Sociedade

BP inaugura projeto de abastecimento de água de Mesquita, em STP

                        COMUNICADO DE IMPRENSA                  

 

A companhia petrolífera British Petroleum (BP) e os seus parceiros, nomeadamente, a Agência Nacional do Petróleo de São Tomé e Príncipe (ANP-STP) e a Kosmos Energy (KE), anunciaram a inauguração do projeto de abastecimento de água em Mesquita, com o objetivo de melhorar o fornecimento de água às comunidades de São Tomé.

O acto inaugural presidido pelo Primeiro Ministro e Chefe do Governo celebrou a conclusão de um projeto de infraestrutura hídrica vital, executado em 14 meses, que incluiu a construção de um reservatório de 500 m3 em Maianço e a instalação de uma conduta para fazer a conexão com outro reservatório de 1000 m3 localizado em Mesquita, a 5 quilômetros de distância.

Este sistema de abastecimento de água potável foi patrocinado pelo Consórcio BP, KE e ANP_STP (em representação do Governo Santomense) e consistiu num depósito de grande capacidade, destinado a armazenar o excedente de água do sistema de captação do Rio Douro que, depois de tratada, é fornecida para o consumo das populações.

Com a nova infraestrutura, o sistema de captação do Rio Douro poderá abastecer mais de 40.000 pessoas nas localidades de Changra, Mesquita, Okê-D’El-Rei, Campo de Milho, Bairro da Liberdade, Bairro Militar, Água Marçal, bem como o Bairro do Hospital.

A execução deste sistema de reservatório de água, representa uma grande melhoria estrutural, que vem contribuir para o fornecimento contínuo e regular de água à essas localidades.

O projeto, em parceria com a Empresa de Água e Eletricidade (EMAE) e o Ministério das Obras Públicas, Infraestruturas e Recursos Naturais e Ambiente, teve o seu início em fevereiro de 2019, e esteve a cargo da empresa santomense CONSTROME, que executou as obras dentro do prazo e conforme planeado e orçamentado.

Para Daniel Ndzi Shirmboh, representante da BP São Tomé e Príncipe, “este projeto de infraestrutura é um forte símbolo de colaboração entre a BP e os seus parceiros, nomeadamente a ANP-STP e a Kosmos Energy, trabalhando juntos para melhorar o bem-estar dos cidadãos em São Tomé e Príncipe.  O representante da BP espera continuar a trabalhar juntos na capacitação e na melhoria das condições de vida do povo de São Tomé e Príncipe”.

Em nome do governo de São Tomé e Príncipe, o Ministro das Obras Públicas, Infraestruturas, Recursos Naturais e Ambiente, afirmou que a entrada em funcionamento do reservatório de Mesquita, vai permitir que muitas comunidades que enfrentavam escassez de água potável, passem a beneficiar deste precioso líquido com regularidade.

O projeto de abastecimento de água faz parte dos programas de investimento social da BP em São Tomé e Príncipe, onde a BP, a Kosmos Energy e a ANP-STP estão a realizar atividades de exploração de hidrocarbonetos offshore nos Blocos 10 e 13 da Zona Económica Exclusiva.

São Tomé, Junho de 2020.

Fonte : Agência Nacional de Petróleo

    5 comentários

5 comentários

  1. José Lamego

    16 de Junho de 2020 as 8:37

    Caros Santomenses
    Vamos todos unir, contra a ocupação ilegal de um espaço verde no centro da cidade, vendido pelo senhor Posser da Costa à SONANGOL. Gostariamos de chamar a atenção dos dirigentes da SONAGOL para não pactuarem com este tipo de corrupção que está a ocorrer em S.Tomé. O Espaço Verde Santomense, é a propriedade colectiva e não pode ser vendido por alguém que possui o poder no país. Se a SONANGOL tinha comprado este terreno a muito tempo, porque é que esperou agora que o senhor Posser da Costa domina a esfera politica, o governo e os tribunais para iniciar as obras de vedação deste terreno. Porque é que não o vedaram logo no inicio. Porque estava em função governos sérios que iriam compactuar com este tipo de corrupção.
    Viva as empresas petrolíferas que protegem a natureza
    Abaixo empresas petrolíferas que danificam a natureza
    Abaixo a corrupção

  2. Andorinha

    16 de Junho de 2020 as 12:04

    Xee esse é obra do BP então cadê obras do governo de Jorge bom Jesus porque só estou a lhes ver a inaugurar obras do Patrice Trovoada.
    Quero pedir para pararem esta obra mata-pau que estão a fazer na marginal.

  3. Clemilson brasileiro

    16 de Junho de 2020 as 19:13

    Ainda bem que não noticiou o Corona vírus porque no Brasil só fala nisso pra apavorar a população !

  4. J. Fernandes

    16 de Junho de 2020 as 20:59

    Agua nao e nada, luz nao e nada !…
    Gracas ao esforcos do pt e a visao do futuro …
    Agora andam a festejar , a enagorar obras.

    Em fim , sem fim …

    Nao e por acaso que esse governo tomou posse nessa
    altura …

    A mascar assenta lhes como luvas nesse rosto de sem vergonha…

    Se a vergonha pagasse imposto esses cara de pau , jamais presisavam candedatar
    nas proximas elecois.

    Nem com CoVid 19 a porta eles conseguem perceber que eremos e tudo ha de ficar.

    Muita hepocresia !

    So com Cristo

  5. Mepoçon

    17 de Junho de 2020 as 18:26

    Como é que o Posser adquiriu este espaço publico? Conheci o pai a morar em Ponta Mina e é ali onde o pai tinha uma casa familiar, portanto não é herança. Não foi por acaso que este grupo destruiu o arquivo da antiga Câmara Municipal,pois o tombo que confirmaria a propriedade pública também já não existe. Daí tudo é nosso. Qualquer dia alguém há de aparecer a reivindicar o espaço onde está erguido o Palácio… Zente nancê sá ladron êê…

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo