Política

 Coligação quer devolver a liberdade ao povo e resgatar a democracia ameaçada pelo regime de Patrice

A coligação PCD-MDFM-UDD, que viu a sua candidatura às eleições legislativas e locais, ameaçada pela fracassada impugnação submetida ao Tribunal pela ADI de Patrice Trovoada, encheu o centro da cidade da Trindade no seu primeiro comício de campanha.

A concentração dos apoiantes das três forças políticas coligadas criou uma grande moldura humana na capital do distrito de Mé-Zochi. Uma região onde são apurados 14 mandatos para a Assembleia Nacional.

A Direcção da Coligação, fez questão de anunciar que a moldura humana que pintou Trindade, foi composta apenas e só por militantes e simpatizantes seus do distrito de Mé-Zochi. Esclareceu desta forma que a coligação não foi carregar gente de todos os cantos do país para se concentrar na Trindade.

«O arroz de 13 contos está a 30 contos», foi um dos alertas lançados na Tribuna do comício. A coligação PCD-MDFM-UDD, quis assim despertar a atenção do povo de Mé-Zochi, para a mais sonante promessa eleitoral de Patrice Trovoada e ADI, nas eleições de outubro de 2014, que foi a fixação do preço do arroz em 13 mil dobras o quilo.

Carlos Neves, membro da direcção da coligação e Presidente da União MDFM-UDD, apresentou algumas propostas com vista a restaurar a democracia em São Tomé e Príncipe. «Vamos lutar para se manter a democracia em São Tomé e Príncipe, para que todos juntos possamos desenvolver este país, garantindo emprego, garantindo liberdade de expressão», afirmou Carlos Neves.

Para a coligação, o regime de Patrice Trovoada, acabou por abalar o valor maior da vida em sociedade, a liberdade. «Vamos lutar pela nossa liberdade», pontuou.

Arlindo Carvalho, outro membro da direcção da coligação, e Presidente do Partido PCD, prometeu a população de Mé-Zochi, diferença na governação do país. «Vamos fazer uma governação diferente, uma governação inclusiva, porque nenhum governo, nenhum partido sozinho, leva 200 mil habitantes para frente. Os outros trouxeram o país até aqui. Nós vamos levar para frente», sublinhou.

À semelhança de outros partidos da oposição, a coligação PCD-MDFM-UDD, ainda não recebeu os seus materiais de campanha que se encontram alegadamente bloqueados. Apesar de parcos meios materiais e financeiros, as ideias e propostas da coligação estão a ter eco no seio do eleitorado.

Abel Veiga

    19 comentários

19 comentários

  1. Mas além....

    24 de Setembro de 2018 as 21:14

    Estes críticos idiotas ainda continuam a fazer política ainda com arroz , que pouca vergonha , são mesmo safados…..

  2. MANUEL VICENTE

    25 de Setembro de 2018 as 3:40

    Porque o que está em causa é DITADURA/ARROGANCIA contra DEMOCRACIA, a COLIGAÇÃO
    PCD/MDFM/UDD deveria articular mensagens estratégicas com o MLSTP ( que deveria fazer parte da
    coligação) para que o povo não se deixe enganar uma vez mais. Exemplo de verdades, que podem
    ajudar o povo a abrir mais os olhos se for bem passada:

    1. A ADI quer o além para quê? O Patrice Trovoada está no poder desde que o pai dele, um dos
    maiores cínicos de STP, converteu-se em Presidente de São Tomé. Enquanto o pai foi Presidente
    durante 10 anos O Patrice Trovoada foi o seu principal assessor. Eles destituíram todos os
    governos que queriam trabalhar sériamente. O Pai Trovoada e Patrice tinham que meter o dedo
    em tudo. Ninguém pode ser mais inteligente que eles. Quando o mandato do pai terminou, eles
    escolheram o Fradique para continuar a manipular o país a favor deles. Com o Fradique, o
    Patrice Trovoada foi Ministro dos Negócios Estrangeiros e assessor/grande traficante do dossier
    do Petróleo. O Patrice Trovoada foi Primeiro Ministro 3 vezes. AFINAL, os Trovoadas andam a
    comer e viver de STP há quase 30 anos.

    2. Portanto, o ADI quer o ALÉM para quê? Para desprezar e dividir os são-tomenses? Para oprimir
    e matar a democracia? Reprimir a liberdade de expressão dos são-tomenses? Para viajar para o
    estrangeiro permanentemente sem nenhum proveito para STP? O que é que ele tem trazido
    destas viagens para São Tomé e Príncipe? Ele, no fundo quer o ALÈM para continuar a mandar
    em São Tomé como se a nossa terra fosse gleba dele. Nenhum são-tomense pode ter uma
    opinião diferente à dele. Olhem para a gaveta onde puseram o Agostinho Fernandes, um grande
    quadro nacional.

    3. É respeitoso inaugurar uma escola, a de Guadalupe em pleno período de campanha? Essa escola
    foi obra do ADI? O que é que o ADI e o Patrice fizeram? Somos parvos ou quê? Essa escola foi
    paga com o dinheiro que ele e o pai tomaram quando estabeleceram relações com o Taiwan?
    Com os milhões de dólares que ele e o pai receberam do Acordo com a PGS? Com os 30 milhões
    da China? O Projecto dessa linda escola de Guadalupe foi feito por estrangeiros, foi construída
    por uma empresa portuguesa e pago com o dinheiro do povo. Mas o Patrice aparece uns dias
    antes das eleições a inaugurar a escola e pedir mais Além. Antes das eleições o que é que foi
    feito? O que é feito de tantas pedras que foram lançadas?

    4. Os outros partidos nunca fizeram estradas e nem escolas? Só ele é que sabe trabalhar para São
    Tomé? Como é que um individuo que não nasceu em São Tomé, nunca trabalhou em São Tomé,
    não tem nenhuma empresa em São Tome, pode amar São Tomé mais do que os verdadeiros
    saotomenses? Porque é que ele ama tanto STP? De onde é que vem tanto dinheiro que ele
    distribui só nas campanhas? …..Sao Tomé é a base de onde os Trovoadas fazem dinheiro e
    guardam lá fora. Na altura da campanha gastam um bocadinho desse dinheiro que guardam
    lá fora com boca de urna, com camisolas, motinhas, bicicletas e pagam músicos estrangeiros e
    distribuem cervejas e vinho para embebedar o povo e conseguir votos para o mais ALÈM. Os
    Trovodas têm agido assim desde 1990. Eles é que trouxeram essa forma de fazer politica para
    STP.
    Força COLIGACAO DE TODOS OS PATRIOTAS

  3. mendes

    25 de Setembro de 2018 as 7:37

    Deus vai vos ajudar, ADI e MLSTP não vão apanhar nada
    não sou de ADI e fui do MLSTP mas dei conta que os dois desses partidos querem levar nosso país no buraco

  4. Cidadã

    25 de Setembro de 2018 as 9:50

    Bem falado e aprovado SENHOR MANUEL VICENTE… Que Deus que sabe e vê todas as coisas, possa responder amem…

  5. Joao Carlos

    25 de Setembro de 2018 as 10:05

    Força….. Vamos libertar o nosso País da ditadura do ADI e Patrice Trovoada

    • Seabra

      25 de Setembro de 2018 as 21:12

      Enfim….é excelente ler todas estas boas vontades do dito POVO PEQUENO, de quererem LIBERTAR STP dos jugos PT-ADI. É uma vaga de energia e determinação para dar um TERMO DEFINITIVO a esta fantochada , fascismo , DITADURA TROVOADA.
      Finalmente, vamos vencer e indireitar STP tirá-lo do ABISMO certo a que o levou PT-ADI e os seus acólitos MALFEITORES.
      Viva STP, Viva a Libertação do POVO pequeno, Viva a liberdade da EXPRESSÃO…
      Contámos com o novo governo para fazer luz no dossiê do economista sãotomense Jorge Pereira dos Santos , ESPANCADO atrozmente até à morte pelos agressores que continuam vivendo,rindo,comendo e gozando a vida numa boa, sem serem tormentados pelo ato BÁRBARO que cometeram, assassinando o Jorge. Até quando é que as victimas dos criminosos vão ser justiciados ?
      Quem complotou para torturarem e matarem o Jorge Pereira dos Santos ?
      Quem se sentiu ameaçado ? Onde está a verdade sobre este crime? Quem é quem ? Quem fez o quê neste guetapan ? Porquê ?
      Tudo isto tem que ser DESVENDADO.

      • Zani

        26 de Setembro de 2018 as 13:35

        Oh Seabrinha, tu que achas mais inteligente e sabido do que os demais, repare só nas frases do seu comentário mediocre com erros graves os quais passo a citar:

        “… pelo ato BÁRBARO que cometeram, assassinando o Jorge.” – Quer dizer que continuam assassinando o malogrado economista? Com todo respeito a família do malogrado, mas devias ter mais respeito!

        “…Até quando é que as victimas dos criminosos vão ser justiciados ?” – Não se escreve ‘victimas’ mas sim vítimas! Diz-se ‘vão ser julgados’ e não ‘… vão ser Justiciados’!

        Por último a tal DITADURA só está na vossa cabeça ‘oca’ de tanto ‘mamarem’ nas tetas dos governos passados onde tudo era Democracia mas reinava a Anarquia, tudo era lindo na capital, mas a pobreza reinava nas roças e vilarejos do interior do país!

        Ninguém mais acredita em vós senhores da troika e o Mlstp dos quais o Seabrinha é defensor convicto!

        • Seabra

          27 de Setembro de 2018 as 11:53

          …tenho horror da MEDIOCRIDADE ! Muita gente está com o pé na Cova, pois que não têm ” alcaboiço ” suficiente para enfrentarem os da cabeça erguida. Tomo do meu tempo para falar com pessoas que são educadas, cultivadas e dignas da minha atenção…ignoro os idiotas , os puxas sacos e gente de má índola.
          Ainda bem que o RIDÍCULO não mata.
          Tive uma cadelinha outrora(falecida) ,que se chamava ZANI…ela merecia um tratamento respeitoso, mais do que certos imbecis ditos humanos !

          • Zani

            27 de Setembro de 2018 as 18:51

            Kkkkkkkkk.

            Tu me fazes rir Seabrinha! Tu nunca foste educado, nem cortez com ninguém aqui neste espaço! Tu nem sabes o que significa DEMOCRACIA! Aqui já destes provas de ofender várias pessoas que ousam discordar de suas opiniões carregadas de ódio, rancor, e tudo que é mais vil! Nem sabes o significado da palavra respeito!
            Queres um exemplo de desrespeito com opinião contrária a sua? Basta ver seus comentários a ofender o Olegário Tiny! Sem dizer outras pessoas que por cá navegam as sua idéias e opiniões!

            Pessoal, saibam uma coisa! Querem ser democratas? Basta não contrariarem as opiniões do Seabrinha mimadinho! Ele se ofende e começa a cuspir fogo!

        • Seabra

          28 de Setembro de 2018 as 16:00

          …afinal, debrucei numa leitura mais atenta dos comentàrios dos internautas do site Téla Non, e pude constatar que o individuo que quer passar por “donneur de leçon”, é de facto um DETESTADO pela maioria ,e que o sentimento e a atitude violentas (pelo menos por escrito), é sem dùvida pela frustraçao e complexo do VIVER dele.
          Ora ataca os partidos da oposiçao, ora vem defender pessoas destes partidos…enfim, vai uma grande confusao na cabeça deste coitadinho Cao ou Cadela RAIVOSA.
          Cuidado, està chegando o dia FATAL, cuida-se para nao ter um “CHILIK”. Venha de novo terminar o seu sentimento de ôdio…nos vamos lhe alimentando. Força!!!

          • Zani

            1 de Outubro de 2018 as 13:11

            Deixa-te de fake news!
            Inventa e só inventa coisas no seu imaginário!

            Afinal tás Mal acostumado!
            Vê se inventa outra Seabrinha!

  6. António cunha dos santos

    25 de Setembro de 2018 as 14:43

    Muito bem coligação. O vadios do ADI, isto é o Primeiro Ministro, o Ministro das Finanças, da Agricultura e outros, ao invés que estarem a trabalhar, estão a 2 dias metidos no Distrito de Cauê, a gastar dinheiro do Estado em um dos hoteis do sul, para enganarem o povinho inocente do sul, tentanto retirar o MLSTP o distito de cauê. Pior disto tudo é que Patrice, para enganar o povo da capital a pensar que ele está na capital, nas horas normais de expediente, mandou encerrar a rua que da acesso a praça Yon Gato, vindo do Ministerio da Agricultura, criando um caos maior ainda na circulação nesta zona, e fazendo pensar que ele está na capital.

    ALDABRÃO DESDE INFÂNCIA

  7. Rapaz de reboque

    25 de Setembro de 2018 as 18:46

    Atenção senhores candidatos nao façam promessas que depois nao podem cumprir, sem dinheiro nao se pode fazer nada

  8. WXYZ

    25 de Setembro de 2018 as 19:11

    Qualquer modelo de coligacao nunca deu prova ca em STP. Ja esta provado de que o que funciona mesmo ee no parlamento ter uma maioria absoluta monolitica ou seja de um so partido. Acho justo qualquer partido politico reclamar uma maioria absoluta. Ja experimentamos de tudo neste nosso STP. Me parece que modelo mais viavel ee esse.

  9. Truquim

    26 de Setembro de 2018 as 7:07

    acho que maioria não funciona porque pensam que são dona da terra fazem o que querem nunca se pode dar poder um só homem Tribunal de ADI Governo de ADI Policia de ADI Procuradoria de ADI Quartel de ADI Assembleia de ADI, Olha Olha é bom prestarem muita atenção com isso. ja somos pouco devemos nos unir para levar esse país para frente, não podemos continuar a devidir esse povo que sofre deste tempo colonial nunca conheceu uma vida razoável a não sendo os senhores do topo

  10. BOM DOXI

    26 de Setembro de 2018 as 10:19

    O preco de Hospital tem que esta assim, o motivo para tal ‘e para a manutencao do mesmo hospital e outras coisas mais que assim o mesmo necessita para o bem estar da populacao, um hospital sujo sem manutencao nao ‘e agradavel.
    MSLTP em Portugal de ferias ou a viver concerteza tem que pagar tudo aquilo posto pela lei Portuguesa, Sao Tome and Principe ainda vive de doacoes e dinheiro Gira ‘e saber girir o mesmo, o povo paga muito no hospital, mais no entanto o povo vai encontrar um bom atendimento publico, e outras coisas mais agradaveis.
    A construcao de casa como assim fala MLSTP, estradas, isso ‘e o contrato ganho pela ADI.
    Sao Tome and Principe impossivel baixar o preco neste momento, o motivo para tal ‘e para equilibrar a economia interna.

  11. Antunes Azanco

    27 de Setembro de 2018 as 10:03

    Esta no papo!
    Força coligação.
    No passado essa coligação PCD/MDFM deu provas de competencia e sentido de estado. Se agora o povo deu conta disto, então que o povo lhes de a devida oportunidade para governarem também durante os proximos quatro anos, porque no passado, foi justamente o senhor Patrice Trovoada que fez de tudo para deixar cair Tomé vera Cruz como primeiro ministro para ele subir ao cargo. Logo depois ganhou e nem virou cu sequer para esta coligação. Agora, o povo que pôs o ADI vai tirar o ADI e a coligação voltará a ser poder para devolver ao povo a sua liberdade e garantir a sustentabilidade da democracia que esta em perigo. Tenho certeza que a coligação não ira adoptar a politica de exclusão, p+elo que o MLSTP também poderá ser chamado para a governação do país e até mesmo o ADO porque o que esta em causa é o país de todos nós. Todos devemos nos unir para o salvar, para garantir o seu desenvolvimento e a sustentabilidade do seu povo, na base de programas concretos, crediveis e exequiveis que deverão ser sufragados pelo povo, por um lado, e por outro deverão apresentar governantes que não mentem ao povo, que não vendem sonhos, que não insultam o seu proprio povo.
    portanto, Força coligação PCD/MDFM!

  12. Seabra

    27 de Setembro de 2018 as 11:54

    …tenho horror da MEDIOCRIDADE ! Muita gente está com o pé na Cova, pois que não têm ” alcaboiço ” suficiente para enfrentarem os da cabeça erguida. Tomo do meu tempo para falar com pessoas que são educadas, cultivadas e dignas da minha atenção…ignoro os idiotas , os puxas sacos e gente de má índola.
    Ainda bem que o RIDÍCULO não mata.
    Tive uma cadelinha outrora(falecida) ,que se chamava ZANI…ela merecia um tratamento respeitoso, mais do que certos imbecis ditos humanos !

  13. Seabra

    27 de Setembro de 2018 as 12:28

    Estimo que devo esta breve explicação sobre a palavra JUSTICIADOS para os leitores que têm dúvidas linguísticas, sobre o idiota que quis dar o seu SHOW ADI.
    Verbo JU-DI-CI-AR : Verbo intransitivo, do latim JUDICO -ARE. Que significa : tomar decisão judicial, decidir judicialmente.
    É quando a justiça foi adiada ou negada.
    Neste caso , as décidées devem ser revistas pelo magistrado.
    Este estúpido que comentou é um jurista mediocre. …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo