Eleições presidenciais

Eleições Presidenciais: 2ª volta só depois do fim do mandato de Evaristo Carvalho

5 de Setembro de 2021, é a data marcada pela Assembleia Nacional para a realização da segunda volta das eleições presidenciais.

A lei excepcional para fixação da data das eleições aprovada pela maioria parlamentar na sessão plenária de terça-feira, rejeitou a proposta da Comissão Eleitoral Nacional, que indicava 29 de Agosto para a realização da segunda volta do escrutínio.

Danilo Santos líder da bancada parlamentar do MLSTP apresentou no plenário a nova data de 5 de Setembro.  A maioria parlamentar, justificou a nova proposta com o facto da Comissão Eleitoral Nacional registar atrasos na chegada dos boletins de voto ao país, e também pelo facto de a data de 29 de Agosto, ser extemporânea à lei excepcional que fixa a data das eleições. Segundo Danilo Santos, se fosse confirmado o dia 29 de Agosto, a campanha eleitoral iniciaria antes da publicação da lei que fixa a data das eleições.

Abnilde Oliveira líder da bancada parlamentar da ADI contestou a proposta da maioria parlamentar. Segundo o deputado, o povo quer eleições no dia 29 de Agosto. Para o maior partido da oposição, só a Comissão Eleitoral Nacional poderia apresentar uma nova proposta de data para a segunda volta das eleições presidenciais.

O debate deu lugar à votação em plenário.  A data de 29 de Agosto proposta pela Comissão Eleitoral Nacional, foi vencida.

A maioria parlamentar com 28 deputados, composta pelo partido MLSTP e pela Coligação PCD-MDFM-UDD, aprovou a nova data de 5 de Setembro, para realização da segunda volta das eleições presidenciais.

Assim, quando o povo ir às urnas no dia 5 de Setembro, para escolher o novo Presidente da República, o mandato do actual Presidente Evaristo Carvalho, já estará expirado.

Pela primeira vez no regime democrático santomense, o Presidente da República Eleito tomará posse depois de 3 de Setembro.

Abel Veiga

    16 comentários

16 comentários

  1. Ilha+do+Príncipe

    18 de Agosto de 2021 as 10:02

    Se assim vocês acham que vão assaltar o poder estão enganados.
    Estamos de olho,respeitem a Constituição de demais leis do Pais. Nas eleições democráticas quem disside é o Povo…
    Estamos cansados de tantas manobras.
    São Tomé e Príncipe pertence a todos nós.

    • Vanplega

      19 de Agosto de 2021 as 20:33

      Hoje pedes respeito a constituiçāo. ADI e Pinta Cabra, assaltaram assembleia da repubblica, respeitaram a CONSTITUIÇĀO?

      Povo è carneiro, ñ sabe por onde ir

  2. Andorinha

    18 de Agosto de 2021 as 10:19

    Essa nova maioria esta no poder esta a gozar com o povo a torta direita, não si admite passando um mês da primeira volta só agora vêm marcar a segunda volta e só para dia 5 de Setembro, e ainda estamos em 18 de Agosto, mas a nova maioria pode fazer todo abusos a do povo vai vir que é dia 5 ai vocês vão pagar.

  3. Chicão+da+Mina

    18 de Agosto de 2021 as 10:21

    Povo deve estar alerta a possíveis golpadas. Não cheira bem esta proposta da maioria.

  4. Sem+assunto

    18 de Agosto de 2021 as 10:37

    O partido ADI sempre fala recorrendo ao povo, que demagogia. Falácia batida e desnecessária, uma vez que que a quando do vosso mandato o povo vivia com medo, lembram se? Satanicos.
    Muito bem nova maioria, a máscara já não vos tem servido, continua a tentativa de insubordinação; está data de 5 de Setembro irá dar no mesmo, pois isto não atrapalha o plano do cigano do Delfim Neves ser Presidente da República Interino a partir de 3 de Setembro.

