Desporto

Tenente-coronel Idalécio Pachire é o novo Presidente da Federação São-Tomense de Futebol

Os delegados a Assembleia Geral dos Clubes de Futebol de São Tomé e Príncipe realizada no último fim de semana, votaram por maioria no candidato da lista B. Idalécio Pachire Tenente-coronel e Comandante do Exército foi eleito Presidente da Federação são-tomense de Futebol, tendo derrotado o jornalista Manuel Dendê que a 12 anos dirigia a Federação de Futebol.

52 anos de idade, Idalécio Pachire, é um dos nomes sonantes do futebol são-tomense. Médio volante, Pachire, como ficou conhecido no mundo futebolístico, começou a demonstrar o seu potencial para o futebol ainda criança, através das bolas de plástico na antiga na Roça Porto Alegre, no sul de São Tomé.

Cresceu bastante no Andorinha Futebol Clube. O nome PACHIRE, ecoou profundamente nos ouvidos dos são-tomenses através dos relatos de futebol na década de 80. Altura em que serpenteava o meio campo do Andorinha e mais tarde do Vitória do Riboque na distribuição do futebol de ataque das duas equipas.

Bons tempos que deixam saudades, porque o futebol são-tomense tinha qualidade e rivalizava com os países vizinhos nomeadamente com os clubes angolanos. Militar de Carreira, o actual Tenente-coronel e Comandante do Exército de São Tomé e Príncipe, jogou também no clube dos militares o 6 de Setembro.

No último sábado os representantes dos clubes de futebol de São Tomé e Príncipe, reunidos em Assembleia elegeram por maioria a lista B, encabeçada por Idalécio Pachire para Presidência da Federação São-tomense de Futebol para os próximos 4 anos.

Pela primeira vez nos últimos 12 anos, a Federação de Futebol passa a ser dirigida por um homem que deu boa grande parte da sua juventude pela dignificação do nome de São Tomé e Príncipe, no campo de futebol. «Vamos em primeiro lugar reorganizar a estrutura da federação são-tomense de futebol. Vamos fazer com que o país tenha voto na FIFA. Isto implica a nossa participação nas competições internacionais, primeiro com as selecções de futebol e depois os clubes», afirmou para o Téla Nón o novo Presidente da Federação são-tomense de futebol.

Idalécio Pachire, pretende também definir um novo programa para realização do campeonato nacional de futebol, tomando em consideração o período em que a prova é realizada na região africana.

Transformar o futebol numa modalidade de massas, envolvendo todos os estratos da sociedade, é outra prioridade da nova direcção da federação. Segundo Pachire, para além do futebol 11, o futebol de praia e outras vertentes desta modalidade serão promovidas em todo o país.

Numa altura em que os clubes de futebol estão desmotivados e desorganizados, o novo Presidente da Federação, promete tudo fazer com o apoio do governo no sentido de organizar e dinamizar os clubes de futebol.

Na Assembleia do último fim-de-semana, marcada pela presença do representante da FIFA Champo Kamblan, dos 38 delegados presentes, 22 votaram para a eleição do Tenente-coronel Idalécio Pachire e 16 votaram a favor do Jornalista Manuel Dendê.

Manuel Dendê, foi Presidente da Federação de Futebol, nos últimos 12 anos, num total de 3 mandatos. Periodo em que organizou 7 campeonatos de futebol da primeira e segunda divisões.

Durante a Presidência de Manuel Dendê a FIFA passou a ser o principal financiador da Federação de Futebol, com uma injecção anual de 250 mil dólares norte americanos.

No entanto há 5 anos que São Tomé e Príncipe não participa em nenhuma competição internacional, sobretudo a nível africano.

Abel Veiga

    33 comentários

33 comentários

  1. xnove

    25 de Outubro de 2010 as 2:30

    Até que enfim a queda do império Dende, antes tarde que nunca, pois ja tava na hora, porque mesmo o imperio chines ja nao existe faz tempo, 12 anos é uma vida, chegou a hora de lançar o fute santomense.Muito trabalho em prol do nosso fute Man Pachire…Um Bem haja.

    • Mudar, mudar, mudar!!!

      27 de Outubro de 2010 as 7:48

      Caros leitores,

      Vamos dar parabens tb ao novo governo na pessoa do senhor Secretario de Estado da Joventude e Desporto, Dr. Abinildo d’Oliveira que muito tem influciado nesse processo de restruturacao da FSF.

      Fuiiiiiiiiiiii……….

  2. Baga-tela

    25 de Outubro de 2010 as 3:29

    Muito contente estou com a eleicao do novo Presidente. Mas cuidado la para nao fazeres como Dendeh fazia que era dar mais atencao a Praia Cruz, e tu a ir dar mais atencao a Caixao Grande ou mesmo 6 de Setembro.

    Desejo-te muita forca e muitos parabens, pois o povo de STP sai vitorioso com nova estrutura da FSF.

    Fui…………..

  3. Tony

    25 de Outubro de 2010 as 8:12

    Pois é, já não era sem tempo, mas queiram me desculpar, no meu ponto de vista é que o Tenente-Coronel, não esta em altura de revolucionar o nosso futebol…”Penso”, nos novos desafios futebolisticos, olha temos que definir a meta que queremoa atingir… mas sinceramente, o Tenente Coronel não vai fazer diferente. “Só mudaram o vigorino”

  4. sr

    25 de Outubro de 2010 as 9:32

    forca Pache
    ate ki enfim osdirigentes dos clubes abriram os olhos

  5. Claudino Monteiro Tavares

    25 de Outubro de 2010 as 10:09

    Fico satisfeito com a eleição do novo PFSF, por um lado por ser pessoa conhecedor da materia e que muito tenha contribuido para o desenvolvimento do desporto em S.Tomé, e em particular o futebol. Ainda miudo cresci com ele no mesmo teto quando quando fazia os meus estudos secundário na cidade capital em Agua Arroz, passei bons momentos com ele, e maioria das instruções que tenho como um cidadão. Por isso desjo ao meu TENENTE CORRONEL boa sorte e que DEUS te proteja de tudo…. e que tenha susseço e não esqueça da nossa roça Porto Alegre, porque lá sempre tem aparecido bons jogadores como:Tu (PACHIRE),vitor cabolê,António Cabolê,jão victoria, e eu tambem antes de vir para Cabo-Verde em 1986 joguei um campeonato para Benfica de Porto Álegre, ainda recordo um jogo em Ribeira Afonso e ganhamos por 4-2 e eu tinha marcado dois golos , tambem Zeca de Sr pontife, e aquela victoria nos resultou numa pancaria e que corremos a pé até roça que fica lá acima da Ribeira Afonso, e impidimos os ribeirenses a ascenderem á 1ª divisão naquele ano..

    Claudito Tavares

    Cabo-VERDE

  6. Mak

    25 de Outubro de 2010 as 10:30

    Pachire, os meus parabéns e exitos no teu mandato. Espero q consigas levar futebol Santomense para o ponto mais alto possivel.

  7. Madalena

    25 de Outubro de 2010 as 11:06

    Congratulo-me.
    O nosso país está a viver uma nova era.
    É salutar, assim entedemos que alternância precisa-se para o bem das instituições. Desde loga agradecer o Manuel Dende, pelo trabalho feito. Muita força Senhor Pachire. Ajuda Vila da Madalena a ter um campo de Futebol e uma equipa federada!!!
    Espaço existe na zona de safu 3 pés, os moradores sabem aonde fica.
    Muita sorte.

    • N.C

      27 de Outubro de 2010 as 20:41

      quem deveria ajudar madalena a ter um campo de futebol,e aquele que diz ser filho e amigo da freguesia de madalena,que ao inves de faze-lo apoderou de um grande terreno e construio um monstrooso cercado que esta la ao sol e chuva

  8. jocy

    25 de Outubro de 2010 as 11:13

    So ti posso desejar muita força nesse novo desafia da tua vida…

    abraços

  9. Zemé

    25 de Outubro de 2010 as 11:50

    finalmente, os presidentes de club fizeram o que deveriam fazer a 8 anos atras, demostrando as suas verdadeiras paixao pelo futebol, muito bem, o senhor que gastou “o seu sague” no futebol pra casa de futebol; para mim isto ja seguinifica a paixao pelo futebol.
    forca, man Pachi, que tenhamos um campeonato regular neste pais.

    • Mudar, mudar, mudar!!!

      27 de Outubro de 2010 as 7:49

      Vamos dar parabens tb ao novo governo na pessoa do senhor Secretario de Estado da Joventude e Desporto, Dr. Abinildo d’Oliveira que muito tem influciado nesse processo de restruturacao da FSF.

      Fuiiiiiiiiiiii……….

  10. Macarofe

    25 de Outubro de 2010 as 12:04

    Com o triste 7 ( sete)campeonato durante 12 anos, ainda vê-se dirigentes de equipas votando neste indivíduo com cara de pau teve ousadia de candidatar. Chegou, chegou a hora de dizer: Adeus Dende, adeus Ricardino, adeus familia Chequé, adeus To Adão, adeus Celestino Andrade, e adeus a má Gestão. Dos 250.000 USD multiplicando por 12 anos=3 milhões de USD. Foram 7 campeonatos=1.750 Mil USD. Temos ainda por explicar diferença na ordem de USD.1.250 Mil. Onde estão esses dodós? Deve-se pedir explicações antes da nova comissão receber as pastas. POr favor man Pache, não assume qualquer despesa por pagar. O Dendé ja esta na lista dos mais ricos de S. Tomé. Ele deve assumir todas as dívidas e entregar na maior das hipóteses o saldo de 1.250. mil dólares.Até sempre;

  11. BLAGA PENA

    25 de Outubro de 2010 as 13:05

    Parabens, sr Tenente Coronel
    VIva o Desporto

  12. Matabala

    25 de Outubro de 2010 as 16:33

    Na realidade isso não foi nada mais que tirar um e colocar outro,
    Como não apareceu melhor…vamos ver o que faz este, é pena não termos onde buscar sangue novo e sem vícios…

  13. Digno de Respeito

    25 de Outubro de 2010 as 16:48

    Finalmente.

    Num dos anteriores comentários comentários da minha autoria, tive o cuidado de questionar a causa do IMPERATIVO do desenvolvimento desportivo (especialmente futebol) nacional. Aliás, prefiro sempre questionar que afirmar. Eis que chegou o momento de felicitar a dinâmica nacional. É preciso que desnvoltura, destresa, responsabilidade, vontade e solidariedade para avançarmos ao nivel internacional.

    Com a nomeação de PACHIRE, é motivo para recordarmos o Mario Moreno, Cardoso, Taty, Ratinho, Shalino, Arturinho Pinho, Esquerdinha e muitos outros RIBOQUINOS que deram o seu melhor pelo futebol nacional.
    Fica expresso as minha felicitações ao “Moçu Libôquê” para seguirmos em frente com boa equipa nacional “FALCÃO”……a (re)nascer

  14. oldayr silva

    25 de Outubro de 2010 as 18:02

    Obrigado……! Vamos ver se agora vamos ter aguém que só pensa mesmo em fotbol , falo isso porque conheço bem essa nova equipa que vai dirigir a nossa F.F.STP,foi jogador e participei nesses 7 campeonatos como atileta de Palmar, V.Riboque,Santana e Andorinha fc pra min isso nunca foi campeonato tudo era feito dentro da inormalidade em todos niveis , Arbitragem ,conselho de diciplina e sector logistico e admistrativo e centro de medicina, ha muito trabalho pra se fazer na F.F.STP mas dou meu voto a essa nova direção, primeiro passo a dar realização anual de campeonato com data estabelecida por rigor a serem cumpridas porque nao existe fotbol sem campeonato é de campeonato que fazem os jogador assim teremos clubs e talentos porque perdeu-se muitos talento nesse 12 anos muito mesmo a culpa é de clubs que tinham dirigentes que elegia a antiga direção.

    • nissley pedroso

      12 de Novembro de 2010 as 22:56

      finalment ,agua mole bate em pedra dura cm tmpo ela fura…essse dendê n vale nada ,foi canalha ,distruidor de futbol e de talentos santomenses…roubou mto ,arranjou milhares de mulheres cm base nesse cargo pq tnha sempre os tais 250mil USD por cmpeonato dado pela FIFA,,fez casas e mais e de mto qe tem provem de meu esforxo e de mtos q tantos jogavamos sem condixoes nenhuma…era td sem vida e alma realizava-se cmpeonato só p receberem o dnheiro da fifa e nada +,desorganizaxao total,pessoas sem condixoes e q nadam sabiam de gerencia e sobre futbol nessa federaxao,arbitros q nem vale apena falar,,.conxtruiram uma porcaria a q se xama de centro de estagio ,q parece casa de pombo sem condixoes e ainda mais algo q poderia ser descentralizado da capital e colado ao 12 de julho…campeonatos comexavam e n acabavam ,qem termina no primeiro n receb trofeu nem nada,n valorizam jogadores dando -lhes estimulos de mlhor marcador, jogador´ou +,selexao de familias e PRAIA CRUZ e n de STP, ´sao coisas q me marcaram por mto tempo n ftebol de terra.fuijogador de V.F.C.DE RIBOQUE desde as camadas baixas ate os meus 24anos e dpox fix uma epoca no andorinha apos uma lesao grave,,,sou de futebol qero um dia dinamizar issto ,pode passar tmpo + vou la estar de certeza mas pra ja parabenx ao paxire e obrigdo a tdx q nele votou e q pegue ao principio na formaxao p criarmos novos tatys,danys,tós adao,ukués,banas,jordaos,samantas,enfim de forma a exportar esses valores p portugal ,angola pq so assim cmexaremos a ser visualizados internacionalment ,pq ningem nox cnhece …..

  15. simao amaral tebus

    25 de Outubro de 2010 as 22:14

    Meus parabéns ao novo elenco Federativo; espero agora q dêem um pouco de atenção aos clubes da região autónoma do Príncipe, tendo em conta q o Presidente agora eleito é conhecedor dos valores existentes naquela região.

  16. Osama bin Laden

    26 de Outubro de 2010 as 12:58

    Manuel Dendê, deixou um legado de pobreza profunda a todos os níveis no nosso futebol e em instituições que o mesmo usurpou.
    Mais o mesmo Manuel Dendê que tinha entrado pobre na Federação hoje sai como uns dos homens mais rico do País. Quero saber uma coisa, aonde anda um procurador zinho chamado Roberto Raposo, este homem está a dormir neste tacho? Faça algo! Estamos cansado de senhor só ter capacidade para apanhar ladrão de galinha!!!!, Pega ladrão de boi um bocado também senhor Roberto!!!!… Credo, credo senhor!!!!…

    Desejo sorte ao novo Presidente da Federação e tenho certeza que pior que Manuel Dendê deixou não ficará.

    • Tony

      27 de Outubro de 2010 as 8:36

      Pois é meu irmão, o Robertinho anda adormir no tacho…, tamos fartos das suas “tagarelas”, o Sr foi nomeado para fiscalizar a legalidade, e representa nos Tribunais o interesse Publico e Sicial do Pais, e é também o Titular da Acção Penal. Será que alguém se lembra de algum caso do interesse do Estado que o Robertinho defendeu, demonstrando o seu verdadeiro papel… não se lembram pois não, porque envês de trabalhar anda a desfilar e desperdiçar os fracos recursos do Estado.

  17. J. Maria Cardoso

    26 de Outubro de 2010 as 20:32

    As dificuldades e os cenários por k passam o nosso país, seria algo de misterioso o futebol e o desporto de forma geral ficassem de fora da inércia.
    Os anos k marcam o governo de qualquer instituição, por si só, não devem justificar o fim de uma gestão. Vejamos o presidente federativo português. Há quantos anos? Possivelmente irá reeeecandidatar-se. Qual é o problema? Isso é Tuga.
    A avaliação deve consistir no k foi feito e no k podia ser feito com os meios disponíveis.
    Os comentários vindos ao baile dão nota negativa a gestão Dendê e pior k isso traz ao de cima os lugares que ocupam os nossos paises africanos no relatório vindo hoje ao público acerca da corrupção no Mundo.
    Enquanto mais alta individualidade do Estado Maior das nossas Forças Armadas, país de paz, não haverá colisão entre as duas missões dirigidas pelo nosso Pachire?
    Nós, os são-tomenses já nos habituamos a ser inéditos. Mais uma prova.
    O historial futebolístico do “El Comandante” retira qualquer desprestígio ao seu tempo de jogador e de treinador k se enriqueceu com a disciplina militar, por vezes em falta no meio civil.
    A eleição do novo Presidente só por si rejeita a velha presidência e leva os comentários a exigirem do Pachire muito mais do que o próprio país está em altura de oferecer aos são-tomenses.
    Seria bom baixarmos um pouco mais as expectativas ao novo Presidente da Federação Santomense de Futebol para não virmos a exigir o Estado Maior resultados k nada têm a ver com o Quartel de Mouro.
    Desejo ao novo Presidente Federativo os maiores êxitos para k, pouco ao pouco, o nosso lugar na região africana a par do nosso país elevar o nosso ego.

  18. N.C

    26 de Outubro de 2010 as 21:39

    Ja nao era sem tempo.Ate pensava que a federacao santomense era do sr dende.Como e possivel uma instituicao publica e estatal manter tantos anos com um lider que nada fazia?pergunto o que e feito da nossa seleccao?se entrava dinheiro da fifa,porque o pais nao participava nas competicoes internacionais e intercontinentais?o antigo presidente nao era culpado.Os sucessivos governos e ministros dos desportos e que foram culpados.E sempre bom caras nova,sangue fresco,mas mudar so por mudar nao adianta.esse cargo como qualquer outro exige 100% de disponibilidade e nao de partime.A nossa federecao,o nosso desporto principalmente o desporto rei precisa de muito investimento e de uma reforma profunda.Materia-prima nao falta.Recordo as boas iniciativas do grupo gibela em promover torneio distritais,juvenis e escolares.Atraves dessa iniciativa,faz-se a descorbertas de novos valores e craques.tenho a certeza com um lider forte,sabendo tirar partido dos nossos parceiros,especificamente com portugal e brasil chegaremos longe.Que a gestao do mam pachi,seja dura,educada,resapeitada e disciplinada como a do regime militar.bem haja

  19. Josefa

    27 de Outubro de 2010 as 11:04

    SOU DAQUELE QUE NÃO GOSTO DAR VIVA A NASCENÇA, PORQUE NÃO SABEMOS COMO QUE A SUA VIDA VAIR PERCORRER, NEM SE SABE, SE É UM DOIDO, UM LADRAO, UM DEFICIENTE, ENFIM.POR ISSO, VAMOS DAR TEMPO A PACHIRE. UMA COISA É DISCIPLINA MILITAR OUTRA É UMA ONg. FSF É UMA ASSOCIAÇÃO EM QUE OS MEMBROS GOZAM DE DIREITO IGUAL, SÃO LIVRES EM TUDO, PORTANTO, A GESTÃO É MAIS DIFICIL,COMO JÁ COMEÇOU,PACHIRE JÁ DEU O PRIMEIRO PASSO ERRADO, APRESENTOU UMA LISTA PARA ELEIÇÃO E AGORA TEM OUTRA LISTA VERDADEIRA……..

  20. Edson

    27 de Outubro de 2010 as 17:24

    Qualquer um seria melhor no lugar do senhor Manuel Dêndê! Isto porque desde que nasci que esta pessoa està a frente da FSF e não vi aonde o povo ou o futebol santomense beneficiou com este homem!

  21. jose manuel

    27 de Outubro de 2010 as 22:35

    parabens desporto stomense acho que a federaçao tem um bom lider fui colega de carteira do senhor IDALECIO PACHIRE no liceu e era um colega que admirava muito pelas qualidades que tinha como como colega como aluno amigo e compreencivo tive muita pena quando estive ai de féris em agosto nao o ter visto mas apesar de ja terem passado 35 anos é um colega que jamais esquecerei hoje ele no exercito ai e eu na policia em portugal mas do fundo do meu coraçao foi amigo e ajudou-me muito como colega em momentos dificis parabens um abraço desde os AÇORES

  22. Lubela e Auzé

    28 de Outubro de 2010 as 15:50

    Meus Senhores, por favor é necessario a mudança mas não é pra um Coronel, será que em Stp, não existe outro homem de futebol, será que o coronel não tem actividade no quartel de Stp,até quando Senhores apostam na camada mais Jovem, por outro já fizeram balanço do gasto da federação durande o mandato do és, espero que não vem dizer que há guerra em Porta Alegre o Senhor Coronel não teve desponibilidade de resolver problema de deslocação da selecção par exterior. fui

  23. caboverdiano

    29 de Outubro de 2010 as 23:56

    aquele que esta nos açores também ainda fala de stomé e dos colegas deve ser atrazadinho também para falar tao bém do militar que foi colega do liceu mais um atrazado e diz que é policia e fala de stomé

  24. Dany Aguiar

    30 de Outubro de 2010 as 9:42

    Pra mim é um regozijo em saber que Tenente-Coronel tenha ganho este grande lugar, e ainda tenho acrescentar que é a pessoa indicada para levar o nosso futebol para os quatro cantos do mundo. Mais uma vez parabéns Tenente -Coronel Pachire. Força

  25. A.jova

    31 de Outubro de 2010 as 22:23

    Nestas ocasião é que se faz relembrar o partido unico,eu me lembro que anteriormente que o pais estava organizado, falava-se de uma boa jogada em s.tomé e principe depois com noeação de DénDé como presidenet do fortbol esse desporto cai a nivel maximo,deste ou esta que que o pais vive de muitas parasita que faz a modalidade cair.dizem que o pais tem presidente de tribunal de conta, a onde q se encontra este sujeito ? sera que esta funçao exercida para colaborar com os mafioso.

  26. B. af

    1 de Novembro de 2010 as 18:58

    Pela primeira vez estou a ver stp a mudar, em alguns aspectos. Força Pachire tens tudo pr mudar o desport em stp….

  27. josé manuel

    4 de Novembro de 2010 as 20:37

    senhor caboverdiano eu nao tenho memoria curta por isso lembro-me sempre dos bons amigos que tive na minha terra natal embora esteje radicado nos açores mas tenho raizes em stomé tenho amor e respeito pela minha terra e pelos meus irmaos s.tomenses e tenhgo esperança que em breve estaram felizes .Estive na minha terra em julho e agosto apezar de algumas dificuldades que vi no rosto das pessoas mas em contrapartida a humildade e respeito o que talvez na sua terra nao se encontra estou nos açores tenho uma vida feliz mas o coraçao esta em stomé o que penso um dia voltar por isso peço que nos seus comentarios nao insulte-nos por favor

  28. Medeiros

    15 de Novembro de 2010 as 10:59

    nesse pais é sempre a mesma coisa só uma pessoa oucupa varios cargos .. srrrsrs isso é de meter nojo .

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo