Política

7 partidos políticos concorrem às eleições legislativas de 7 de Outubro

7 forças políticas concorrem às eleições legislativas de 7 de Outubro próximo. O Tribunal Constitucional de São Tomé e Príncipe realizou no último fim-de-semana o sorteio de

A coligação PCD-MDFM-UDD ficou no primeiro quadradinho.  O partido ADI no segundo, e o MLSTP no terceiro.  No quarto quadradinho, está o novo partido político designado Movimento Cidadão Independente de STP.

O Movimento Social Democrata – Partido Verde , ocupa o quinto quadradinho, segue-se o partido Força do povo, e no sétimo e último quadradinho o Partido de Todos os são-tomenses.

A ordem dos partidos no boletim de voto para as eleições legislativas resultou do sorteio efectuado pelo Tribunal da Primeira Instância para as eleições autárquicas e regionais. Isso mesmo confirmou o Juiz Presidente do Tribunal Constitucional José Bandeira. A sessão que decorreu na sala do Tribunal Constitucional acabou por ser a confirmação da ordem estabelecida a quando do sorteio para as eleições autárquicas realizado no Tribunal da Primeira Instância.

Assim nos boletins de voto para as eleições legislativas e para as eleições autárquicas na ilha de São Tomé os partidos políticos estarão ordenados da mesma forma.

No que concerne as eleições regionais na ilha do Príncipe, apenas existem 3 forças políticas concorrentes. O Movimento Verde para o Desenvolvimento do Príncipe, está no primeiro quadradinho, segue-se a União para Mudança e Progresso do Príncipe de José Cassandra, e no terceiro quadradinho o MLSTP / PSD.

Abel Veiga

    10 comentários

10 comentários

  1. Cravid do Faice

    10 de Setembro de 2018 as 13:03

    A ADI não concorre no Príncipe?

    • ONDE MESMO?

      10 de Setembro de 2018 as 14:43

      Não, como sabe que vai perder decidiu apoiar o outro ditador do Príncipe. Valores entendidos.

  2. Zacarias torres

    10 de Setembro de 2018 as 21:40

    Na verdade acho que so vao concorrer o mlstp, a coligacao mdfm/pcd/udd e o adi. Todo o resto e so palhativo para colorir a festa. Alias ha informacoes de wue alguem teria recebifo algumas patacas de um coitado em Poryugal para vir fundar em stp um partido politico. Uma vergonha das grandes.

  3. Seabra

    10 de Setembro de 2018 as 21:51

    O ToZé CASSANDRA ? Família de CAMBALACHEIROS, que se tomam por gente honesta….e muito metida!
    Tentaram usurpar a minha identidade, essa frateria e parentes Cassandra, porque perguntem ( conhecendo a resposta),ao tal Adelino C.que publica artigos no téla nón, porque razão é que ele mudou de campo. Porquê a ruptura com o PT-ADI ? Pois que ele era do partido ADI e próximo do PT. Creio que ele não apreciou de eu ter refrescado à memôria do sãotomenses sobre eles, então pôs -se a se vingar de mim , usurpou o meu nome SEABRA para descarregar o seu ódio. …um deles veio defender o ex PM Gabriel da Costa, sobre a denúncia que fiz deste ùltimo ( Gabriel ). Enfim…cá se faz, cà se paga. A ver vamos!!!!

  4. António cunha dos santos

    11 de Setembro de 2018 as 7:59

    Triste muito triste. Nós não precisamos destas crianças que vieram de cabo Verde e Portugal para virem partilhar conosco o processo de organização e realização de eleições.
    Sempre fizemos as nossas eleições em grande, claro com ajuda financeira sobretudo de outros(PNUD e paises amigos). Dominamos bem o processo, mas infelizmente o ADI, arrasou com tudo isto. ao ponto de este incompetente do Presidente da Comissão Eleitoral vir nos trazer estas coisas.
    Que Deus nos acuda

  5. Paulo Jorge dos Reis

    11 de Setembro de 2018 as 8:08

    Ontem, dia 11 de Setembro, vi na televisão aquando do telejornal das 20:00 horas, o senhor Primiro Ministro, na qualidade de Lider do ADI, a promover o tempo de Antena do ADI, e pensava eu que as campanhas já se iniciaram. Isto é um absurdo. Utilizando o tempo de antena fora do quadro normal, esquecendo-se que ele é primeiro Ministro de STP, a provocar o MLSTP-PSD, tempo de antena este, cuja a manchete eram “Continua a debandada no seio do MLSTP-PSD”, alegando que figuras de proa deste ultimo, e que não vi nenhuma estão a ir para o ADI, sobretudo em Mê-Zochi.

    Assim sendo, julgo eu que o MLSTP, deva ter o direito de antena para responder ao ADI e o seu lider no mesmo tempo, se bem que o ADI decapitou o órgão que devia zelar por isto”O conselho Superior de Impressa” , desde que ordenou dar a oposição tempo de antena em resposta a uma acusação infundada do ADI.

  6. João Marçal

    11 de Setembro de 2018 as 8:45

    Entre os ditos sete, creio que a tal coligação MDFM-PCD e UDD poderá levar a melhor. Pelo menos esta é a apreciação que se tem aqui no seio dos varios grupos de santomenses em inglaterra.
    Na verdade é uma coligação que no passado ja deu provas de alguma maturidade, seriedade e sentido de estado.
    Todavia, não se deve tirar a grande experiência do mlstp com quadros muito experientes, excepto aqueles que muito recentemente foram considerados vende-partidos à outrem.

  7. Eduardo PACHECO

    11 de Setembro de 2018 as 12:21

    Os militantes da JOTA podem responder…Afonso da Graça Varela, Gabriel da Costa, Rafael B., J. Barros etc.
    Em que partido se encontram os camaradas da JOTA MLSTP?

  8. SAMPONHA

    11 de Setembro de 2018 as 15:21

    O líder do ADI não tem argumentos para decapitar o Grande Partido que é o MLSTP/PSD, porque o MLSTP/PSD não anda atrás dos militantes do ADI, prometendo fundos, comprando consciência dos militantes do MLSTP/PSD com soma avultada em dinheiro e bens materiais para votarem no ADI e fazerem campanha contra o MLSTP/PSD, esquecendo ele que os verdadeiros militantes do MLSTP/PSD têm carácter,profissionalismo,patriotismo e não se deixam se corromper tão fàcilmente. Os militantes do MLSTP/PSD, pensam no Futuro.Numa altura que o País tem graves problemas com desemprego o Partido ADI tenta corromper a classe sobretudo com a vinda de 200 motas para os jovens levando-os mais cedo para à morte. Pergunto eu, se ao longo dos 4 anos com todos os órgãos de Soberania entregue a uma só classe política dirigida pelo senhor Primeiro Ministro não se conseguiu resolver 70% dos reais problemas que afectam a Sociedade Santomense, como querem nos enganar de novo. O Partido MLSTP/PSD tem recebido militantes vindos do ADI, mas não é o seu estilo vir à Praça Pública fazer a sua divulgação.O MLSTP/PSD, é um Partido com sentido de Estado.

  9. Paga Ngunu

    12 de Setembro de 2018 as 14:40

    Nao há hipotese, o ADI não vai ganhar essas eleições. Afinal os seus desertores já estão a tornar publico as estratégias montadas em 2014 e que deram a dita maioria absoluta ao ADI. Mas “de vê-çê, mato ca bi ni pano”.
    Aliás a clara perseguição do ADI a coligação PCD/MDFM é uma demonstração clara da fraqueza do ADI em detrimento das forças de mudança que, elas proprias, ajudaram a fazer o ADI a ser o que é hoje. ADI enquanto membro de Wê-Kedadji, nunca deu nada.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo