Política

Diplomacia de STP conquista o posto de Director Geral da CPLP

Embaixador Armindo de Brito Fernandes, é o novo Director Geral da CPLP. Cargo conquistado através de um concurso de grande competitividade no seio dos países de língua portuguesa. Acompanhe tudo na nota distribuída a imprensa pela CPLP:

A Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) lançou um concurso com vista ao recrutamento de um novo Diretor-Geral da Organização. Lançaram-se à disputa do referido cargo 132 candidatos do universo da CPLP, destacando-se 3 de São Tomé e Príncipe. Foi efetuada uma primeira avaliação de que resultou uma short list representativa dos países membros, composta de 10 candidatos, como se indica.

Angola – 1candidato; Brasil -1candidato; Cabo Verde -1candidato;
Portugal/Cabo Verde (dupla-nacionalidade) – 2 candidatos; Guiné Bissau -1 candidato; Moçambique -1candidato; Portugal -2 candidatos; São Tomé e Príncipe -1candidato.

A fase seguinte consistiu na realização de entrevistas com os 10 candidatos, via Skype, perante o corpo de jurados constituído pelos Embaixadores dos países membros da CPLP e o Secretario Executivo. A partir daí, o júri selecionou os dois candidatos melhor classificados, designadamente o são-tomense Embaixador Armindo de Brito Fernandes e um quadro moçambicano para a fase final a qual se traduziu em entrevistas presenciais. Do confronto entre estes dois últimos candidatos sagrou vencedor o diplomata são-tomense que deverá ocupar o cargo de Secretário-Geral da CPLP no próximo mês de fevereiro, por um período de 3 anos.

Tratou-se de um ganho da Diplomacia São-tomense, pois o País passou a estar representado a um nível de destaque no seio da Organização da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa. Louva-se, nessa conquista, o mérito do candidato nacional e, também, o papel do MNECC de São Tomé e Príncipe e o da Embaixada acreditada em Lisboa

Segue o Curriculum Vitae do novo Diretor-Geral da (CPLP) :

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

    4 comentários

4 comentários

  1. PUMBU

    13 de Janeiro de 2020 as 15:53

    Pergunto, em que lingua estudou em KIEV (em portugues? ingles ou em frances)?

  2. Observador Atento

    14 de Janeiro de 2020 as 2:55

    Parabens colega e amigo! Atraves de ti temos orgulho de ser saotomenses! Fazes parte de homens brilhantes de stp tal como o teu proprio mano Manuel Vaz, Sao Deus Lima e outros. Aquele abraco

  3. Gilberto

    14 de Janeiro de 2020 as 7:52

    Pelas informacoes apresentadas nao vejo qual foi o papel da diplomacia santomense. Se tal fosse possivel teriam preferido um candidato politico. Basta olharmos para as chefias das nossas missoes diplomaticas para contarmos quantos Embaixadores de carreira estao la. Vamos ser serios, o candidato ganhou o concurso por merito proprio e ponto final.

  4. SEMPRE AMIGO

    14 de Janeiro de 2020 as 23:08

    Felicitações!É uma conquista merecida que honra a REPÚBLICA.Pelo seu currículo só esperamos de SI um excelente trabalho.OBRIGADO

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo