Política

Pinto da Costa e o MLSTP em visita de Trabalho a Angola

Na qualidade de Presidente honorário do MLSTP, Manuel Pinto da Costa, antigo Presidente da República, acompanha a delegação do Partido MLSTP que durante 4 dias trabalha em Angola junto com o MPLA. Segundo a notícia veiculada pela Agência de notícias de Angola, a ANGOP, as delegações dos dois partidos reuniram-se na última quinta – feira.

Troca de experiências entre as duas forças políticas, é segundo a ANGOP, o principal objectivo dos 4 dias de trabalho do MLSTP e do MPLA em Luanda.

A Agência de Notícias de Angola, destacou as declarações de Pinto da Costa enquanto Presidente honorário do MLSTP, sobre o momento político actual que vive a República de Angola. «A Angola actual gira em torno de um espaço livre e aberto de opiniões», referiu Pinto da Costa.

Segundo a ANGOP, na entrevista o presidente honorário do MLSTP, recomendou os países africanos a sguirem o exemplo de Angola no tocante a passagem de testemunho.

Note-se que em Outubro de 2017, pouco tempo depois da mudança política em Angola, marcada pela eleição e tomada de posse do novo Presidente João Lourenço, Pinto da Costa foi recebido no Palácio Presidencial de Angola pelo novo Chefe de Estado João Lourenço. Tornando-se assim, na única personalidade são-tomense, que o novo Chefe de Estado angolano recebeu em Angola, desde a sua investidura até o dia de hoje.

Abel Veiga

    19 comentários

19 comentários

  1. badiu di stp

    10 de Agosto de 2018 as 15:01

    Es homi é “Manbu Rijo” é ka kualker ki ta prutxil.

    Forsa MLSTP vitoria ta ben ser di nós..

    • Seabra

      11 de Agosto de 2018 as 1:19

      Kê lá é dvera !
      Absolutamente, badiu de STP. Todos sabem que o Manuel Pinto da Costa, deixou sempre o seu povo se exprimir livremente…o povo está oprimido, com esta injustiça , este abuso de poder, este sistema totalitário, esta DITADURA gritante. STP está em REFÉM, pelo Patrice TROVOADA e a sua MAFIA ADI . É demais ! A situação política e fascista ultrapassa a do ESTADO NOVO Salazarista. A PIDE -DGS do PT é perverso, destruidor , anti -democrático, corrupto…enfim, está levando o país à ruína !
      Não se pode mais…STPtornou-se uma tornante de criminosos, lupens, assassinos que cometem atos irreparáveis sem serem julgados e condenados. Lembro que ainda estàmos à espera da resolução do BÁRBARO assassinato cometido há dois meses, ceifando a vida do economista sãotomense Jorge Pereira dos Santos.
      Esta justiça tarda a ser feita….mas será feita.

  2. Santos

    10 de Agosto de 2018 as 16:52

    Outra vez, esse camarada?
    Estamos bem lixados – quer ver que um dia desses ainda se candidata outra vez ao poleiro? Mas o homem já não tem idade para essas coisas, pois não?
    Que grande chatice….

  3. Nica

    10 de Agosto de 2018 as 16:53

    Esse tipo parece sombração. Foooogoooo

    • original

      11 de Agosto de 2018 as 9:05

      É pena que na vida o que é ruim para uns é saboroso para outros e vai ser assim para toda vida. Patrice é tão maldoso mas os lambe botas adoram-no.Comparar Pinto com Patrice, de olhos vedados muita gente consegue estabelecer a diferença.

      Verdade ou mentira?

  4. Madredeus.igreja

    11 de Agosto de 2018 as 0:25

    Em todos que lá passaram e o que lá está, esse é de longe o melhor.

    A sombracao é família TROVOADA

    Desde 1991 que andamos a sombrados, um inferno com fim a vista

  5. Sérgio

    11 de Agosto de 2018 as 7:23

    Não adianta.
    O MLSTP já não sabe ganhar as eleições, já não saberia governar. O mundo mudou e esse partido parou no tempo. Cada vez que faz uma intervenção, só faz críticas e não apresenta qualquer solução/alternativa para o país.

    Nada tenho contra o partido mas essa tem sido a realidade. Se quiser ser poder, tem que o mostrar de forma clara, apresentando propostas e participar no processo de construção.

    Já o ADI tem muitos infiltrados – falsos amigos, colados ao partido.