  5. Fuba cu bixo

    18 de Agosto de 2021 as 11:47

    Eleições presidenciais segunda volta depois do fim do mandato do Evaristo como assim? Qual é o plano da nova maioria? Deixa estar vocês do MLSTP no dia 5 de Setembro gente conversa povo não é bôbo não é.

  6. Madiba

    18 de Agosto de 2021 as 11:49

    E se fosse um governo do ADI a ter esses comportamentos? Qual seria a atitude dos restantes políticos? Afinal em S. Tomé e Príncipe, os políticos são sempre ditadores quando estão no poder? Então, o que mudou com partida de Patrice Trovoada?

  7. VAI+TU

    18 de Agosto de 2021 as 12:30

    O que é que está previsto na Constituição sobre o vazio Presidencial.
    Não está ausente, não está doente, não precisa de ser substituído.
    Por outro lado não é substituir é nomear um Presidente. Com que poderes?

  8. WXYZ

    18 de Agosto de 2021 as 13:24

    Devemos estar preparados porque a crise pós apurramento dos resultados será maior e um tanto a quanto inevitável

  9. jiculumesso

    18 de Agosto de 2021 as 15:37

    Que atraso na entrega dos boletins de voto? A cooperação portuguesa já fez publicar na pagina da Embaixada de Portugal que os boletins de voto-ofertados- chegam dia 21 a São Tomé. 8 dias com boletim já cá não chega para realizar a segunda volta? Mente bem!

  10. Maria Alberta

    18 de Agosto de 2021 as 15:46

    Pois o Delfim queria caos e conseguiu implantar o caos. Perdeu as eleições e queria ganhar na secretaria.
    O Jorge Bom Jesus que anda pegado no rabo da saia do Delfim tem estado a seguir o mesmo como se fosse o seu Deus. O Jorge tem medo de criticar o Delfim pelas besteiras que tem estado a fazer , porque tem medo que o Delfim não lhe tire a toalha e ele fique sem o seu emprego de primeiro ministro.
    Agora, espero que no dia 3, o Presidente Evaristo saiba dar uma lição forte ao tal Delfim Canábis.
    Quando se deslocar ao Palácio para ocupar interinamente a presidência, que ponha os militares atrás do mesmo, com umas fortes chicotadas para que ele tome juízo.
    O homem já disse que no dia 3 ele não vai abrir as mãos. Quero ver se abre ou se não abre. Isto é a gleba dele que ele vendeu a cabra e comprou.
    Falta de Respeito

  11. pumbu

    19 de Agosto de 2021 as 4:31

    Delfim ganancioso. Comprometido criminalmente. Vai ter problemas sérios de saúde, com perseguiçāo de traficantes e criminosos. Já perdeu tesão.. .

  12. Célio Afonso

    19 de Agosto de 2021 as 8:40

    Os políticos que se entendam.
    O país está um autêntico barril de pólvora que pode explodir a qualquer momento e com consequências imprevisíveis.
    Se houver derrame de sangue, a culpa é dos políticos oportunistas, corruptos, bandidos, traficantes…

  13. manuel

    19 de Agosto de 2021 as 11:30

    Nossos políticos gostam mesmo de gerar conflitos. dia 29 foi uma data prevista pela CEN e a eleição podia muito bem ser realizada caso houvesse bom censo dos politiqueiro feito de políticos para evitar essa situação reinante? Porquê que a eleição não poderia ser feita num dia de semana? Isso não iria paralisar o país , porque o país ja está paraliso e adiado. Senhores politiqueiros mais uma vez, pensem no país e não nos seus interesses particulares e obscuros

  14. Egoístas

    19 de Agosto de 2021 as 18:51

    Desta vez vamos meter Delfim Neves na cadeia, quem viver verá.

    até dia 5 Setembro podes fazer o que quiseres Srº Delfim Neves, o teu dia depois de 5 de setembro será um inferno, ladrão grande corrupto.

    • Vanplega

      19 de Agosto de 2021 as 20:38

      Cm foi Patrice TROVOADA e os seus comparsas, que hoje lytham para ser poder

      Voçês( povo) ainda vāo chorar

      Quem viver verá

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo