Economia

EMAE vai intensificar o corte de energia eléctrica em todo o território nacional

Numa altura em que a EMAE, produz cerca de 7 megawatts, quando o país precisa de 20, a empresa veio anunciar que a partir desta sexta feira 30 de Novembro, os cortes no fornecimento de energia serão aprofundados.

A Direcção da EMAE justificou mais esta redução da produção e o consequente reforço dos cortes no fornecimento de energia, com o facto do seu stock de combustíveis, ou seja, do gasóleo, estar à beira da rotura.

Tudo por causa das barricadas que isolaram a cidade de Neves, onde se localiza o reservatório nacional de combustíveis.

Os camiões cisterna que transportam gasóleo para abastecer a EMAE, estão retidos em Neves.

Abel Veiga

    7 comentários

7 comentários

  1. MadreDeus.igreja

    29 de Novembro de 2018 as 22:42

    A culpa disto é do presidente da República. Que já devia ter nomeado o governo.
    Por amor de deus, a eleição foi dia 7/10
    Se fosse a contrário, já teria o presidente nomeado o PT, faz tempo

    A culpa é tua Evaristo Carvalho

  2. Maria de Fátima Santos

    30 de Novembro de 2018 as 5:12

    A situação já difícil se tornando péssima. Já é hora dos irmãos do Norte levantarem as barricadas. A mensagem já foi dada. Chega. Depois da Emae vêm os bancos, hospitais, comércio, escolas, vsi parar tudo. Que o estado apareça e wue se levantem as barricadas

  3. cr7

    30 de Novembro de 2018 as 9:01

    CULPA DE ISTO TODO É DE SENHOR PATRICE, FUGIU, UM PARTIDO GANHA ELEIÇOES, SO POR NAO TER MAIORIA PARLAMENTAR O CHEFE DO PARTIDO ABANDONA, PAIS, ANTES DE TERMINAR SEU MANDATO, E ABANDONA SEU PARTIDO, KEM É ESTE HOMEM, SO PODE SER O MAIOR DESGR, QUE JA TIVEMOS, POVO BILI WUE, LEVY ÉE BO FICA TAM, ABINILDO É BO SCA BA CAJA O, POVO É SE MANCE SÉ BI TELA NON CA COLE CUE OOO

  4. luisó

    30 de Novembro de 2018 as 10:28

    País está á deriva e sem controlo.
    Sem futuro……

  5. MIGBAI

    30 de Novembro de 2018 as 14:33

    Chegou a anarquia que eu um dia destes falei.
    Viva a anarquia.
    Estamos no princípio do fim da ditadura imposta pelo pinto da Costa e continuada pelo Pt/adi.
    Que gozo vou ter em ver estas ilhas irem ao fundo pois o povo cansou de sofrer.
    Abaixo todos os políticos de trampa que temos que aturar.
    Saíram os outros entram estes caso para dizer “Mudam as moscas mas a merda é a mesma”.
    Revoltem-se meu povo . Viva a nossa dignidade como ser humanos que somos.

  6. Van-Wayder

    4 de Dezembro de 2018 as 12:21

    Eu achei muito determinante o ki a população de Neves fez.. pelo menos uma vez na historia alguem vira contra o governo. para os ensinar que os pobres e ricos todos sentem dores, fome, necessidade e dificuldade… que isso repita mais vezes quando precisar..

  7. Pascoal Moreno

    7 de Dezembro de 2018 as 13:57

    Não, só na ilha de S. Tomé. Espero mais rápido possível resolver o problema.Ok.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo