Política

“Luta cerrada contra a Covid-19” na ilha do Príncipe

Em Estado de emergência sanitária desde a passada sexta feira, a Ilha do Príncipe, se prepara para dar início hoje a realização pela primeira vez dos testes PCR na Região Autónoma.

O Presidente do Governo da Região Autónoma, disse ao Téla Nón, que no quadro da parceria com a OMS, foi encontrada uma solução alternativa para a realização dos testes PCR na ilha.

Segundo Filipe Nascimento, «a ilha do Príncipe está numa luta cerrada contra a Covid-19».

Com o registo de 44 casos positivos na ilha, as autoridades regionais conseguiram convencer as instituições do Estado santomense, a decretar o Estado de emergência sanitária no Príncipe.

A par do reforço das medidas preventivas no âmbito do Estado de emergência, o sistema de saúde no Príncipe, pôs em marcha no último domingo, um processo de busca activa integrada.

Um processo que segundo as autoridades locais, permitem a despistagem dos sintomas da Covid-19 no seio dos grupos populacionais.

Príncipe vive em Estado de emergência Sanitária por um período de 15 dias.

Abel Veiga

    7 comentários

7 comentários

  1. Força

    25 de Janeiro de 2021 as 9:33

    Mas no principe tem dirigentes coker e mais outros dirigentes a dizer que não existe covid no Príncipe pras pessoas não obedecer. Sem vergonha. Se ele diz eu k sou cidadão também não acato

  2. Cabo-verdiano

    25 de Janeiro de 2021 as 17:28

    Palhaçada Filipe nascimento estiveste na gala de futebol a cantar calinha branca com nino Monteiro esqueceste do covid agora estas atrapalhado foi gala de futebol que trouxe covid para principe

    • Abaixo racistas

      26 de Janeiro de 2021 as 13:25

      Eu sou santomense mas nos aqui temos ódio é ciúmes dos caboverdianos porquê? Eles trabalharam esta terra com amor e decidiram ficar no nosso país. Filhos deles tem que ser tratado com descriminacao? Nossa raça é infeliz. Vamos deixar de ódio meus manos

  3. Vanplega

    25 de Janeiro de 2021 as 20:13

    Depois de casa rouba, tranca-se as portas

  4. Lima

    26 de Janeiro de 2021 as 9:46

    Poi é , estao todos convencidos que a Covid nao chegou e nem vai chegar nas duas ilhas.Entao, todas as precaucoes que deveriam e devem ser tomadas nao foram e continuam a nao serem tomadas de maneira drastica.Pobre desses que as autoridades enganam dizendo que vao receber dons vindo dos organismos la de fora,que o turismo é que vai lhes sair da pobreza,hoje vao sofrer e ainda mais vao morrer.Em sao Tome talvez como no Principe nao sabem copiar coisas boas.Porque se fosse o caso embora nao tendo muitas condicoes financeiras deveriam ver e ouvir como esta decorrendo essa pandemia no mundo.Que se coma banana com banana. Esse pais deveria estar duplamente fechado.So deveria entrar tratamentos para a saude. Mais nao,so dizem :oh aqui nao tem.Nos tomamos cha de gengibre,comemos nao sei o que,fazemos cha de limao,etc etc.Se tudo isso service de protecao, os paises que se dizem desenvolvidos nao lhes importava matar-vos todos para terem esse gengibre e esse limao e todas as outras coisa,para salvarem as suas populacoes.Entao caros meus penssem bem, Se o que teem feito no estrangeiro nao esta a dar resultado a cem por centos.Mesmo se fosse deveriamos combinar as nossas solucoes ou tecnicas com o verdadeiro confinamento,com verdadeira multa naqueles que nao respeitam as regras e como é obvio tambem dar ajudas alimenticias para as populacoes carenciadas.Na terra mesmo durante um ano ninguem precisa sair sempre para compra de roupas e sapatos.O sistema da saude deveria ser mais organizado para secorrer as pessoas.Nao deixarem as pessoas irem as prais porque a tradicao quer que no dia 1 de jeneiro todo mundo va a praia.Oh gente muitos estao falecendo.Isso nao esta uma brincadeira.Podemos contestar mais hoje ninguem apanhou solucao milagrosa para essa pandemia.Infelizmente se o mundo tivesse apanhado algo de bom os paises pobres nao teriam nem cheiro mas como é desgraca os ricos comos os pobres estao a sofrer.Ja ha vacina viram ja uma gota na terra dessa vacina?Nao entao pensemos bem.

  5. SEMPRE AMIGO

    26 de Janeiro de 2021 as 10:30

    ALERTA Á SENHORA MINISTRA DE EDUCAÇÃO: Salvo respeitosas exceções,o “português”que é utilizado pelos comentaristas dos artigos publicados no TÉLA NÓN,mostra que o Ministério de Educação da RDSTP terá que agir com urgência para garantir uma formação apropriada do português nas escolas.Senão corre-se o risco de inundar o país com A N A L F A B R U T O S.

  6. Uma Pessoa que Ama STP

    26 de Janeiro de 2021 as 14:39

    A situação que existe no Principe é muito complicada e refleta tudo o que se passa no resto do país… A falta de disciplina e de sério neste país é mãe de muitos desastres… São tomadas medidas, ninguém as cumpre, vai se para o hospital, estão com preguiça de te fazer o teste. Dizem que os comercios têm de fechar as 17h, niguém fecha. Policia está presente, não controla. Vê-se representantes do governo na boa sem mascara… Corrupção no aeroporto para entrar no avião sem controlo Covid… Eu fico muito triste por ver o meu povo sofrer por causa desta falta de patriotismo que nos poderia guiar para dias melhores. Amigos sirvam o Vosso país, sejam sérios no que fazem…

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo