Livro ” Soyas de Sun Tataluga”

Foi realizado, em 5 de setembro, o lançamento do livro “Soyas de Sun Tataluga – Histórias que me contaram em São Tomé e Príncipe”, de autoria de escritor brasileiro Rogério Andrade Barbosa, no estande da editora FTD, durante a XVII Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro.

O livro, em destaque, é fruto da recolha de histórias santomenses feitas por Rogério Andrade Barbosa, em 2013, ao longo de sua visita ao país, a convite do Centro Cultural Brasil-São Tomé e Príncipe, promovendo sessões de contação de histórias em diversas escolas básicas do país.

Descrição: 
Ao longo das narrativas, conhecemos um pouco da fauna e dos costumes de São Tomé e Príncipe. Quem não tem pena fica no chão traz uma versão local da história Festa no céu, que explica por que as tartarugas têm o casco rachado. Em Quem tudo quer tudo perde, Sun Tataluga chegava em casa sempre carregado de peixes para a refeição e só deixava a esposa comer os peixes que ela conhecia pelo nome. Até que a senhora Tartaruga teve uma ideia para reverter essa situação. E em O adivinhador de sonhos, Sun Tataluga, que se gabava de adivinhar todo tipo de sonho, um dia é desafiado por um homem que lhe oferece uma grande recompensa se acertar o que ele sonhou.

 

Ficha Técnica:

Soyas de Sun Tataluga

Cód FTD: 13389980

Disciplina: Literatura
Nível: Ensino Fundamental
A partir de: 3º ano
Temas abordados: Animais, Cultura africana, Folclore, Lendas, Valores
Temas transversais: Ética, Meio ambiente, Pluralidade cultural
Gênero Literário: Contos
ISBN: 97885200000984
Páginas: 40
Ano de produção: 2015
FTD Educação

Autor: Rogério Andrade Barbosa
Ilustrador: Taisa Borges

 

Notícias relacionadas

  1. img
    T.A. Responder

    SUN Tataluguaa a ajar além-fronteiras…a edição vai estar disponível em STP?

  2. img
    Rogério Andrade Barbosa Responder

    Fiquei contente com a divulgação de meu livro em terras santomenses.

  3. img
    Rogerio Andrade Barbosa Responder

    Agradeço a divulgação de meu livro em terras santomenses.

Deixe um comentario

*