Catamaram Pixi N´Dala desagregou-se

Baía da cidade de Neves no norte da ilha de São Tomé, é palco do último episódio da novela “Cataram Pixi N´dala”. O navio que chegou a São Tomé em Fevereiro do no 2016, para fomentar a Economia Azul, encalhou na Baía de Ana Chaves na capital São Tomé em Fevereiro de 2017.


catamaram
Após mais de 30 dias à deriva perto do pontão do supermercado CKDO, a embarcação foi arrastada para a zona norte da ilha de São Tomé. Na baía da cidade de Neves, amarrado a uma árvore, o Catamaram acabou por espatifar-se completamente no último sábado.

Antes de trazer o barco para a terra, a tempestade que se abateu sobre o país, sacudiu a embarcação que embateu várias vezes contra o pontão da baía de Neves. Pixi N´Dala desagregou-se por completo.

O casco de fibra, dividiu-se em vários pedacinhos, como ilustra a fotografia que o Téla Nón colheu em Neves. Os pedacinhos que boiavam na baía estão a ser recolhidos e armazenados na antiga empresa EMPESCA em Neves.

motor do catamaramO motor também foi retirado dos destroços do navio e se encontra no mesmo armazém.

É o fim da novela “Catamaram Pixi N´Dala”.

Abel Veiga

 

Notícias relacionadas

  1. img
    Madiba Responder

    É mesmo assim. Bem d´água, água leva!

  2. img
    Verdade? Responder

    Será que é mesmo verdade? O barco é grande para só vermos este pedaçinhos!

  3. img
    Fernando Coelho e Silva Responder

    Tamanha irresponsabilidade do Governo de Patrice Trovoada e sua Economia Azul que ele própria não sabe o que é. porque viu nas ilhas Maurícias pensou que é só assim. Copiar e colar.
    Agora está aqui

  4. img
    Vexado Responder

    O detentor da pasta economia azul (Americo Ramos) não fala sobre o assunto?
    Isto de FMI dizer que a economia anda de boa saúde, não passa de conversa fiada. Há que ver o relatorio assinado e publicado.

    Este governo tem por habito enunciar meritos sem os devidos fundamentos.
    Para dizer que, caso a senhora xim ping não publicar no site do fmi um documento oficial a versar sobre o assunto, será tudo tanga do actual Governo.

    Falta relatorio do banco mundial sobre o desempenho dos projectos e da evolução economica.

    Banco Mundial e FMI andam a contribuir para a corrupção quando não dizem efectivamente de quanto é a divida de stp: 200, 300 milhões?

  5. img
    Guida Gostosa Responder

    Sem comentários!

  6. img
    Martelo da Justiça Responder

    Mesmo nos tempos mais difíceis, nunca nenhum Governo teve assim tanta irresponsabilidade e tanta incompetencia aqui em São Tomé e Príncipe como este de Patrice Trovoada. É uma autentica vergonha!!! Para aqueles que diziam que o Patrice Trovoada é o melhor dirigente para São Tomé e Príncipe quero ouvi-los agora. Este Senhor e os seus capangas do partido ADI devem ser removidos do poder rapidamente para o bem deste Pais.

  7. img
    Mé - Zemé Responder

    Por favor…CONSTRUAM UMA DOCA, para atracar navios!!!
    Que terra, até irrita! Tantos problemas com barcos e não se aprende!

  8. img
    Mé - Zemé Responder

    Porquê que só aos barcos de estado que acontece essas situações?
    Temos ai, vários barcos de privados, nunca os vejo a serem arrastados pelas tempestades. Isso dá que pensar…e muito.

  9. img
    Pedro Costa Responder

    Eis o meu comentário quando tive conhecimento que ali estava:
    “Estamos feitos. Se calhar mais um que vai ficar por aí a enferrujar. Está amarado a uma árvore! Enfim. Vamos ver que fim terá.”
    E se assim forque o mesmo se desintegrou, eu estava certo na minha previsão. Isto é absurdo! Se tivéssemos outros tantos que fizesse o mesmo trabalho, infelizmente era o mal menor. Agora, não temos nada de jeito; este que até tem presença e deixa-se chegar a este ponto! Sinceramente, isto revolta.
    Os responsáveis por este desfecho deveriam ser duramente penalizado.

  10. img
    EX Responder

    Só digo vamos a Dubai

  11. img
    Hamilton Cabral Responder

    Só podem estar a brincar com recursos do Estado.

  12. img
    Pumbú Responder

    LA-MEN-TA-VEL!!!
    O valor que foi destruído irresponsavelmente podia servir para resolver muitas carências públicas.
    PA-CI-ÊN-CIA

  13. img
    Clemilson Brasileiro Responder

    Que vergonha meu deus um navio que serviria para a guarda costeira ou até para o transporte entre ilhas ! Chega essa é a última vez que comento sobre essa maravilha de país não vou mais !

  14. img
    RL.- Responder

    Minha maior dúvida é “Será que nesse meu maravilhoso país existe justiça?”

  15. img
    EX Responder

    Tribunal não funciona?

  16. img
    Orhg Responder

    Quanta falta de responsabilização…
    Um povo que vive de mãos estendidas não cuida do que, com tanto esforço, se conquista.

Deixe um comentario

*