Aurélio Martins. Xeque-mate!

Muito se vem borrando com a tinta letrada sobre a liderança do MLSTP/PSD, período pós o Congresso de Janeiro deste ano que ditou Aurélio Martins no lugar de líder do partido de Riboque, culminando o camarada com o inglorioso sexto lugar nas presidenciais, ou seja, o último dos riboquinos, atrás das subordinadas militantes que se atreveram a avançar em colisão com o chefe. Outra vez? Não! Fastidioso…

Para os alheados ou aos que mais recentemente entraram nesta conferência, todos com o direito de opinar e acertar ou não no juízo público do Téla Nón, somos obrigados a viajar aos escombros da nossa tertúlia para oferecer aos leitores o que já aqui deixamos registo no dia 06.04.2011, matematicamente exercendo, há mais de 100 dias da eventual ida eleitoral das presidenciais decretadas ao pé da lei dias mais tarde pela voz do emissário da Presidência da República.

Enquanto os dois partidos (PCD e ADI) fechados na sala divina no maior consenso doutrinal, um elegeu Jesus Cristo (Xavier Mendes) ao altar em comunhão com os discípulos, o outro quase por unanimidade e na ausência de um rival ausente, substituiu/elegeu o chefe tribal (Levy Nazaré). No MLSTP fez-se barulho, lavou-se as roupas sujas na praça pública, um candidato retirou-se da fôkôtô, destronou-se o líder espiritual e os homens foram ao ring até ao último minuto e lá, os militantes fieis a juventude e ao sangue novo, elegeram o seu camarada Aurélio Martins a cabeça da fanfarra riboquina.

…//…

Questionamos. Será que Aurélio Martins, o jovem camarada do partido de Riboque se vai sujeitar a traição de uma garrafa de champanhe angolano na noite da derrota eleitoral?”

Palavras! Para quê? Na altura os nossos humildes telescópios deram-se ao estudo de alertar. Porquê temer as palavras se o seu único mal é não sermos capazes de interpretá-las ou sujeitarmos ao cansaço da ousadia? Sugerimos apenas discernir os actos sem preconceitos.

O camarada Aurélio Martins que, mais ou menos há três anos, ousamos da nossa pertinência e amabilidade em questionar-lhe numa parada pública da sua cruzada pré-partidária, qual das pretensões de tanto sacrifício ao nado da honra, retirou, naquela altura, qualquer intenção presidencial a não ser, da nossa compreensão, de que o futuro a Deus pertence.

O líder do MLSTP/PSD tentou correr mais acelerado que o próprio cronómetro sem se dar ao exercício de rever os filmes engavetados nos arquivos da casa ora assumida a liderança. O risco político é de se correr e só não se atreve a fazê-lo, os políticos de meia tigela. Só que, quem se mete na camisa-de-onze varas, exibia o velho Rangel, deve prever as consequências e das mais insólitas e, no caso em concreto, devia prever o custo político em não saber que fora eleito pelo seu rebanho em plena conjuntivite gravanita para a disputa do lugar de Primeiro-Ministro e não do mais alto cargo da Nação.

Na democracia o cerne é a derrota e a vitória, tão simples quanto isso. Todo o resto complementa a panóplia mosaica do sistema em que o povo é chamado a cruxificar-se a si mesmo conforme os compromissos e as agendas dos políticos. O MLSTP/PSD, sem rever o seu registo não é CODO nem um qualquer outro partido ou quebrado da nossa praça política nem por menos ou mais o agora defunto MDFM-PL que pode ainda ressuscitar, quiçá ao quarto ano, para o comando governativo das ilhas. Apesar das lideranças controvérsias e sujeitas as acusações dos desmandos da República o partido de Riboque tem responsabilidades executivas com um papel preponderante no seu pronunciamento na oposição, que não deve adiar por muito mais a questão da liderança interna, embora o pousio que temos até as próximas eleições, óbvio, na fé nos discursos pós eleitorais do Primeiro-Ministro e do Presidente da República eleito no dia 7 de Agosto, acalenta-nos a afastar os hipotéticos cenários.

Na política e com a carnavalesca da crise internacional que sempre esteve na mesa do Zé do luchan (mais de 60% dos santomenses vivendo na pura pobreza) também não se deve ditar os actos eleitorais por um temporal vasto, apenas para cumprir o ciclo, embora saibamos que Pinto da Costa com o seu peculiar carisma de Estadista não acena em imitar Fradique Menezes que, em 2001, destronou Guilherme Pósser do legítimo cargo de Primeiro-Ministro por querelas de campanha e não gostar do homem. Patrice Trovoada pelas obras prometidas a realizar, embora minoritário na representação parlamentar não tem espaços para truques ou subterfúgios dos fracassados e provocar o seu tombo para o mal dos nossos pecados. Que vai ter de mexer na sua equipa já testada ao longo de um ano, isso não se lhe precisa dar instruções executivas. A oposição parlamentar que prometeu deixar o Governo trabalhar, deve no interesse nacional, fiscalizar e exigir a obra feita sem precipitar a luta do poder pelo poder.

O camarada Aurélio Martins deve pura e simplesmente pôr a disposição do MLSTP/PSD o lugar de líder, porque cavou a sua própria sepultura em não antecipar a responsabilidade dos seus actos, demonstrando que ainda não está a altura das exigências e miragens políticas do partido de Riboque. Por mais que a geração de sangue novo possa fundamentar-nos de que a terra agora já é quadrada, os 4% do resultado eleitoral (abaixo da linha de água) e a trapalhada russa de quatro candidatos de uma mesma génese partidária, MLSTP/PSD, apesar dos inquestionáveis lobbies, têm um só responsável chamado Aurélio Martins que deve convocar os seus militantes a um novo ring.

As derrotas nem sempre constituem a meta final de uma carreira política, tal e qual as vitórias não fazem glórias por mais que a competência possa estar aos préstimos da Nação. O político tem é que sair no timing exacto e tão jovem quanto é (trinta anos mais novo que Pinto da Costa) e o seu supremo espírito empreendedor já ofertados a nossa cidadania, mais cedo do que tarde, saberá regressar com a lição mais bem estudada para qualquer alcance das suas ambições pessoais e políticas.

Quem dá aos pobres, é estúpido porque fica com menos!” Rifão de Gestão Empresarial

17.08.2011

José Maria Cardoso

  1. img
    Madalena Responder

    Caro, Jose Maria Cardoso
    Saudações fraternais.
    Apreciei seu comentario, embora não concordando no essencial dele. Ora vejamos! As eleições foram presidenciais e não legislativas.
    Outra dado importante é trata-se de iniciativa individual,e por causa disso as militantes que se apresentaram ao embate(Drª MAria e Elsa), não têm consequencias disciplinares pelo facto, certo?
    Do meu ponto de vista, muito pessoal, Aurelio Martins, deve fazer a avaliação politica, nos orgãos do partido.
    Vamos ver o trajecto das presidenciais em STP.
    Depois do Presidente Fradique, o MLSTP/Psd não conseguiu eleger um presidente. Ja houve ocasião que nem tinha candidato a apoiar, lembra? Ja houve ocasião que a derrota foi grande, lembra? Mas Pinto da Costa não deixou de ser Lider carismatico, certo?
    Pinto da Costa, ja tinha mandado recado a nação que deviam deixar o governo trabalhar, cumprir o seu mandato, será que essa idéia ja não serve? É melhor entrar em sintonia com o Pinto da Costa.
    O nosso país não suporta mais eleições antecipadas, ADI não vai cair, se essa é sua vontande, esquece. Aquilo que lhe é devido será dado, quer em Lisboa, quer em São Tomé, refiro-me ao tacho, bolsa, etc.
    Quem quer ser presidente do MLSTP, deve posicionar-se, não faça de moço de recado, cresce e aparece. Têm no Partido: Amaro Couto, Alcino, Amado, MAria, Elsa e proprio Aurelio. Por não estamos num cenario de eleições legislativas, ao não ser que ja pensa em derrubar o Governo de Dr Patrice!
    Vou defender sempre Aurelio Martins ao contrario de si. Sem contar com tachos!! sem cruficicar quem quer que seja!!
    A terra é nossa!
    Convenhamos Jose Maria!
    Seja mais prudente e boa sorte.

    • img
      Bejunto Aguiar Responder

      Cara Madalena,

      Sejamos realistas. Gostando ou não do AM o resultado das eleições foi humilhante para ele e para o MLSTP. Ora Sendo o cargo unipessoal, é quase impossível, desassociar o facto do candidato do MLSTP ás presidenciais ter sido precisamente o presidente do partido. Pergunto com que legitimidade moral irá AM liderar o partido quando tem dentro do seu quintal pelo menos duas candidatas que tiveram melhor resultado que ele. Tanto Maria das Neves como Elsa Pinto embora não tivessem ganho as eleições conseguiram ganhar um espaço dentro do partido que remete a autoridade do Aurélio Martins debaixo do tapete. O máximo que Aurelio poderá fazer para sobreviver será demitir-se convocar um congresso extraordinário e recandidatar-se. Não vejo outra alternativa.

      Bejunto

    • img
      Lucas Responder

      Meu caro!
      Gostei da leitura feita pelo Sr. José Cardoso. Ao meu ver, não está em causa a queda do governo, mas sim uma liderança competente unificadora e capaz de analisar os cenários políticos actuais. Um Partido com responsabilidade acrescida como é o MLSTP – PSD, independentemente de estar na governação ou na oposição, tem que se posicionar a altura da exigência do partido e dos seus militantes e acima de tudo, a exigência do país. Infelizmente o camarada Aurélio Martins deu prova que ainda não está a altura de ser líder deste partido. Quem sabe um dia!

      • img
        Reforma da Imunidade Parlamentar isso sim Responder

        Em vez de estarem com muito bla-bla-bla, deviam ser mais directo. Reforma da lei elitoral e constitucional ao fim ao cabo só vem a beneficiar os partidos políticos a terem mais deputados em cada distrito e mais poderes compartilhados entre os mesmos. Em concreto não beneficia em nada o povo. O povo quer é reforma das leis concernente a imunidade parlamentar. Isso sim. Reforma das leis sobre os deveres e responsabilidades dos deputados para com o povo. Quem roubar o povo (corrupcao) deve ser ouvido e punido e mais nada. Sem rodeio algum, muito prático.

    • img
      Assuncao Responder

      Caro ou cara Madalena,
      Respeitando as demais opinioes inclusive a sua, nao vejo k o artigo vise objectivo k aki vem advertir. Contudo,deixo aki o k penso:
      1- O cidadao Aurelio Martins independentemente de ser eleicoes para PR ou Legesl. depois do resultado, se tivesse akela cultura politica e nao so,ja teria posto o cargo a disposicao,so lhe ficaria muito bem e aki dava a minha nota 10.
      2- Nao acredito k Pinto da Costa tenha planos d fazer cair o governo, seria 1 anormidade e nao ‘e isso k ficou expresso na campanha embora os politicos normalmente nao cumpram com o k dizem, ele nao ‘e parvo, sabe bem k o pais nao suportaria 1 barbarie destas, e os “tempos sao outros”.O dialogo ‘e 1 arma forte.O governo nao deve cair a belo prazer, embora este governo ter muito k se lhe diga.
      3- Qualquer lider k se preze, tem de se prepar bastante, alias, como em tudo; MLSTP, trate de arrumar a casa e se unir numa unica frente,o governo precisa de uma forte oposicao e a democracia se faz em muitas vertentes, nao so na governacao ou presidencia; toca a trabalhar k o pais agradece.
      Com cumprimentos.

  2. img
    Frutinho Responder

    Aurelho marca a data do congresso + breve possivel, devemos gatinhar e depois para andar

  3. img
    Santa Marta Responder

    Tamén deves ser um dos que pensam como os grandes leões do MLSTP. Se não lhe interessa o povo, porquê que não sugere a forma de eliminar o povinho e as ilhas ficarem somente para os grandes?
    Restruturação no meu MLSTP mas uma liderança séria. Não a liderança que os jornalistas já estão a propor que é a Srª. Maria das Neves. MLSTP merece uma liderança mais séria.

  4. img
    Mario da Costa Responder

    Porquê que não diz o mesmo ao DR Patrice!
    Quer fazer o jogo sujo!
    Se calhar será outra fase.
    Caramba!!
    A tomada de posse será dia 3 de Setembro e Pinto ja o Convidou?
    Deseja atingir Dr Patrice passando por Aurelio MArtins, muda de estrategia.

  5. img
    povo Responder

    Aurelio isso e o que corpo procurou para alma

  6. img
    O Visionario Responder

    HUM!!!!

  7. img
    Eusébio Pinto Responder

    Caro Sr. José Maria Cardoso,

    Nunca deixei de ler os seus textos publicados no Tela Nón, pela pureza dos conteúdos neles apresentados. Mas desta vez não me limito apenas a habitual leitura, porque apraz-me comentar. E o meu comentário é este: independentemente do tema que tráz, os seus artigos de opinião sabem como um bom calulú com angú, a moda santomense, cozinhado pelas nossas avós! A sua capacidade de compôr as ideias e trazê-las ao leitor é impressionante, no bom sentido da palavra! Parabéns!

    Eusébio Pinto

  8. img
    Nosolino Vera Cruz Responder

    Muito bem visto José Maria Cardoso. Aurélio Martins saiu mal na fotografia por causa da sua ambição desmedida. Na minha análise não haveria candidato capaz de bater Aurélio Martins nas próximas eleições legeslativas. Mesmo o actual chefe do governo ficaria pelo caminho na disputa com Aurélio Martins nas próximas eleições legeslativas. Mas aquele que tinha tudo para ter sucesso e escrever, p´ra já, o seu nome em letras de prata na sena política santomense deitou quase tudo a perder. Não basta simplesmente entrar na política, é preciso ter olhos para política. É o que Aurélio Martins não teve ou não quiz ter e deixou-se queimar.
    Espero que Aurélio Martins tenha capacidade intelectual e humildade suficiente para salvar a pouca possibilidade que tem de ser um grande na política santomense.
    Benção e Sucessos a todos os que querem o bem estar de S.Tomé e Príncipe e do povo santomense!

  9. img
    Irmão Bailundo Responder

    Deixem o homem trabalhar e evitem emitir textos que só trazem conflitos internos.Aurelio Martins foi eleito para um mandato de 3 anos e deixem que homem cumpra este mandato.É evidente a derrota Presidencial mas isto não lhe tira o Direito de cumprir o seu mandato.O MLSTP/PSD fica muito a ganhar com a sua continuidade pela forma humilde como dirige as coisas.

  10. img
    sulila miranda Responder

    Convenhamos meus srs, Aurelio Martins não tem nem nunca teve capacidade politica, nem nunca demonstrou cadacidade intelectual para ser nada em São Tomé e Príncipe.Mas eu não quero de maneira nenhuma crucifica-lo porque estão no seio do MLSTP os culpados por esse atropelo, esses é que tudo têm que fazer para o destituir o sr, porque com a falta de conhecimento e de capacidade e análise política que ele tem revelado, não me estranha que esteja a preparar-se para continuar como presidente do partido, alegando o tempo normal e regular de mandato de um presidentede do partido. O que se pode fazer nesses casos…? É uma cruz pezada!

    • img
      god of war Responder

      Quem aprende a pôr-se no lugar dos outros torna-se espontaniamente compreencivo, atruísta, preocupado em não os ferir.antes de opinar têm que refletir o que estão a dizer… god of war

  11. img
    Aguido Responder

    A corrida presidencial é diferente k as ilegilactiva  , em k há 1- 2- 3 etc etc assim seria Pinto com maioria parlamentar a seguir Evaristo , Delfim e outros . Nessa eleição só ouvi um vencedor Pinto o resto é conversa . Ou pensas k isso é igual ao campionato? Q o Pinto e Evaristo vão a liga dos campeões, o delfin vai aos apuramentos pra liga, a Maria das Neves e Elsa pinto vão a taça UEFA. Deixa de ser meskinho lambi bota. Essa é a razão da sistemática eleições em STP, hoje será no partido 100 um ano de mandato amanha será no governo é por isso k o pais não vai a frente

  12. img
    Horácio Will Responder

    Zé Maria Cardoso
    Aprecio muito a sua produção escrita. Amplia o cenário sem perder o sentido da cena e fica bem.
    “A oposição parlamentar que prometeu deixar o Governo trabalhar, deve no interesse nacional, fiscalizar e exigir a obra feita sem precipitar a luta do poder pelo poder.” Esta grande frase é apenas uma parte do “cenário”. Parabéns.
    Quanto à “cena” que é o xeque-mate ao Aurélio Martins (AM), entristece-me o resultado e mais ainda o que o ocasionou.
    Nunca pude fazer um comentário favorável ao AM porque não tive informações suficientes sobre os seus propósitos e não quis misturar sentimentos pessoais com o futuro do povo. Mas fiquei muito expectante à espera que ele viesse a se tornar um grande estadista poruqe STP precisa e também porque estimo tê-lo conhecido.
    Caso o Aurélio não tenha perdido aquela infantilidade que ele tinha e que eu tenho no sentido de procuar a justiça, o povo irá reconhecê-lo. Como muitos anos de vida activa ainda o esperam em circunstâncias normais, convém ele não se sentir definitivamente queimado ainda que o futuro possa passar pela afastamento da liderança do MLSTP nos próximos tempos. Antes da amizade, desejo sempre que nas eleições ganhe o candidato que melhor queira e possa fazer pelo país. Se AM for esse candidato, pessoalmente fico feliz.

  13. img
    Emigrante Responder

    vai com calma

  14. img
    jakson five Responder

    Meus amgos, este artigo foi encomendado por aqueles que querem a todo custo o poder.
    Hora vejamos: Este individuo que escreveu artigo andou a trabalhar na emissão dos passaportes, foi aventura em Lisboa, não tem emprego, sem bolças de estudo. Com a victoria do Pinto esta bajular para conseguir emprego na embaixada.
    Mas, meu coidado, conheço bem o aurelio martins, ele vai deixar o partido, continuar a sua vida em angola, um jovem trabalhador, quando nós estudavamos no liceu, ele com pouco menos de 17 anos estava trabalhar na rádio nacional, orgulho para nossa turma 9ºclasse turma E, foi nosso chefe de turma.

  15. img
    aglm Responder

    politicos de stp só pensam maximizar o seu patrimonio. O povo é tao borro que nem encherga. Ninguem quer ser agricultor todos querem ser lider so para roubar ate quando senhores fingido enganador falso sorriso nao tenhe peso na coenciencia. Dxa Aurelio esse ainda anda com a carra levantada.

  16. img
    M. Responder

    Meu compadre José Maria Cardoso.
    Os meus parabéns pela brilhante contribuição que dá e enriquece esse espaço informativo. Com pode ainda haver pessoas a apoiarem Aurélio Martins depois de tanta água que meteu?
    O mínimo que deve fazer pois já devia tê -lo feito é colocar o cargo a disposição.
    Continue escrevendo meu caro José, que muitos admiram a sua boa maneira de pensar alto.

  17. img
    truquim deçu Responder

    Se venho cá com os meus comentarios é somente para elogiar o ponto de vista de José Maria Cardoso,o MLSTP/PSD é um partido de renome com historia muito importante para o povo de STP, por esta razão deve ter um lider de visão,o que Aurélio não teve, logo demostrou a sua ganancia pelo poder muito cedo e com certeza se ele continuar a frente deste partido podem crer que o partido vai fragilizar muito mesmo,para me o importante de tudo isso é os santomenses esquecerem dos interesses pessoais e olhar para o povo que os elegem, o país não é somente de os 60% mais sim de todos nós, então mesmo nos partidos politicos mesmo no governo mesmo na presidencia olhemos para coletividades tenho fé que um dia africa em geral conhecerás lideres capazes que imitam o jesus cristo, os lideres que perceberão que o melhor é servir do que serem servidos alias é para isso que o povo os elegem, para servir o povo depois para serm servidos mas fazem contrario, um país como nosso com tanta pobresza os lideres compram um carro de 8 lugares pra ele só andar veja só pensamento vamos com calma, eu creio que devemos pensar para todos e não somente para nós os lideres politicos e não só , vamos dar uma olhadela nos hospital de Monte café Agostinho Neto Boa Entrada etc. Deixemos de comprar carros de luxos de muito dinheiro por agora,precuremos que todos os santomenses tem um emprego dividem os vossos lalarios com os outros par que haja um equilibrioporquê que um reforma com cinquenta milhões de dobras e com 300 litros de gasolios por mês e com mais que uma viatura de Estado e outro reforma com 300 mil dobras e sem gasolio e viactura?este país precisa de uma boa refleção se é verdade que o país é de todos nós fico por ai espero que n maguei ninguem mas sim estou pedindo a justiça e quer fazer lembrar os lideres desta terra que mais burro que vc seja mais patetá que vc seja, depois de zombarem de vc demais e pater em vc demais um dia vc agi e quando agir qualquer objeto que tiver ao seu alcanse vc atinje o adversario , obrigado

  18. img
    Sempre a subir Responder

    Quando vi que Aurélio tinha ao seu lado pessoas como Jorge Bom Jesus, Fernando Makengo, fiquei tranquilo pensando que ele se iria aconselhar com essa gente. Infelizmente para minha surpresa percebi que não. Tive uma conversa com um deles, para tentar apoiar Aurélio, dando-lhe uma opinião válida já que esse não iria esperar ainda como lhe sugerira os mais atentos, foi um esforço em vão, atrapalhado se rodeou de esfomeados e o teatro começou, sabia que só poderia dar nisso. Ele vai tentar fazer braço de ferro para manter no lugar que conseguiu a um bom custo, mesmo até o Pinto vai achar que se calhar é melhor deixa-lo lá. Só que como as pessoas de opiniões válidas já desistiram de tentar aconselha-lo porque não podem se dar o papel de esperar e perder tempo, não terá remédio. Ele vai ser sufocado com manifestações exigindo o congresso.
    A situação de Aurélio tem solução? Sim. 1) Parar de fazer teatro 2) etc.
    Garanto-vos que com os meios que Aurélio investiu, teria 3 vezes mais do voto que teve se tivesse a liderar Códó.
    No meu ver Aurélio não cometeu nenhum pecado, só quem não tem ambição é que não cresce, ele é um batalhador e como a vida de todos os batalhadores tem altos e baixos a dele não faz diferença. Ninguém que concorreu é pior ou melhor que ele, só que o problema está no segredo… que os bloqueados nunca saberão.

  19. img
    julio Fortes Responder

    Meus amigos sou militante do Partido, tudo quanto estão escrever são as montagem com vinalidade que conhecemos.
    Mas, digo-vos gente que querem acabar com o nosso partido.
    Pois, não conheço militante que mais apoio deu ao partido como o nosso presidente: Comprou trêz viaturas novas para o partido, construiu uma sede de raiz em lobata para a OMSTEP e mais coisas.
    Força camarada presidente.
    Estamos consigo.
    Sou militante de gema.

  20. img
    Mario Baia Responder

    Sera que durante a dificuldade que o pais anda a passar nao deu para perceber que estamos a ser enganado com os maus feitores da politica em desmoralizar o nosso presidente e apropriarem do partido para utilizar da pior forma pussivel, a liderança Aurélio Martins continua cer a unica pessoa q merece o apoio e respeito de todos nos viva Aurélio Matins nao foi desta vez . Recuaste 1 um passo na sua vida politica para dares 4 passos o pais precisa de homens como você ….

  21. img
    Milagrosa Responder

    Quem pede congresso extraordinario?
    Para quê um congresso extraordinario, se não estamos num cenario de eleições antecipadas!
    Quem quer ser candidato, é melhor esperar se lhe sobra algum tacho na presidencia, mesmo como protocolo!!. Tenham calma!!
    Um tempo novo, está na moda.

  22. img
    Genero d'almeida Responder

    Meus caros nada de congresso.
    O meu partido vai saber contronar tudo quanto aconteceu. Esta direcção chefiada pelo camarada Presidente Aurélio Martins deu sorte ao partido, teve pé quente, apesar de tudo ganhamos. Pinto da Costa recebeu votos dos militantes do partido na segunda volta em massa. Foi avontade de todos os militantes que receberam apelo do presidente para votar no Pinto.
    Nós em Lembá dicemos o Camarada Aurélio para não candidatar, queremos ele afrente do partido. Ele foi conduzido pelo seus colaboradores mais directo: Nelson Mendes Gaudêncio Costa, Maguengo, Célia Posser, São Silveira, Oscar Baía, Higino Will e tantos outros. Devido a falta de consenço entre as tuas senhoras.
    Agora camarada presidente recebeu um cartão amarelo, vamos ver daqui em diante o seu trabalho, caso não der resultado em doze meses, cartão vermelho, vamos ao congresso.
    Força o MLSTP é um partido maduro.
    Não continue a escrever coisas falsas em nome do nosso glorioso.
    Somos forte, ninguém nos pode parar.
    Vamos ao poder com maioria qualificada.

  23. img
    O ISOLADO Responder

    Olá José Maria,acho que foste muito bem sucedido neste comentário
    Gostei do conteúdo; gostei da lição;gostei da preocupação;gostei da cultura, porque muitos(as) escrevem mas não entendo nada é tão simples quanto isso.Um abraço!!

  24. img
    Jo'jo' Responder

    não tenho palavra ?

  25. img
    somos todos primos Responder

    Muito obrigado a todos.
    AURELIO MARTINS, é é filho desta terra, gente boa,até ficou conhecido em sao tome como pai dos pobres, uma vez que ele com seus proprios meios ajudou muita gente em sao tome e nao só, mais o povo foi ingrato para com ele, mao nao tem problema.
    força aurelio martins que os bons dias viram

  26. img
    miss jane Responder

    deixa-me homem trabalhar… kem aki nao comete erros…ele vai dirigir partido… deixe Aurelio Martins liderando partido

  27. img
    stp Responder

    Aurelio estamos com tigo.. acreditamos k vas dar volta no resultado e levantar partido…. Os liderados tenhem k respeitar o lider…. muitos estao a criticar pork kerem poder aforça… viva Aurélio Martins

  28. img
    rabujento Responder

    Forza Aurelio Martins, muitos nao votaram em ti por exitarem entre o PC, mas nao significa que nao es capaz nem es querido. O povo te quer como lider sim mas noutros paltamares…

  29. img
    Abdul viegas Responder

    Jose Maria Cardoso ja deu pra ver que tu fases parte do grupo dos corruptos do MLSTP vocês é que estam a distruir o MLSTP e todos que querem bem do MLSTP.
    Jose M.Cardoso o que é que ja fizeste de bom para o MlSTP e para povo?
    Devias contribuir para um tempo novo no MLSTP envez de distruir gente burra.
    Aurelio Martins força nós estamos aqui para distruir esses malandros,corrrrrrrruuuuptos

  30. img
    keblancana Responder

    Que palhaçada!….Estas porcarias de ideias e comentarios levam STP a alcançar um dia a auto suficiência alimentar? Resolvem o problema de desemprego e miséria no País?
    Vocês desperdiçam o tempo com a liderança do MLSTP? Seja AM ou seja lá quem for, isto interessa alguma coisa?
    Discutam como retirar o País da miseria? meus senhores…Não acham isso mais importante?
    Bla, bla bla, que não serve para nada… Que raio de gente essa…

  31. img
    keblancana Responder

    Ora meus caros!
    O País é pobre, então tenham a coragem de seguir este exemplo:
    Os deputados são eleitos para defenderem o povo. Partindo deste simples princípio, como a Assembleia não é empresa publica nem privada, os deputados não deviam receber salario nenhum como acontece em alguns Paises desenvolvidos, nem tão pouco deveriam ter regalias, desde secretarias e carros do povo, morotoristas, acessores, etc.
    Apenas deveriam ser remunerados pelas horas de trabalho permanentes nas sessões parlamentares.
    já imaginaram o quanto o Estado poupava…Apenas com este exemplo, já teriamos dinheiro suficiente para recuperar o Liceu Nacional e mante-lo em pleno funcionamento com dignidade.

  32. img
    osvaldo pereira Responder

    A restruturação do partido não tem que neçessariamente aconteçer com o derube do lider AURELIO MARTINS,faltou-lhe visão politica na altura em que se candidatou mas verdade seja dita antes de se candidatar ja avia rumores que as 2 damas de ferro do partido não se intendiam para formar uma só candidatura,portanto não batam mais no (ceguinho)porque muitos ha que nada fizeram pelo partido e pelo país,AURELIO ja fez alguma coisa e os que o condenam não são melhores que ele,,,

Deixe um comentario

*