  6. Dama

    11 de Agosto de 2018 as 7:52

    Por favor, deixem o PT ficar só mais 4 aninhos. Vocês são mesmo maus. Custa alguma coisa fazer vontade ao homem?

  7. Carlos Cravid

    11 de Agosto de 2018 as 12:10

    Enfim…

    Acredito que de uma forma ou outra todos os dirigentes e antigos dirigente de STP tem uma divida como este humilde povo que precisa de muito pouco para estarem de bem a vida. Espero que todos tenham a oportunidade de paga-las, sob pena de deixar ódio para gerações futuras. Esta visita, se calhar, nesta altura, tem a ver com as possibilidades de atrair financiamentos para campanha de MLSTP. Que seja, mas que assumam compromissos que podem cumprir e não nos venha comprometer no futuro. Basta os compromissos e dívidas do passado que nada temos feito para os honrar.

  8. Zani

    11 de Agosto de 2018 as 12:33

    Tomara que os canditatos do Mlstp percam todos nas urnas pra aprenderem a ser politicos de verdade e não essa politiquice de quinta categoria que andam a fazer!

  9. Conobia

    11 de Agosto de 2018 as 20:41

    Foram a busca Dos cento e oitenta milhoes de dolares esquecidos pelo governo de Gabriel Costa. O grande problema e que o Gabi nao faz Parte da delegacao. Sera que que Gabi entregou o codigo do cofre ao Pinto? Como vai o Pinto retirar os ento e oitenta milhoes? Ainda resta algum petroleo conjunto Guine Equatorial/ STP para garantia dos cento e oitenta milhoes? Essas eleicoes obrigam-nos a uma baixeza de to do tamanho. Simplesmente PEDINTES.

  10. Seabra

    12 de Agosto de 2018 as 12:18

    Gabriel Arcanjo Ferreira da Costa, Trop de magouille!

  11. Rafael

    12 de Agosto de 2018 as 17:02

    O Gabriel é o homem que precisamos agora.

    Acredito no Gabriel para primeiro ministro.

  12. Paulo

    12 de Agosto de 2018 as 17:04

    Parabéns MLSTP

    Viva o Gabriel Costa

  13. Rapaz de reboque

    13 de Agosto de 2018 as 20:43

    Este senhor também fez das dele nao foi santo nenhum para o povo mas foi melhor que o demónio que se agarrou ao poder. Analizando bem os anos da governação do MLSTP ouve muita falha e muitos gatunos mas estavamos um pouco melhor

  14. ESTEFÂNIA

    14 de Agosto de 2018 as 13:16

    Segundo a ANGOP, na entrevista o presidente honorário do MLSTP, recomendou os países africanos a sguirem o exemplo de Angola no tocante a passagem de testemunho. desde quando angola tem bons exemplos para áfrica? é uma pena que um país Angola democrático e pequeno como SÃO Tomé antes de Angola e sempre recebeu oferta nunca investiu para bem estar das pessoas.veio adquerir experiência de Angola?
    São Tomé não precisa de experiência outros mas sim de investimentos para trair os cidadãos fora , não basta receber ofertas e gastar nos desvios pessoais. quando ouví o presidente do MLSTP na televisão pública de Angola disse ” viemos beber da experiência do MPLA para governar São Tomé.” isso tem nome e chama-se bajulação, recebe dinheiro paga boca de urna para ganhar eleições porque o povo é bébado e analfabeto político. os que nunca conheceram desenvolvimento e bem estar social. peço ao todo partido político que pensem no futuro dos povos e das ilhas, porque todos os nossos filhos ou netos vão pagar. o valor desviados pelos governantes não enriquecem toda a sua geração.

  15. Seabra

    15 de Agosto de 2018 as 12:46

    MLSTP e seus lideres foram a Angola pra pedirem dinheiro pra campanha!
    Essa é a verdades nua e crua de um partido que vive de mãos estendidas!
    Depois o povo é quem paga as contas.
    Afinal ninguém dá dinheiro de graça! Nem papai Noel!

    • Zani

      19 de Agosto de 2018 as 17:55

      Chupa mais essa Sr. seabrinha:

      Fundo Monetário Internacional, FMI, deu nota positiva ao governo de Trovoada pelo “bom” desempenho da política macroeconómica.

    • MIGBAI

      21 de Agosto de 2018 as 7:00

      Disseste uma grande verdade Seabra mas que todos já sabemos ha muitos anos. O velho continua a querer o poder a todo o preço em STP. Porque é que ele não gasta um pouco dos milhões que tem no banco em Gabão e em Angola?

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo