Vídeos

Documentário Juízes em Causa Própria

    7 comentários

7 comentários

  1. Clarinho

    22 de Fevereiro de 2021 as 10:39

    Trabalho de qualidade, é lastimável aquilo que se passa aqui em São Tomé, uma autentica vergonha e espero que os nomes deste pedófilos todos sejam divulgados publicamente e que as instancias internacionais os registem e fiquem de olho.

    Enfim, o único ponto negativo nesta reportagem é que os principais intervenientes não gozam da independência que se exige a um jornalista, falar. É mesmo uma pena, porque um jornalista a partir do momento que começa a fazer política, deixa de trabalhar com isenção e duvido que se os autores destas barbaridades fossem da ala deles estariam a fazer o mesmo trabalho. Jornalista não pode ter “rabo preso”.

    Mas enfim

  2. matabala

    22 de Fevereiro de 2021 as 10:47

    vi o documentário e confesso…esperava mais meus caros jornalistas!
    Esperava que este documentário que foi essencialmente uma defesa á Vossa causa contra a queixa-crime que vos fizeram fosse ao em vez disso directo no ponto sobre alguns temas quentes e que necessitam de investigação isenta e clarificadora para o publico!
    Esperava essencialmente uma peça de reportagem de investigação sobre:
    -casos concretos de pedofilia envolvendo figuras de orgãos de soberania- com entrevistas ás vitimas(ainda que sem rosto para proteger o anonimato); pesquisa nos arquivos de existencia de queixas de vitimas no MP e sobre esses predadores (estejam ou não as queixas arquivadas e se estão porquê que estão); entrevistas a vizinhos/familiares, cronologia precisa para situar no tempo quando os crimes foram praticados e visita aos lugares onde os actos são consumados (já ouvimos falar de casas na zona da Madalena, na zona de Maianço, na Passadeira, etc).
    – caso concreto da Rosema- com entrevistas a juiz Augerio, aos irmãos Monteiro, ao Melo Xavier e procura intensa nos arquivos do MP sobre todos os processos relativos a este caso, assim como os despachos dos Tribunais (quer de 1ª instancia/quer superiores)
    – caso dos envelopes- não ouvi uma unica vez falar do maior interveniente desse processo- Justino Veiga- que foi acusado através de uma queixa do actual presidente do STJ de levar os envelopes com dinheiro para corromper os seus pares! Esse jurista, ex-juiz, ainda por cima está neste momento directamente ligado a uma tarefa tão importante como a Reforma da Justiça-investiguem, falem com pessoas

    Se quererem desmascarar os intervenientes que apresentaram queixa crime contra voçes jornalistas, têm de o fazer com muita cabeça- a melhor defesa ainda continua a ser o ataque- devem de atacar onde mais lhes dói e onde mais lhes dói a eles é na sua reputação e esta fica em causa é nos processos e suspeitas dos seus envolvimentos em crimes de corrupção e pedofilia por exemplo. Esqueçam se acham que é no facto de terem tirado conversas privadas ilicitamente entre voçes e que não servem como prova que os vai fazer tremer nem que seja um pouquinho! Isso são só manobras de diversão para vos intimidar e tentar vos impedir de irem fundo ao que eles mais tem medo!Vão directos lá…sem medo

    Peguem em cada um destes pontos que referi, por exemplo, mas há muitos mais e esmiucem bem que vão encontrar matéria suficiente para 3 documentários- cada um subordinado a um tema especifico- bem clarificadores com principio, meio e fim- cabeça, tronco e membros e não uma misturada total de tudo e mais um pouco.

    penso que a maioria dos que viram como eu acabaram com as mesmas ou ainda mais duvidas do que as que tinham antes de ver o vosso trabalho.

    Podem e devem fazer mais e melhor…fico á espera

    • Juízes em Causa Própria

      23 de Fevereiro de 2021 as 9:48

      Infelizmente existem pessoas que não percebem patavinas!
      Enfim… vê-se que não percebes nada do que falaste!

    • JUVENCIO AMADO OLIVEIRA

      23 de Fevereiro de 2021 as 12:05

      Não concordo com o uso de peseudónimos, “Matabala”. Mas concordo plenamente com esse ponto de vista. É necessário que o Observatório Transparência vá mais além nessa sua investigação para estes casos que são deveras importantíssimos para o desenvolvimento de STP.

  3. Capotinho

    22 de Fevereiro de 2021 as 12:10

    No fundo essa queixa contra Nelson não vai dar em nada é mais uma manobra de diversão.

  4. geração botão

    23 de Fevereiro de 2021 as 9:38

    MOMENTO DO CEDO E SEDE

    Ontem dormi cedo!
    Hoje levantei-me cedo!
    Agora estou com sede!
    Rsrsrsrsrsrs🤣😂! Não pensem coisas…, tenho sede d’água; vou beber um pouco d’água depois de tantas risadas.
    Já tinha esquecido que estamos na época do carnaval, os palhaços estão em festa.
    Não esqueça que um dia, os dois palhaços mais alegres do circo, podem chorar em um dia da sua folga !🎪
    A alegria não estava no circo! Estava sim, nos novos palhaços, uns mais alegres do que outros. (Abílio Neto e Carlos Semedo)
    Senti saudades do senhor “ Lambucu” o homem que fazia muitos Santomenses sorrir, ele sim, fazíamos -nos sorrir sem reportagem.
    Um dia, eu hei-de fazer uma Reportagem sobre senhor “ LAMBUCÚ ”.
    O título será “ Jornalecos em Causa Própria, Para Sua Sobrevivência Financeira”.
    Preciso patrocínio da Segurança Social de São Tomé para realizar a minha Reportagem.
    Quero beber uma cerveja Rosema bem fresca.
    Muito calor! Oh credo calor.
    Novo Santomense.
    Jackson Pinheiro
    Europa

  5. JUVENCIO AMADO OLIVEIRA

    23 de Fevereiro de 2021 as 12:21

    Muito obrigado por este trabalho e por vossos esforços.
    Contudo, não me parece que a previsão desse trabalho era este, pois eu tinha a impressaão que o título correspondia a um trabalho mais exaustivo. Na verdade a QUEIXA-CRIME paraceu-me ter utilizado mais que metade do trabalho, quando, na verdade, penso que isso nem estava previsto.

    Os casos mencionados na investigação, merecem uma maior profundidade.

    É verdade que não se faz ideia, não fazemos ideia de quão difícil sinuoso e muito perigoso é investigar esses casos em STP, mas já que iniciaram e julgamos estarem meio caminho andado, agradeço os santomenses de bom senso fazem fincapé para que continuem, pois STP também precisa de clarificar isso. O desenvolvimento também precisa disso.

    Cumprimentos e bom trabalho.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo