Sociedade

“Mulheres Históricas de STP” em destaque no CCBSTP

Depois do interregno por causa das condicionantes da Covid-19, o Centro Cultural Brasil-São Tomé e Príncipe,que se juntou de forma activa na comemoração do Mês da Mulher, em parceria com inúmeras organizações do país, reativou na pretérita quarta-feira, no seu auditório, a sua actividade de referência no campo literário “Café com Letras”.

O evento, que teve início em 2015, regressou para homenagear a mulher, com a obra “MulheresHistóricas de São Tome e Príncipe”, de autoria de Carlos Espirito Santo, apresentada pela Drª Domitília Trovoada, jurista e ativista social pela igualdade de gênero.

Em conversa descontraída, com uma atenciosa plateia composta por individualidades de várias organizações que têm em agenda a luta pela valorização e empoderamento da mulher santomense, Domitília Trovoada compartilhou com o público a sua motivação pela obra, conduzindo o público em uma viagem pela história santomense que enaltece a contribuição de quase uma centena de mulheres que deram corpo à luta pelo desenvolvimento de São Tomé e Príncipe e pelos direitos da mulher na política, cultura, saúde e educação, em diferentes momentos da história (época colonial e pós independência).

Os presentes não tiveram dúvidas em reconhecer a pertinência do tema e a necessidade do trabalho literário ser apresentado nos outros fóruns, porque o mesmo demostra que a luta pelo direito da classe feminina, não é uma luta recente, mas sim de longos anos.

Martins dos Santos

FAÇA O SEU COMENTARIO

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

To Top