditar e dar o voto de confiança.Atenção….SANGUE NOVO SIGNIFICA JUVENTUDE E POPULARIDADE..Entao vcs Sabem quem o sangue novo…Aurélio Martins este sim pode fazer algo pra este partido que se esta a partir pouco a pouco.

  30. img
    sara Responder

    Eu acho que o MLSTP precisa de um lider que tem saber como Amaro couto e não um lider de dinheiro como Aurelio Martins. Por outro lado, se o Aurelio Martins for lider do MLSTP nos estaremos no mão ritmo, em que qualquer um pode ser lider dos camaradas de saberes.

  31. img
    sara Responder

    epá Aurelio Martins é sangue novo cheios de vicios, e esses sanguem novo com vicios e ambições acaba por ser pior e sanguem velho……hiiiiiiiiiiii….. perigoso………

  32. img
    Carlos Duarte da Costa Filho Responder

    Só vejo hoje um personagem político capaz de tirar STP do isolamento. Este homem é Aurélio Martins.Não basta sermos nativistas e nacionalistas. Já somos uma ilha. Portanto, temos que estender pontes rumo ao futuro. Avante STP. Ave Aurélio.

  33. img
    Carlos Duarte da Costa Filho Responder

    O Aurélio não é um homem que não tenhas saberes. Ao contrário, ele tem mais que retórica. É um camarada que tem o que os outros não tem. Ele sabe fazer as coisas sairem do papel. Sabe transformar o sonho em realidade.

  34. img
    Pedro Lima Responder

    Pinto da Costa fala em evitar dividir o partido e apoia um terceiro candidato. Ou seja, tenta dividir ainda mais.
    Chega de vaidades e mentiras. Jorge Amado é um infiltrado de Taiwan na nossa política. Está a ser patrocinado por aquele país apenas porque sabem que com o Aurélio Martins o caminho será fazer parcerias com países mais ricos e dispostos a investir em STP.
    Para quem é honesto com a própria consciência, o único nome para assumir o MLSTP/PSD é o de Aurélio Martins. Ele já foi testado e aprovado nas urnas e os seus trabalhos promovem uma proximidade verdadeira com o povo, sobretudo os jovens.

Deixe um comentario

*