Sociedade

Escritório de advogados que defende a maior parte dos membros do partido FDC garante que o estado vai ter que indemnizar os inocentes

levy.jpgLevy Nazaré um dos advogados do escritório que defende 25 dos 29 membros do partido FDC detidos no âmbito do processo de alegada tentativa de golpe de estado, está satisfeito pelo facto do juiz do processo ter declarado 11 pessoas detidas desde Fevereiro passado como inocentes. Segundo o advogado é uma certeza que o grupo de advogados já tinha desde a detenção e que agora foi confirmada pelo juiz. A culpa não pode morrer solteira, por isso o estado são-tomense que mandou prender os inocentes, deverão ser responsabilizado. Segundo o advogado, a seu tempo, o estado são-tomense vai ser processado. «Sempre defendemos que muitas das pessoas que estavam presas preventivamente não tinham nada a ver nem com as acusações nem com o Falcon Group onde tinham começado a trabalhar 1 ou 2 meses», afirmou.

Certo porém é que muitos foram presos preventivamente durante 6 meses. O juiz mandou 11 para liberdade e em paz, porque são inocentes. «Agora vem-se comprovar no despacho que de facto eles não têm nada a ver com isso. Obviamente haverá responsabilidade por parte do estado por esse tempo que ficaram lá, uma vez que não tinham nada a ver com o caso», frisou.

11 Cidadãos inocentes, que durante 6 meses estiveram privados de liberdade, deixando a família em maus lençóis, sem sustento. Tudo indica que muito dinheiro poderá sair dos cofres do estado para pagar uma dívida pesada.

Abel Veiga

Recentemente

Topo