Anúncios

Festival do Barco do Dragão—— Duānwǔ

O Festival do Barco do Dragão (Duānwǔ) , uma celebração que acontece há mais de 2 mil anos na China, cai no quinto dia do quinto mês do calendário lunar chinês. Este ano é celebrado em 3 de junho.

O Festival do Barco do Dragão é uma das quatro datas comemorativas mais importantes do calendário chinês, junto com o Festival da Primavera (o Ano Novo chinês), o Festival Qingming(o Dia de finados)e o Festival do Meio-Outono. A festividade foi a primeira a ser incluída na lista de Patrimônio Cultural Intangível da UNESCO.

A história mais popular sobre a origem do Festival é a do Qu Yuan, o primeiro poeta chinês importante na história da literatura do país. A sua obra está principalmente compilada numa antologia poética denominada Elegias de Chu. Qu é um político patriota do século III a.C.. Ocupou um cargo importante, mas as suas ideias políticas, a sua capacidade e o seu empenho numa rigorosa aplicação das leis chocaram com as forças conservadoras da nobreza. Devido às intrigas destas, Que caiu em desgraça do rei e mais tarde foi desterrado duas vezes para longínquas terras selvagens. Em 278 a.C., vendo que o reino ia ser conquistado por tropas de Qin e ele não podia fazer nada para o impedir, caiu em profundo desespero e suicidou-se atirando-se ao rio Miluo, na atual província de Hunan, no quinto dia do quinto mês do calendário lunar chinês.

Diz a lenda que, ao saber da notícia, o povo reuniu-se em barcas no rio tocando gongos e tambores para espantar os peixes e lançou bolinhos de arroz (zongzi) à água para que estes, fartos de comida, não tocassem no corpo do poeta.
Em memória dele, todos os anos, no dia de sua morte, as pessoas batem tambores e remam barcos no rio e jogam bolinhos de arroz na água, como fizeram os moradores locais. A celebração do festival também é um momento em que os chineses dispersam os espíritos ruins.

Origem do Festival do Dragão: https://fb.watch/domc-YMoBf/

https://fb.watch/domc-YMoBf/

Atividades de celebração:
• Corrida de barcos-dragão: Corridas de barcos acontecem nas águas de rios espalhados por todo o país e os países onde há uma comunidade grande dos chineses. Os barcos tradicionais têm o formato de dragão e são pintados em vermelho, amarelho, preto e branco, e têm entre 20 e 40 metros de comprimento.

• Comer Zongzi: Um bolinho de arroz glutinoso envolto em folhas de bambu, que pode ser recheado com variados tipos de alimentos. Na China, Zongzi de carne são mais consumidos no sul, e Zongzi doce são mais consumidos no norte.

Preparação de Zongzi: https://fb.watch/domjnk4r1P/

https://fb.watch/domjnk4r1P/

• Pendurar Xiangbao nas paredes: Sachês coloridos e perfumados, feitos à mão, contendo ervas com propriedades inseticidas e antifúngicas, como a artemísia chinesa e o calamus.

•Enrolar o fio de seda colorida: Em algumas regiões, durante o Festival do Barco do Dragão, o fio de seda colorida é enrolado no pulso ou pendurado no corpo, rezando por uma vida longa e boa sorte.

FAÇA O SEU COMENTARIO

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

To Top