Desporto

“Cruzando o Equador”- oportunidade para projectar STP na esfera internacional”

São Tomé e Príncipe volta a acolher, entre 18-23 de Julho, a emblemática prova da Ultramaratona, denominada Cruzando o Equador” (Hemisphere Crossing),vista pelo TizianoPisoni, membro da comissão organizadora, como uma grande oportunidade de projecção turística do país para o mundo

“Tendo em conta que uma das maiores limitações do desenvolvimento do turismo em STP é a falta de divulgação(…) este evento acaba por ser uma grande oportunidade para dar mais visibilidade ao país a nível internacional, pois o evento é publicado em todos os maiores sites específicos do sector e permite a muitas pessoas de descobrir este “Paraíso no centro do mundo”.

Neste sentido, Pisoni espera mais uma vez contar com o calor humano da população, por onde passarão os corredores, e das entidades governamentais, de modo a encontrar uma solução para ultrapassar o maior desafio da organização para presente edição, que prende com a realização dos testes COVID para muitos dos participantes que terão que deixar o país, 24 horas depois da prova.

A competição que será organizada pela GLOBAL Limites, em parceria com o Mucumbli Explore, reunira no arquipélago, aproximadamente, meia centena de participantes, entre os corredores e membros da organização.

Martins dos Santos

    Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo