Política

Ma e Pinto indicam Março próximo para a realização da primeira comissão mista de cooperação entre os dois países

Os dois chefes de Estados, consideram que a comissão mista prevista para Março próximo, vai permitir a identificação de uma série de novos projectos a serem implementados no quadro do reforço e alargamento da cooperação bilateral. Saúde e Turismo são sectores anunciados pelo Presidente Ma Ying –Jeou.

Numa conferência de imprensa concedida pelos dois Presidentes numa das salas do Palácio do Povo, o Presidente anunciou que equipas técnicas dos dois países deverão começar a trabalhar no sentido de preparar a comissão mista de cooperação indicada para Março. «Em Março poderemos discutir todos os novos projectos como a construção do hospital de referência. São Tomé e Príncipe tem muito potencial turístico. O senhor Presidente Pinto, falou-me da necessidade de encorajar os investidores taiwaneses a investir aqui. Estou de acordo com a ideia do senhor Presidente de que a nossa cooperação tem que se expandir», declarou o Presidente da República de Taiwan.

Por sua vez do Chefe de Estado são-tomense, anunciou que não há limites para a cooperação. «Estou convencido que com a visita do Presidente Ma, vamos alargar de certeza absoluta, as áreas de cooperação e no mês de Março vamos identificar uma série de projectos que vão reforçar os laços de interesse entre Taiwan e São Tomé e Príncipe», acrescentou Pinto da Costa.

Segundo o Presidente de Taiwan, cooperação bilateral a ser desenhada em Março, será dividida em dois sectores, o público e o privado. Disse que a nível público, o Estado de Taiwan poderá investir na construção do novo hospital de referência, assim como novos liceus. Já o sector do Turismo por exemplo ficará sob incumbência do sector privado Taiwanês que deverá dar a sua colaboração na promoção do Turismo.

Pinto da Costa, disse por sua vez, que aceitou o convite do seu homólogo para visitar Taiwan. Respondendo a uma questão colocada por um jornalista de Taiwan, Pinto da Costa anunciou que já esteve em Taiwan de visita mas não como Presidente da República. «A ilha formosa tornou-se uma ilha maravilhosa», enfatizou o Chefe de Estado são-tomense.

Abel Veiga

    13 comentários

13 comentários

  1. zeme Almeida

    25 de Janeiro de 2014 as 16:00

    Nao gostei do riso do presidente Manuel Pinto da Costa,estao entre os dentes.

    • Eterno Madiba

      27 de Janeiro de 2014 as 7:27

      Dr. Manuel Pinto da Costa nunca foi simpático com ninguém!

    • Eterno Madiba

      27 de Janeiro de 2014 as 7:31

      Dizem os entendidos na matéria que a China Taiwan já disponibilizou mais de 200 milhões de dólares em 15 anos para S.Tomé e Príncipe. Afinal de contas onde entraram esses milhões todos!

      • ferpenapandopo

        27 de Janeiro de 2014 as 15:18

        Nos bolsos dos dirigentes…

    • Caçô múmu.

      27 de Janeiro de 2014 as 9:38

      Porquê? Esses dentes da verdade, amargam para ti?

  2. leve Leve

    25 de Janeiro de 2014 as 20:07

    O país precisa dessa cooperação e temos que agradecer aos nossos irmãos Taiwaneses.
    Esperemos que a comissão faça um bom trabalho para o bem de toda a nação.
    Por favor não esqueçam de projetos como o de porto e aeroporto. Não podemos ser porta de entrada se não dispomos dessas infraestruturas de base.
    Viva STP e viva TAIWAN

  3. ESMAEL

    25 de Janeiro de 2014 as 21:09

    Gostei da visita do presidente da Republica da CHINA TAIWAN ao nosso pais pobre,os nosso governante tens que DEIXAR DE ROUBA O DINHEIRO e pensar nos povos santomense,nao a boa alimentação,nao a boa habitação aos pobre.

    • O Revolucionário

      1 de Fevereiro de 2014 as 16:42

      “DEIXAR DE ROUBAR” é como se fosse algo que nuca existiu na cabeça dos nossos governantes, de uma forma mais simples de responder é como se fosse um Mito para eles, pois haverão muitos que virão só para encherem os bolsos, mas a culpa, posso assim dizer que é a do povo, pois o principio da soberania esta nas mãos do povo, é necessário que escolhamos com sabedoria a pessoa certa para governar.

  4. Eu também sou filho da terra

    27 de Janeiro de 2014 as 2:08

    O tempo há-de dar razão àqueles que não se alinham nessa diplomacia de visão curta. Muitos países que inicialmente apoiaram essa diplomacia incluindo Guiné Bissau a quem STP seguiu o gesto já se despertaram e abandonaram-na. STP é o único país de expressão portuguesa que ainda mantém essa relação diplomática. Tudo indica que os nossos dirigentes ainda não se despertaram. Esperemos que quando acordarem não seja tarde demais.

  5. incrédulo

    27 de Janeiro de 2014 as 9:10

    Santomeneses só sabem especializar-se em tirar dinheiro dos outros povos trabalhadores.

    Trabalhar que é bom, nada!

    Tornámo-nos em verdadeiros parasitas, sem vergonha.

    É só engajar dinheiro de outros povos. É só pedir dinheiro.

    Quais são as verdadeiras políticas que o governo traçou para inverter o estado de preguiça, sem vergonha, falta de trabalho no país? NADA!

  6. Lozymyne Ramos

    27 de Janeiro de 2014 as 9:46

    espero que esta cooperação, traga exito e progresso para os dois pais ,em todos os campo. obrigato Srº MA

  7. EXPLICAR SEM COMPLICAR

    27 de Janeiro de 2014 as 10:10

    Meus Caros,
    Deste lado, deixamo um alerta aos decisores poíticos Nacional, não tendo ouvido o Presidente Taiwanês a falar do novo Porto para o Principe é bom que seja alencado no rolo dos assuntos que estarão na mesa na próxima Comissão Mista entre o nosso País e Taiwan e que também não se enqueçam de incluir represenantes da Região Autónoma do Principe na Comissão preparatória.
    Um bem haja a todos.

  8. EXPLICAR SEM COMPLICAR

    27 de Janeiro de 2014 as 10:14

    Queria dizer ” deixamos” e ao invés de “na mesa”, deve ser lido “sobre a mesa”

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo