Desporto

MJD capacita jovens sobre ética desportiva

A Direcção dos Desportos será palco nos próximos quatro dias de uma acção de formação para os formadores sobre a ética desportiva, promovida pelo Ministério da Juventude e do Desporto, MJD, no quadro do plano de ética no desporto da CPLP.

Depois da formação dos pontos focais em Janeiro, esta segunda-feira deu-se o início a capacitação dos formadores sobre a ética desportiva, enquadrada no plano de ética do deporto da comunidade falante da língua portuguesa, que visa trazer ao desporto na comunidade os valores que vão se perdendo ao longo dos tempos, como a honestidade, a lealdade, o compromisso, e muito outros.

O caminho é longo e difícil, mas, o importante é dar os primeiros passos, sublinhou Carlos Gonçalves, o representante da organização, acrescentando que com empenho dos formandos e do governo será possível num futuro próximo implementar com sucesso o plano de ética do desporto no país.

Em representação do governo, o Director dos Desportos, Angélico Santos, atribuiu a capital importância a esta acção, que visa munir mais de 20 jovens (atletas, treinadores, dirigentes, professores e jornalistas) com o conhecimento sobre os princípios (valores) que norteiam o desporto, e que será bem patente na realização dos XI Jogos Juvenis da CPLP, que terá lugar na próxima semana, aqui na capital santomense.

Nesta ordem o mesmo exortou aos participantes a aproveitarem ao máximo o conhecimento que serão passados pelo professor André Carvalho.

Henrie Martins

    4 comentários

4 comentários

  1. José Luís de Jesus - Presidente da UDC

    17 de Julho de 2018 as 9:11

    Grande iniciativa, mas acho que as federações deveriam estar mais envolvidas tendo em conta que são elas as fazedoras do desporto no país. Já fazia sentir a necessidade formação para ajudar a melhorar o estado do desporto nacional. A sociedade está a desabar por falta dessas ferramentas, que seja realizada mais vezes só assim poderemos punir os que contribuem para a descredibilização do desporto nacional.

  2. João Afonso S. Silva

    17 de Julho de 2018 as 18:58

    Como é que o Sr. Angélico Santos tem o descaramento de falar em valores desportivos, quando ele é o próprio a não cumprir com esses valores, utilizando terceiros para os seus serviços e não pagando os mesmos.
    Se disser que é mentira colocarei as provas na internet que existem desde 2015.

    • sequeira silva

      18 de Setembro de 2018 as 10:39

      Como pode a D. G. Desportos dar FORMAÇÃO de ÉTICA DESPORTIVA, quando a própria não tem a ética nos seus DIRIGENTES para cumprirem com os seus compromissos financeiros que estão por liquidar DESDE 2015.
      Aos que colocam sinal negativo na noticia, a única coisa que lhes posso dizer é que se quiserem coloco as facturas e os mails assim como as diversas mensagens enviadas ao Sr. Leal Sanches e ao Sr, Angélico na Internet a pedir o respectivo pagamento.

      Já agora como vai a D G Desportos resolver o problema que criou ao dar o seu consentimento ao assalto que estão a fazer ao C. Olimpico. Assalto esse que vai levar o C O Internacional a suspender toda a actividade do C. O. S. T. P.

  3. sequeira silva

    18 de Setembro de 2018 as 10:39

    Como pode a D. G. Desportos dar FORMAÇÃO de ÉTICA DESPORTIVA, quando a própria não tem a ética nos seus DIRIGENTES para cumprirem com os seus compromissos financeiros que estão por liquidar DESDE 2015.
    Aos que colocam sinal negativo na noticia, a única coisa que lhes posso dizer é que se quiserem coloco as facturas e os mails assim como as diversas mensagens enviadas ao Sr. Leal Sanches e ao Sr, Angélico na Internet a pedir o respectivo pagamento.

    Já agora como vai a D G Desportos resolver o problema que criou ao dar o seu consentimento ao assalto que estão a fazer ao C. Olimpico. Assalto esse que vai levar o C O Internacional a suspender toda a actividade do C. O. S. T. P.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo