Política

Partidos sem assento parlamentar propõem a realização de uma conferência nacional soberana

Representantes de 4 partidos sem assento na Assembleia Nacional, reuniram-se na última semana com o Presidente da República, Manuel Pinto da Costa, no Palácio do Povo, numa audiência que serviu para proporem ao Chefe de Estado a organização de uma conferência nacional soberana, igual a que foi realizada no ano 1989.

Segundo Anacleto Rolim, porta voz do grupo de partidos sem assento parlamentar, o evento serviria para debate dos problemas do país e definição de soluções. Os partidos sem lugar na Assembleia Nacional, consideram a situação actual do país como sendo horrível, e recordam que foi graças a primeira Conferência Nacional realizada em 1989, que São Tomé e Príncipe, optou pela democracia pluralista e pela economia de mercado.

Estando a economia nacional, segundo as suas palavras,  completamente desestruturada, as forças da oposição sem assento parlamentar, acreditam que mais uma conferência nacional soberana, poderá indicar pistas e soluções para a estruturação da economia nacional.

No entanto para além da conferência nacional de 1989, que abriu portas para a democracia pluralista e a economia de mercado, alguns anos depois, mais concretamente nos finais da década de 90 do século XX, e em 2005 São Tomé e Príncipe realizou com apoio dos parceiros internacionais dois fóruns de unidade e reconciliação nacional, com o objectivo de corrigir os erros, económicos e políticos que foram cometidos e mais ainda, promover a mudança de comportamento dos actores políticos e sociais.

Os dois fóruns produziram recomendações, apontaram soluções e indicaram pistas a seguir.

No entanto o barco com cerca de 200 mil passageiros, avidos por um futuro risonho, continua ancorado no Golfo da Guiné, ainda sem encontrar o norte.

Abel Veiga

    7 comentários

7 comentários

  1. Argenezio Antonio Vaz

    29 de Setembro de 2012 as 19:18

    So estão a procura de tachos, pois esses senhores estão a esêra de eleições para apoiarem o Pinto ou outro qualquer. Esses so pensam para si e nunca para STP

  2. ZE PEDRO

    30 de Setembro de 2012 as 8:16

    Mais uma Conferência Nacional ??? Porquê ? Creio não haver razão para tal.. aliás porque o resultado já todos sabemos; ficar tudo no papel…. O que esses pequenos Partidos têm de fazer é mudar de estrategias para conseguirem ter força na Assembleia Nacional e depois dai, se de facto querem mudar algo em prol da Nação, fazerem…Basta de Conferênciais que não resultam em nada, o que o Povo deseja é acção imediata, isso sim na resolução dos seus problemas….

  3. o mundo real

    30 de Setembro de 2012 as 10:38

    Esses foruns servem apenas para gastar o dinheiro publico.
    Sobre tudo num momento em que o mundo enfrenta uma severa crise económica e financeira.

    Se já realizaram 2 foruns em 2005, qual foi o seu impacto hoje na sociedade?

    Não dão resultado algum.

    Esses partidos sem ideia, deveriam apresentar propostas ao governo, de como arranjar dinheiro para o investimento no país, face a actual crise financeira internacional.

    Isso sim. Seria contribuição para o desenvolvimento.

    • Conóbia cumé izé

      5 de Outubro de 2012 as 13:32

      NÃO HÁ SOBERANIA NEM SOBERANOS EM STP. A ÚNICA SOBERANIA É POVO SANTOMENSE.DOS FORUMS DE MIGUEL TROVOADA E DE FRADIQUE FORAM FURADOS.TEMOS DE EVITAR A PRIMAVERA ARABE SANTOMENSE A SUL DO SAHARA NO GOLFO DA GUINE.OS TRIBUNAIS NÃO EXISTEM; NÃO EXISTEM NOS DEPUTADOS CORRUPTOS;GOVERNOS CORRUPTOS,OS DITOS DE SOBERANIA DESAJUSTADOS; É PRECISO QUE SE DEVOLVA PALAVRA AO POVO PARA REAJUSTAR O FUNDAMENTAL PARA STP. POSIÇÕES TROCADAS;JOVENS E TODA A SOCIEDADE CIVIL DESNORTEADA E BLOQUEADA PELOS GOVERNANTES;O POVO NÃO TEM DIREITO A REFERENDO;QUE SAIDA TEM O POVO PARA SE PRONUNCIAR ? OS DEPUTADOS E OS GOVERNANTES VÃO SENDO USEIRO E VISEIRO ATÉ ISTO ESPLODIR? OU SALVOMOS TODOS OU AFUNDAMOS TODOS.SÓ MEDO DA CONFERENCIA NACIONAL SOBERANA AQUELES QUE ESTÃO NA DEFESA DOS SEUS INTERESSESS E NÃO DO POVO SANTOMENSE ! PARA REAJUSTAR O PAÍS PRECISAMOS DE OUVIR TODOS. DOS MAIS RICONDIDOS DO PAÍS; AS IGREJAS, QUADROS NACIONAIS , DIÁSPORA, ETC,ETC.QUEM TEM MEDO DE RESJUSTE A EMENDA CONSTITUCIONAL ? PARA SALVAR A DEMOCRACIA DESTORCIDA PELA CORRUPCÇÃO , QUEM TEM MEDO DE REAJUSTE ? SÓ OS CORRUPTOS E DEFENSORES DE INTERESSES DE GRUPOS TRANSNACIONAIS; A DEMOCRACIA NÃO PODE TER DO SEU REAJUSTES TODOS OS SEUS FILHOS. É PRECISO PARA COM A COMPRAR DA CONSCIENCIA DAQUELES NADA TEEM PARA E REOGANIZAR O PAÍS. OS SENHORES DO BANHO NÃO PODEM CONTINUAR A DITAR A SUA LEI ATRASANDO SEMPRE O PAÍS.A CONFERENCIA NACIONAL SOBERANA PARA REAJUSTAR OS ENTORSE DO SISTEMA DEMOCRACRÁTICO JÁ SE DEVIA TER FEITO A MAIS TEMPO. O PATRICE TROVOADA DEVE JUNTAR-SE A ELE PARA NÃO SER ULTRAPSSADO.SÓ OS LOUCOS É QUE TENTAM TRVAR O VENTO COM AS MÃOS…FUI !

  4. manga

    1 de Outubro de 2012 as 15:12

    “Senhor mundo real”, este governo não precisa de ideias. Este governo tem super homens como o vagabundo Patrice Trovoada e o oportunista Afonso Varela. Eles estão cheio de ideias.

  5. País da treta

    1 de Outubro de 2012 as 18:06

    Anacleto, tem que começar a plantar para aumentar a produtividade no nosso país. Deixa de politiquices. Ainda a dias Patrice mandou o seu moço de recado chamado Abnildo para mandar o povo plantar cada pedacinho terra, enquanto ele estiver viajando por esse mundo fora a procura de galinhas de ovos de ouro, para seu próprio proveito.

    Esses Trovoadas, um pior do que outro.

  6. Pidu Mamon

    4 de Outubro de 2012 as 16:01

    Que gente baixa e invejosa.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo