Desporto

Entrevista com o atacante são-tomense Kimilson Quaresma

O jovem Kimilson regressou esta temporada ao União de Montemor, da 3ª divisão de Portugal, após cedência ao Valenças. O atleta são tomense de 20 anos revela nesta entrevista os seus sonhos e está disponível para representar a sua selecção que diz ser um orgulho e seria um marco na sua carreira. Kimilson acompanha o que se passa em São Tomé e Principe e diz que o povo merece o melhor.

Um marco na minha carreira representar a minha selecção

Vasco Antão
Fala-me do teu percurso desportivo desde que começaste até agora?

O meu percurso desportivo foi sempre no União de Montemor, formei-me ali como jogador onde jogo desde os 11 anos. Lesionei-me no meu segundo ano de júnior o que me fez chegar mais atrasado, ao meu objectivo que era entrar no plantel sénior no ano seguinte. Fiquei um ano sem jogar futebol e no ano passado fui rodar no Valenças fc um clube aqui local. Este ano estou no União para me afirmar e ser uma aposta regular aqui no clube.

Jogaste em algum clube em São Tomé e Príncipe?

Não joguei em nenhum clube com pena minha pois vim com 9 anos para Portugal.
Em Montemor qual é o objectivo do clube?
O meu objectivo é crescer como jogador e afirmar-me definitivamente como titular. Será um caminho longo, mas com trabalho e paciência chegarei lá.
O ano passado foste emprestado ao Valenças. Foi importante para ti?

Sim, foi realmente importante pois serviu para ganhar confiança e jogar com mais regularidade. Isso permitiu me regressar em definitivo ao clube do meu coração o União de Montemor. As pessoas com quem trabalhei no Valenças tiveram um papel importante para que isso acontecesse.

Já marcaste golos no Montemor?

Sim graças a deu já. Marquei no primeiro jogo que joguei após o meu calvário que foi a lesão. Marquei no redondo e tive a sorte da primeira vez que toquei na bola fiz logo golo. Foi um momento inesquecível e pelo qual trabalhei muito para conseguir.

És uma das grandes esperanças dos jovens futebolistas de São Tomé e Príncipe?

Não tenho conhecimento se assim acontece na minha terra em São Tomé e Príncipe mas se for para mim é óptimo espero não vir a ser uma esperança, mas sim uma confirmação e ajudar o meu pais.

Sempre jogaste a avançado ou podes efectuar outras posições?

Posso jogar em qualquer faixa do terreno e também como avançado centro e já joguei a lateral esquerdo.

Aonde gostarias de chegar como jogador?

Naturalmente gostaria de chegar longe. Estou num bom clube, mas se conseguir algo mais seria óptimo. Sou novo, sou sonhador e enquanto sonharmos e lutarmos pelos sonhos tudo é possível.

Acompanhas-te os campeonatos de São Tome que regressaram depois de paragem?

Infelizmente não tenho acompanhado por falta de tempo o horário laboral assim não me permite.

Em teu entender existe evolução dos jogadores de São Tome e Príncipe?

Claro que sim. Prova disso é que existem vários jogadores a actuar em Portugal, isso confirma a sua qualidade e desejo que venham mais seria óptimo para o desenvolvimento desportivo do pais e dos jogadores em geral.

O que falta para termos mais atletas de São tome Príncipe nos campeonatos portugueses?

Falta mais condições e a meu ver em São Tomé falta uma maior visibilidade das provas que realizam. Mas penso que se a Federação de Futebol de São Tomé e Príncipe, unir esforços e trabalhar em torno desse objectivo a vinda de mais atletas para campeonatos portugueses será uma realidade. Acho que também e mais importante é apoio financeiro para que isto tudo seja uma realidade.

Alguém da Federação de Futebol de São Tome e Príncipe já te contactou para poderes representar o teu pais?

Não ainda não, mas quem sabe no futuro isso possa acontecer.

Estavas disponível para representar a tua selecção?

Claro que sim, para mim seria um orgulho, representar a terra onde eu nasci. Penso que é um marco na carreira de qualquer jogador e como todos eles eu não fujo a regra.

Tens acompanhado o que se passa em São Tomé e Príncipe?

Acompanho através da RTP África e sei que passa por uma situação difícil. Entristece -me mas espero que tudo fique resolvido o mais depressa possível. O meu povo merece o melhor pois tem sofrido muito.

Tens saudades da tua terra,  São Tome e Príncipe?

Claro que sim, desde os 9 anos que não vou lá e para o ano espero lá ir e matar saudades da família e amigos.

Nasceste aonde em São Tomé e Príncipe?

Nasci na cidade capital em São Tomé.

NOME COMPLETO- Kimilson Varela Quaresma

DATA NASCIMENTO- 15/04/1989

NATURALIDADE – São Tomense

ALTURA – 1,70m

PESO – 60 kg

POSIÇÃO – Avançado

    1 comentário

1 comentário

  1. erminda baia mendes monteiro

    30 de Outubro de 2010 as 22:04

    eu aixo que cst e uma boa compania e espero que esto melhore mais ainda.
    voces hultimamenti vcs tem feito umas boa campanha muito enteresante para os povo que e de jojo e zete pema que os povos adorarao e adoram muito.mas eles cempre dezem que e umas das melhores empresa que ezist no pais !!!!!!!!!erminda

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo