Desporto

Asf está fora da Taça Gothia

Academia Santomense de Futebol, ASF, que iria representar São Tomé e Príncipe, STP, de 13-19 de Julho, na Taça Gothia, viu o seu sonho cair por terra, devido a falta de visto, revelou Edson Bragança, um dos responsáveis da academia, desabafando na rede social facebook.

Hoje tive a maior desilusão da minha vida desportiva, vendo pessoas que não fazem nada pelo desporto do meu país, a não valorizar o esforço de um grupo de pessoas, que do nada conseguiram erguer um império de sonhos, que esse grupo de pessoas não deixou concretizar, falo concretamente do Torneio Internacional denominado GOTHIA 2015, de que a Academia Santomense de Futebol do Professor Gustavo Clemente não pode tomar parte, só devido o visto de entrada no espaço europeu, que os nossos dirigentes não conseguiram concretizar, para que os miúdos pudessem realizar um sonho.

Mas isso não foi possível, porque a Federação Santomense de Futebol, o Ministério da Juventude e Desporto e o Ministério dos Negócios Estrageiros, assim não o quiseram, depois dizem que temos que ser patriota e juntar as mãos para que esse país cresça”

Quanto ao estado emocional dos atletas, Téla Nón teve conhecimento que, é arrasador, porque os mesmos viram abortar o seu sonho, bem antes de começar.

É uma desilusão total. Não temos palavras para descrever o estado de espirito dos miúdos. Estamos tentar ao máximo consolar os miúdos, porque se não for assim, vamos perder uma geração de ouro do nosso futebol.

Sabe-se que, ASF tinha a sua estreia marcada para esta segunda-feira, 13, diante da Suécia, país anfitrião.

Gil Vaz

    5 comentários

5 comentários

  1. Chalino

    14 de Julho de 2015 as 8:50

    Que barbaridade. nem de incompetência podemos apelidar esse erro.

  2. Flimá

    14 de Julho de 2015 as 10:10

    Má fé desses nossos governantes. Aquele arrogante de Ministro da Juventude passa mais tempo viajando do que qualquer outra coisa, adquiriu carro novo sem necessidade aparente, quando podia muito bem utilizar o carro deixado pelo anterior Ministro Cotú, vive de aparência, pois fez gastos desnecessários para exibir para o ministro da juventude de angola quando esteve em stp.
    O ministro da juventude não é patriota porque não se sente santomense, por isso não se interessou pela participação dos jovens no torneio Internacional GOTHIA 2015.
    Alguém já parou para pensar no estado psicológico desse jovens e do próprio treinador.
    Marcelino Sanches devia pedir demissão ou ser demitido por esse grave erro.

  3. Mister Gustavo

    14 de Julho de 2015 as 16:31

    Olha, evitemos de culpar ins aos outros. É verdade que a viagem não se concretizou por falta de Vistos Schengen. Mas acima de tudo, houve uma falta de coordenação e acompanhamento das entidades desportivas nacionais em relação ao processo de preparação da equipa desde Fevereiro de 2015 até a data prevista da viagem no dia 11 de Julho de 2015. O não conseguir vistos não tem nada a ver nem com os Ministérios da Juventude e Desportos e Negócio Estrangeiro, nem com a Embaixada de Portugal. Durante a preparação, ninguém nos visitou nem procurou saber o que necessitávamos. É a partir daqui que devemos encontrar os culpados.

  4. Isaldo Pontes

    15 de Julho de 2015 as 11:56

    Isso também não é nenhum fim do mundo haverá próxima vez, também grande coisas não Irião fazer, mais sim serem sacos de pancadas das outras escola de futebol, somo pernas de paus… e depois ficarem por lá como de outras vezes tudo isso conta …. fui

  5. budo -budo

    20 de Julho de 2015 as 15:02

    Pra mim muito estranho ate porque chalino gosta muito de futebol e sempre gosta de organizar estas coisas .Caro compatriota deixa -la de lado esta coisa de inveja ele sempre foi bangao

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo