Política

CORRUPÇÃO “entre o discurso e o combate”

MANIFESTO SOCIAL Nº 09/2022

CORRUPÇÃO “entre o discurso e o combate”

A corrupção é um problema de governação e gestão pública, que pode ocorrer a todos os níveis da organização e governação do Estado, quer no âmbito de processos da governação política, quer no âmbito de processos da gestão de organização e funcionamento das estruturas de serviços da Administração Pública.

O Observatório Transparência STP, no cumprimento da sua missão, através da elaboração e publicação dos seus Manifestos Sociais e denuncias de casos, envolvendo invariavelmente destacadas figuras da vida social, política e económica de São Tomé e Príncipe, tem procurado imprimir uma nova dinâmica contra a corrupção, capaz de influenciar positivamente os diferentes atores e decisores públicos para uma gestão mais transparente e efetiva dos recursos públicos.

O Manifesto Social que se apresenta procura ser um contributo para a sinalização de alguns dos que parecem ser os principais elementos que caracterizam a corrupção no país, desde os contextos da sua ocorrência, passando pelos fatores que o explicam, a dimensão que dele se conhece, bem como o quadro de medidas existentes para o seu controlo e prevenção e ainda os custos que se sabem que lhes estão potencialmente associados.

O Observatório Transparência STP reitera que o seu papel enquanto iniciativa da sociedade civil, é o de questionar, alertar e contribuir para a defesa da legalidade, dos direitos fundamentais dos cidadãos, da transparência e melhor comunicação por parte dos decisores públicos, cabendo a estes, no âmbito das suas responsabilidades e funções, tomar as decisões com vista a salvaguardar o interesse público, no estrito cumprimento das leis em vigor e das regras da democracia que fundamentam o estado.

São Tomé e Príncipe, 4 de abril de 2022.

Observatório Transparência STP + transparência > efetividade

4 Comments

4 Comments

  1. Andorinha

    4 de Abril de 2022 at 15:15

    O governo da nova maioria encabeçada pelo Jorge bom Jesus vieram oficializar e normalizar a corrupção e a gatunagem,e Jorge bom Jesus disse no congresso do MLSTP que ele governou para mudar a vida dos camaradas por isso Jorge bom Jesus fechou os olhos a desvios de contentores de medicamentos fechou os olhos a relatórios do tribunal de contas para os camaradas melhorar suas vidas.
    E o Jorge bom Jesus prepara para recandidatar para continuar a melhorar a vida dos camaradas deichando o povo na miséria e entregue a suas sorte.

  2. Fuba cu bixo

    4 de Abril de 2022 at 15:53

    Ingratidão doi Ingratidão doi e faz mal.

  3. Vexado

    5 de Abril de 2022 at 1:27

    Esse manifesto está todo travestido. Outrora, havia no YouTube tvstp com Abílio Neto para desferir ódio aos partidos Mlstp, PCD e mdfm.

    Hoje é este espetáculo que se vive através de um senhor que não investe no país, não pretende regressar e quer extorquir dinheiro ao erário público para pagar as suas contas em Portugal.

    Pergunto, quando irá o observatório fazer um manifesto sobre a possível candidatura do Patrice trovoada nesta eleições legislativas e os actos de corrupção perpetrado pelo partido ADI no anterior Governo.

    Brincadeira tem hora e ganham juízo

  4. Zé araujo

    5 de Abril de 2022 at 8:10

    Escolham um bom procurador geral da República, um bom presidente do tribunal de supremo tribunal de justiça e bom presidente do tribunal de contas com um primeiro ministro determinado que tudo muda neste país.
    Agora assim com as instituições e seus responsáveis a fazerem de contas a corrupção está apenas a subir e a população cada vez mais pobre.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

To Top