Sociedade

Petrolíferas oferecem toneladas de material para STP combater Covid-19

Comunicado de Imprensa

Parceiros do Bloco 12 da ZEE fazem donativo para combate ao COVID-19, como resposta ao apelo do Governo para a implementação do Plano de Contingência Nacional

A Agência Nacional do Petróleo de São Tomé e Príncipe (ANP-STP), em conjunto com a empresa Galp e a Equator Exploration, vai oferecer contentores com aproximadamente 23 toneladas de material de desinfeção ao Governo, através do Ministério da Saúde, como contribuição para o combate à COVID-19 no nosso país.

Trata-se de dois contentores provenientes de Portugal em resposta ao apelo lançado pelo Governo são-tomense para reforçar o Plano de Contingência Nacional contra a pandemia do novo coronavírus (COVID-19). Esta ação enquadra-se no âmbito dos compromissos de responsabilidade social das empresas para o Bloco 12 da Zona Económica Exclusiva (ZEE) de São Tomé e Príncipe.

Os materiais incluem 936 embalagens de lixívia de 5 litros, 17 tanques de lixívia de 1000 kg e 700 barras de sabão azul.

A entrega será formalizada pela ANP-STP no dia 30 de Abril, no porto de São Tomé, na presença do Ministro da Saúde. Com esta ação pretende-se reforçar os meios de prevenção para evitar a propagação da doença.

Enquanto Entidade Reguladora do setor petrolífero, a ANP-STP regozija-se com a entrega destes produtos que representa uma valiosa contribuição, que se tornou possível graças ao prestimoso serviço prestado pela equipa da Galp.

A ANP-STP continua a estudar outras formas de colaboração com as empresas petrolíferas para reforçar as ações do Governo com vista a mitigar a propagação do COVID-19.

São Tomé, 28 de Abril de 2020.

Veja o comunicado em formato PDF – Comunicado de Imprensa Bloco 12 COVID 19

    5 comentários

5 comentários

  1. Vanplega

    30 de Abril de 2020 as 7:19

    E preciso a Policia Judiciaria (PJ) entrar em accao.

    Os materiais para tratamentos do virus covid-19, esta sendo vendido no mercado negro. E materiais doados meus senhores.

    A PJ, so prende ladrao de galinhas? Esta policia, e para investigar seja ele quem for, sem ver cor ou raca.

    Sao Tome e Principe, nao tem jornalista de investigacao?

    Se tem o que e feito deles? Estao sonegados, nao fazem o trabalho ou dormem a sombra de bananeiras.

    Trabalhem, investigam, tenhem coragem, o pais pagou pela vossas formacoes,e em troca o que dao ao pais?

    Nao fazem o trabalho, porque estudaram jornalismo?

  2. Maria Alberta

    30 de Abril de 2020 as 8:20

    Para quando o Governo vai–se interessar por ajudas que na realidade podem ter um impacto mais expressivo na vida da população.
    Porquê não optar por ajudas que podem trazer equipamentos apropriados para fazerem testes mais credíveis, isto é a montagem de um laboratório clínico, ou reforço da capacidade dos laboratórios existentes que permitem fazer centenas de testes diários.
    Porquê não aproveitar esta pandemia para que ajudas que estão a vir dos diferentes parceiros internacionais, nomeadamente, Fundo Monetário Internacional, Banco Mundial, Parceiros petrolíferos, OMS, FAO, PNUD, parceiros bilaterais, etc. para melhorar as condições de saúde no país, nas diferentes áreas que conhecemos que não estão capacitados para lidar com o público. Análises laboratoriais, o Governo de ADI tinha construído fábricas de oxigénio que hoje parece deixou de funcionar, porquê não reforçar esta capacidade, temos edifícios no hospital que foram construídos desde o inicio que os colonos entraram no país e porquê não utilizarmos parte desta verba para ampliarmos ou reconstruirmos os mesmos até que se possa vir a construir um verdadeiro hospital como aquele que o governo anterior tinha projetado etc. etc..
    Em vez disso estão a pedir sabão azul. Quando já temos fábricas no país a produzirem sabão azul. Talvez seria até mais fácil trazer os produtos para que as fábricas nacionais pudessem produzir aqui o sabão azul, ddo que esta a carregar sabão azul de europa para S.Tomé.
    Meus senhores. Vamos aproveitar para fazer coisas sérias e não estarmos sempre e sempre com mesquinhas.
    Basta de pobreza e sobretudo de pobreza de mentalidade
    Bem haja STP
    MA

  3. Crisotemos Café

    30 de Abril de 2020 as 8:29

    Muito bem, mas também precisamos de pelo menos um veiculo adaptado para pulverizar as ruas (aerossol) e testes rápidos para testar pelo menos 150000 indivíduos.

  4. Prof. Doutor Convetavirus

    30 de Abril de 2020 as 12:13

    Muito bom….e numa altura em que é preciso pagar para produzir e distribuir petróleo o governo deveria ponderar em reduzir os salários dos funcionários desta agência, porque só daqui a uns 10 anos é que STP pode sonhar em tirar algum dividendo do petróleo. Há um aumento crescente com as alterações climáticas e a procura de fontes energéticas mais amigas do ambiente é a aposta para o futuro.

    Por isso deixo dois conselhos: Bamu ximia e vamos apostar em energias renováveis, especialmente, na biomassa, coisa que temos a mais

  5. Coronavirus

    30 de Abril de 2020 as 20:57

    Ao ler a palavra petróleo, da a intender riqueza, e a melhor riqueza é construir habitações para aqueles que mais necessitam, e investir nas habitações também necessita investir nas areas para assim os mesmos terem trabalho e pagar a renda e as suas dividas estipulado por o governo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo