Política

ADI denuncia procedimentos do TC que “prefiguram batota eleitoral”

A ADI maior partido na oposição, denunciou irregularidades nos actos preparatórios para a realização das eleições legislativas, autárquicas e regionais marcadas para 25 de Setembro próximo.

O Tribunal Constitucional divulgou o novo mapa eleitoral, que realça por exemplo a redução do número de mandatos à Assembleia Nacional, no distrito de Mé-Zochi. Antes, em Mé Zochi eram eleitos 13 mandatos à Assembleia Nacional. O novo mapa divulgado pelo Tribunal Constitucional reduziu para 10 mandatos.

O novo mapa define também que nas eleições legislativas de 25 de Setembro próximo, pela primeira vez os eleitores na diáspora vão eleger 2 mandatos à Assembleia Nacional, que tem 55 assentos.

O partido ADI considera que o procedimento do Tribunal Constitucional é no mínimo estranho.
«Foi com estranheza que tomamos conhecimento da publicação de um mapa pelo Tribunal Constitucional. Quem forneceu dados do caderno eleitoral ao Tribunal Constitucional? O Tribunal Constitucional só poderia na nossa perspectiva, publicar este mapa depois de ter informação fidedigna da Comissão Eleitoral Nacional», declarou Abnilde Oliveira(na foto), líder da bancada parlamentar do partido ADI.

Na conferência de imprensa realizada na sede do partido, a direcção da ADI justificou o facto de ser estranho o procedimento do Tribunal Constitucional, em divulgar o novo mapa eleitoral, com base em dados eleitorais desactualizados.

«Até a data de hoje(27 de Maio), a CEN(Comissão Eleitoral Nacional) não foi empossada. Então não sabemos quem deu ao Tribunal Constitucional dados para fazer isso…É de estranhar porque é que o Tribunal faz este expediente antes de ouvir a CEN?», interrogou o líder parlamentar, e porta voz da ADI na conferência de imprensa.

ADI reafirmou a sua posição, em relação ao procedimento do Tribunal Constitucional. «A posição do ADI é que não concordamos com este mapa», precisou.

Maior partido do país, no entanto na oposição, a ADI alertou a opinião pública nacional e internacional para a necessidade de o Tribunal Constitucional credibilizar os seus procedimentos e decisões, tendo em conta as peripécias ocorridas nas eleições presidenciais de agosto de 2021.

«É altura dos Tribunais de uma forma geral, e particularmente o Tribunal Constitucional que tem muito a ver com o processo eleitoral, se posicionar e se credibilizar», apelou a ADI.

Para o partido liderado por Patrice Trovoada, o acto do Tribunal Constitucional em definir um novo mapa eleitoral com base em dados desactualizados, não é inocente.

O partido acrescenta que apesar da comunidade internacional ter concedido ao Governo um financiamento para realizar o recenseamento de novos eleitores e para actualizar os cadernos eleitorais, o executivo pretende deixar fora do acto eleitoral, todos os jovens que completam 18 anos antes de Setembro próximo.

«Os partidos que suportam a actual maioria não podem impedir, coarctar, a esses jovens o direito de participarem nas eleições. O financiamento está disponível. Por isso, não entendemos porquê que não foi feito o recenseamento eleitoral», pontuou, o porta voz da ADI.

Segundo o partido em termos técnicos a Comissão Eleitoral está a tempo de fazer o recenseamento eleitoral, ou seja a inscrição de novos eleitores para as eleições legislativas e locais de 25 de Setembro próximo.

«A posição da ADI é que o recenseamento eleitoral tem que ser feito, porque o governo dispõe de verba para o fazer», reforçou.

Os actos estranhos e anómalos que segundo a ADI estão a ocorrer no processo eleitoral, com vista as eleições de 25 de Setembro, ferem «a legalidade, ferem a constituição, e podemos dizer prefiguram batota eleitoral», concluiu o porta voz Abnilde Oliveira.

O Presidente da República Carlos Vila Nova enquanto garante da constituição e do normal funcionamento das instituições, já foi notificado pelo partido ADI, para que intervenha e resolva a polémica pré – eleitoral.

Abel Veiga

12 Comments

12 Comments

  1. Andorinha

    28 de Maio de 2022 at 19:36

    Os partidos da nova maioria manchão e sujão o nome de S.Tomé e Príncipe, tal como fizeram nas eleições Presidenciais ja estão a arrumar batotas o povo tem que estar vigilantes.
    S.Tomé só conhecerá melhores dias depois de livrar-mos destes juízes corruptos temos que livrar do MLSTP.

    • Margarida Lopes

      29 de Maio de 2022 at 13:15

      Por esmola Andorinha, é um ESCÂNDALO os seus 2 êrros : MANCHÃO, SUJÃO. Queira reler antes de publicar…respeite os que vão lê-lo.

  2. Fuba cu bixo

    28 de Maio de 2022 at 20:09

    Pronto o cunhado do Delfim Neves e o Pascual Daio ja conversaram a fazer das suas ao serviço da nova maioria para tentarem ganhar eleições com baatota.

    Patrice Trovoada tem que vir e mandar estes juízes corruptos para casa rapidamente S.tomé e Príncipe não merece isto precisamos avançar.

    • Margarida Lopes

      29 de Maio de 2022 at 13:22

      Fuba com bicho, se é a BATOTA dos juízes que farão vir para STP o corrupto foragido Patrice TROVOADA, é uma excelente notícia porque assim poderemos tê-lo á mão para ele também ir responder junto da JUSTIÇA sobre as suas numerosas BATOTAS cuja a dos milhões desaparecidos e de tantos outros. Que Deus lhe ouça.

    • UMM

      30 de Maio de 2022 at 9:42

      Para meter os corruptos dele não é?

  3. José Manuel

    28 de Maio de 2022 at 21:19

    Este dito Tribunal Constitucional que já criou sérios problemas nas eleições presidenciais passadas é que irá conduzir de novo estas eleições legislativas? Este tal Presidente, agente do Delfim e membro do PCD que anda a participar de forma escondida nas reuniões do movimento Basta em Vila Dolores, é que irá arbitral de novo estas eleições?
    ADI e outros partidos se não abrirem desde agora os olhos, então a fraude será institucionalizada.
    Cabe a vocês abrirem olhos. Em situação normal, devia ser este presidente do TC a pedir a sua demissão pois o mesmo não goza de nenhuma credibilidade para estar a frente desta instituição.
    No entanto, este é o exemplo do país que temos
    Bem Haja S.Tomé e Príncipe

  4. Todos iguais

    28 de Maio de 2022 at 22:50

    Vila Nova ouvi CEN antes de marcar a data das eleições conforme diz a Lei? Vão dar banho ao cão! Vocês só enganam os distraídos, a mim não enganam mais!!!

    • WXYZ

      29 de Maio de 2022 at 9:22

      Oh meu caro. Havia na altura alguma CEN? Mantenha Vila Nova fora do grupo desses corruptos. 2 ou 3 juizes juntamente com o presidente da assembleia. Admira me sobre juiz Couto aceitando tudo isso. Pascoal Daio esta querendo brincar com fogo.

  5. Beto andreza

    28 de Maio de 2022 at 23:19

    A fraude está na forja. Abram os olhos oposição. Quem está no poder não quer largar o osso.

  6. Pedro Costa 2

    29 de Maio de 2022 at 6:50

    Estes pseudointelectuais, falsos doutores, falsos engenheiros, estes fracos na cultura geral, et.
    Estes com nomes de origem árabes, de origem muçulmanos, que não nos identificam como povo santomense e com ligação a portuguesa.
    Estes que inventam palavras e utilizam termos que não fazem parte do léxico português. O WÊCHAISMO, MANCHÃO, SUJÃO, fazem parte do nosso português ou escreve-se assim neste país?
    Todos estes estão a dar cabo deste país. Todos estes mancham e sujam o bom nome do santomense que não se identifica com toda esta anarquia, como é o meu caso.

  7. Margarida Lopes

    29 de Maio de 2022 at 13:44

    Abeille, Abnilde seja mais ESPERTO, reflita e não continue a servir o seu mestre guru Patrice TROVOADA, porque ele está muito bem na malóia a viver tranquilamente a grande e á francêsa, enquanto vocês da ADI STP trabalham pra ele, com abnegação, fieldade, criando INIMIZADES sem servir na POSITIVA o país que é vosso…Patrice TROVOADA utiliza-vos como LARBINS( CATIVO S)dele, ele não tem nenhum sentimento patriota, ser são-tomense para ele é aproveitar ÚNICAMENTE do que lhe interssa que são : PODER, DINHEIRO, NEGOCIATAS& CONTACTOS previligiados…mais nada!
    Creio que mesmo o mais imbecil da sociedade são-tomense já conseguiu compreender o modo de funcionamento comportemental CALCULADORA
    OPORTUNISTA,INTERESSEIRA do PT. É tão simples quanto isto. É difícil de admitir mas é um FACTUM…e contra os factos não há argumentos.

  8. Mezedo

    31 de Maio de 2022 at 5:50

    O medo paira sobre os que viveram 4 anos de abuso total sobre os Santomense, o vosso idolu não gosta nem voces patetas que sao cegos, burros, e fracos. Onta ele bom, o gajo só vive escondido, nao presta contas da sua governação, nao respeita o povo, zanco com seus comparsas e humilha os mesmo.
    Ainda assim tão a idolatrar o bandido.

    Prestem bem atenção historia de 2014 a 2018 já não repetirá neste país.
    Machim muito é

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

To Top