Cultura

Ybaguay pede apoio institucional para jovens artistas

É necessário mais apoios do Estado e de instituições ligadas à cultura, para os jovens artistas em início de carreira. A convicção é de Ybaguay cantor são-tomense radicado no estrangeiro, que assume haver escassez de artistas, devido á falta de suporte a juventude.

Em análise ao estado atual da música são-tomense, o cantor Ybaguay que tem pouco mais de 5 anos na esteira musical, desabafou aos microfones do www.reporterstp.info, a sua frustração pela falta de apoios aos jovens em início de carreira.

“ As entidades competentes, ou seja o Estado e outras instituições ligadas à cultura, que façam algo pela nossa música e pela juventude, porque os jovens sobretudo, os que estão no início precisam e muito” desabafou.

Para o cantor, a qualidade da música são-tomense está a crescer degrau á degrau, mas a falta de iniciativa jovem é marcante. Garante que sem apoios institucionais “a escassez de artístas vai ser a cada dia uma realidade incontornável”.

Ybaguay Quaresma, já tem um disco no mercado, desde 2006 que se chama “Meus Louvores”.

Tem percorrido África e Europa em busca de diversidade e mais experiência que afirmou vão estar implícitas no novo trabalho já na forja e com previsão de lançamento ainda para este ano.

Brany Cunha Lisboa

    7 comentários

7 comentários

  1. PINTO MARTINS

    21 de Fevereiro de 2013 as 16:31

    EM que país do mundo o estado suporta financeiramente ou ate msm institucionalmente esses tipos de coisas, agora deu pra se latir pra td qto é parte e aos quatros ventos por tdo e por nada. Se quer ser cantor que arrume estofo pra suportar isso, temos muitos problemas sociais pra resolver, pra ter que ficar se preocupando com essas babuseiras

  2. ZÉ MAUCULU

    21 de Fevereiro de 2013 as 17:19

    Só precisam de Vocês aquando da campanhas politicas. Gastam até rios de dinheiro com artistas entrangeiros. enfim, é o país que temos…
    ZÉ MACÚLÚ

  3. teu tio

    22 de Fevereiro de 2013 as 1:58

    Trabalha e arruma grana para assegurar a sua careira artistica. O País tem outras situações prementes por resolver.Esse tipo de musica comercial ja cansa os ouvidos precisamos de ritmos com outra melodia.

  4. Negro STP

    22 de Fevereiro de 2013 as 11:51

    Espera quando vier campanha eleitoral vai haver BANHO a vontade .
    O dinheiro da instituição da cultura em S. Tome estão guardados para banho na campanha eleitoral .

  5. Africano

    22 de Fevereiro de 2013 as 22:51

    “YBAGUAY”, mas que raio de nome é este!?

  6. Vane

    22 de Fevereiro de 2013 as 23:32

    A arte é importante, porém cada profissional tem que contribuir com a sociedade dentro de sua especialidade…divulgar, aprimorar, valorizar, investir, acreditar, qualificar, empreender…e assim sucessivamente!

  7. Preto

    17 de Fevereiro de 2017 as 13:53

    Sr. “Ybaguay”, em primeiro lugar muda de nome que esse é muito ridículo! depois o governo nao tem nada que gastar dinheiro com cantores. Ser cantor é uma actividade particular e a verdade é que a maioria de vocês não cantam NADA, só abrem a boca para falar porcaria e acham que são artistas. O governo deve sim olhar para saúde, educação, segurança e outras coisas de interesse comum. Vocês devem ser criativos e procurar apoios dos privados. Já agora como se chama o teu irmão?

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo