Política

Presidente Vila Nova preocupado com a crise económica diz que não tem detalhes sobre o negócio do aeroporto

Foi no regresso ao país, depois de participar na cimeira Coreia do Sul -África, que o Presidente da República manifestou preocupação com a situação económica do país. Uma preocupação já manifestada por Carlos Vila Nova noutras ocasiões, no entanto agravada após a avaliação da situação macro-económica pela equipa técnica do FMI.

O chefe de Estado mostrou-se preocupado com a ausência do acordo com o FMI. Diz que o momento é delicado e a questão deve merecer o contributo de todos incluindo dos partidos da oposição.

«A oposição não estando a suportar a esfera do poder, contribui para uma boa governação e ela tem de ser associada a esse processo. Eu tudo farei para que ela seja chamada a esse processo», declarou.

Carlos Vila Nova reagiu também sobre a concessão do aeroporto internacional Nuno Xavier à empresa turca do FB Group por um período de 49 anos.

«Este aeroporto precisa de ser modernizado. Não tenho os detalhes, por isso não vou entrar neles, mas se eu puder contribuir para melhorar seja o que for, terei de o fazer».

 Por outro lado, o Presidente da República garantiu a presença de S. Tomé e Príncipe na cimeira da paz para a Ucrânia, realizada no último fim de semana na Suíça.

São Tomé e Príncipe fez-se representar no evento pelo Ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação Gareth Guadalupe.

José Bouças

11 Comments

11 Comments

  1. Guerra Eminente - Massacre Guerra de Batepá na Capital São Tomé

    16 de Junho de 2024 at 19:54

    Patrice Carlos Gorgulho Trovoada trata os Forros Santómas como serviçais sem importância e os Santomenses aceitam esse mau tratamento. Vocês são todos burros aceitando isto!

    “O massacre de Batepá ocorreu a 3 de Fevereiro de 1953 na São Tomé colonial, quando centenas de crioulos nativos conhecidos como forros foram massacrados pela administração colonial e pelos proprietários de terras portugueses.”

    Lembra?

    Muitos forros acreditavam que o governo pretendia forçá-los a trabalhar como trabalhadores contratados, ao que se opuseram.

    Patrice Trovoada rouba com os gatunos amigos dele, desgraçam país.
    Quando a malta crítica, em resposta, Primeiro Ministro diz “eles roubaram, então eu roubo e consolido o poder, e ninguém me toca porque todos os gatunos estão no meu bolso.”

    O povo está agitado e com muita fome.
    Patrice quer dar ordens ao exército militar e a polícia e os tribunais para atacarem o povo e distruir a voz da oposição.

    Da forma como vejo isto aqui em São Tomé, isto tudo parece que vai-se tornar rapidamente e efetivamente transformar a grota em um banho de sangue, resultando na morte de centenas de pessoas e corruptos.
    Fecha aeroporto e alfândega com cananas. Ninguém sai do país até devolverem todo dinheiro que roubaram do povo Santomense.
    Abuso roubo corrupção é demais!

    • Anabela Varela

      20 de Junho de 2024 at 18:06

      Guerra Eminente tem que ser assim mesmo, porque senão muitos desgraçados e desgraçadas vão fugir…o fugitivo mais conhecido e pela mesma ocasião é o maior criminoso de STP é o Patrício Trovoada com a sua equipa de mafiosos malfeitores que tem na cabeça outro mafioso vagabundo o senhor Afonso da Graça Varela. Estes dois testas de ferro são os piores inimigos de STP e do seu povo.
      Outrora o camarada Varela fazia a sua campanha da JOTA-MLSTP em França ( Vichy, Clermont-Ferrand, Toulouse e depois em Paris)dizendo sobre o Manuel Pinto da Costa” xé o nosso grande líder, Pinto da Costa, que dirige este povo todo etc” eram só elogios, hoje ele é o traiçoeiro máximo do líder máximo do comunismo, a quem o Varelinha ( pelo seu tamano minúsculo) virou as costas radicalemente e com bué de ingratidão.
      Todos eles vão terminar mal…vão ter um fim desgraçado e merecido. Haverá justiça.

  2. Sem assunto

    16 de Junho de 2024 at 20:32

    Estamos fartos do teu desconhecimento de todo o dossiê importante para o país, esta não é a real postura de um presidente da república que garantiu vir fazer jogo limpo.
    A passos largos caminhas para seres o pior presidente da república da nossa história, nem o malogrado Evaristo Carvalho, pese embora estevesse velho gagá e debilitado, era tão morno e distraído como o senhor é.
    2026 se fores inteligente não pense em candidatares, porque já perdestes, o povo já entendeu que não serves!

  3. Rei Amador

    16 de Junho de 2024 at 21:46

    Queimar
    Tit-for-tat

    Não és tu Carlos Vila Nova com as tuas patetices, lentidão e ignorância soberba quem vai decidir sobre a guerra política em São Tomé. Cabe ao povo de São Tomé e Príncipe decidir como se vai por a casa na linha, em ordem. Muita corrupção. Muita desordem. Muito roubo. Muita anarquia. Muito atraso ao país e ao povo. Tem de haver uma forma de resolver o mal para que o tal conheça uma trégua. Com guerra vamos cessar falta de respeito e ajudar o povo para se desenvolver, por o país numa via de paz e impor ordem, disciplina, estabilidade, obter progresso económico e financeiro, instalar disciplina e trabalho, produtividade, e respeito mútuo.

    Notem: Patrice é uma pessoa egoísta e hostil que não está disposto a gastar para o desenvolvimento do nosso povo Santomense ou doar dinheiro de origem donativo para fazer crescer São Tomé e Príncipe. Ele, Patrice Trovoada, o que quer é só roubar para o interesse pessoal e interesse dos gatunos do grupinho dele. Temos que destruir o mal!
    Scrooge

  4. Original

    17 de Junho de 2024 at 6:14

    Com tanta evidência,não sei o que falta ainda ser apresentado,povoê lede di alami sáuá.Quem está contribuíndo para dar suporte ao Patrício não deve esquecer que quando caldo acabar de entornar porque já começou estes não ficarão de fora incluído o próprio PR que deu cobertura a todo este processo desde a farsa de 25 de Novembro.Neste momento é só questão de tempo porque só não está ver quem não quer.Patrício está cagando para este povo e muita gente já deu conta disto.Deus o nosso criador proverá por nós.

  5. alberto costa

    17 de Junho de 2024 at 9:26

    Patrice Trovoada não dá Vila Nova confiança para nada.

  6. Joao Batepa

    17 de Junho de 2024 at 9:28

    Aconselho a quem puder que abandone o território santomense imediatamente. É um país pequeno vítima de curandeiros altamente diabéticos feitos em intelectuais políticos mas com o único objetivo de substituir o diabo nesse mundo. Olha nos olhos dos tipos doentes e sem almas. Autênticos mortos-vivos carregadores da morte. Patrice Trovoada não é excelência, é doente mental e sem alma. Os do MLSTP sao a maioria sem esperança- altamente mortos andantes. Fuja quem puder!

    • Teu Problema é Simpatia Cega

      17 de Junho de 2024 at 19:02

      Teu Problema é Simpatia Cega

      Não és convergente à diversidade de ideias?
      Cada um é adulta/o e opta no que lhe é viável e temos de respeitar este princípio democrático.
      Existe também uma lacuna bem grande em São Tomé e Príncipe em termos de liderança. Pessoas, muitas recheadas de preguiça, cobardices, fofocas, negatividade, e boatos. Perdem tempo nisso ao invés de focarem-se em desenvolvimento e obter resultados em planos de ação.
      Todos criticamos, mas poucos temos conhecimento naquilo que é liderança, ser um líder, mobilizar a população para fazer o bem e melhor a vida do povo e desenvolver o país. Vai on-line pesquisar o que significa liderança e liderar um povo.

      Infelizmente passamos a dar cabo das nossas vidas e vida do outros: Só brigas, rebaixar, invejar, mentalidade atrasada, etc.

      Existem pessoas que condenam o que está mal e elogiam o que é feito para o bem, independentemente do protagonista ou de que figura ser.

      Por exemplo, se amanhã Patrice Trovoada tomar consciência, vender a casa mansão de Lisboa, devolver todo dinheiro que ele e o pai dele roubaram, decidir descentralizar o poder e deixar os tribunais com autonomia e independência total sem interferência dos gatunos e corruptos, da elite e classe política, deixar o exército e polícia neutro de influência política, abrir processos de julgamentos contra todos aqueles que roubaram São Tomé e Príncipe, e assim por diante. Pergunto: quem de boa consciência e raciocínio saudável irá contra Patrice Trovoada nesta linha de ideia? Quase ninguém.

      O problema que temos são as emoções e falta de lógica, falta de entendimento entre as pessoas, falta de união e humilde. Só interesse próprio, objetivo pessoal e de grupinho, má fé, pecado, ganância, soberbia, arrogância, nepotismo, corrupção, etc.

      Patrice é ladrão. Ele não vai devolver o que roubou do povo Santomense. Por isso devemos combater o gatuno!

      Qual é alternativa melhor que temos com pessoas sérias, competentes, serenas, sem cadastro sujo para substituir?

      Por isso que concordo em dar mais instituições ao nosso povo. Povo culto decidirá o destino de São Tomé e Príncipe. Os corruptos não.

      Muita gente roubou por isso é difícil encontrar pessoas sérias com cadastro limpo, com convicção, carisma e espírito positivo e optimista de liderança para apoiar e guiar o povo para se tirar o país do marasmo.

      Não tenho afiliação partidária. Não sou daqueles que mesmo dentro conviverei com roubos e anarquia. Melhor ficar afastado.
      Adesão cega e o deixar andar sem contradizer os colegas dentro de grupos cria condições aos tráficos de influência, corrupção, criminalidade, etc. Cover up.

      Sou daqueles: quem faz bem suporto, quem faz mal reprovo e condeno independentemente se estás na minha equipa ou na oposição. Fair play people!
      Faz bem, estamos juntos
      Faz mal,somos adversários
      Isto não é linear
      Simples

    • Joao Batepa

      17 de Junho de 2024 at 21:27

      Eu gostei do que escreveste, menino.
      Eu também já fui romântico. Não há solução. O povo é podre e diabólico. Fujam quem puder.

  7. Menino Joao Batepa

    18 de Junho de 2024 at 19:13

    Menino?
    Respeito!

    • Joao Batepa

      19 de Junho de 2024 at 10:41

      Hahahaha

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

To Top