Sociedade

 TVS proibida de gravar comunicação do PR – ANDIM é que tem direito

A equipa de reportagem, da Televisão Pública de São Tomé e Príncipe(TVS), que se deslocou esta terça feira ao Palácio Presidencial, para dar cobertura à comunicação do Presidente da República à nação, acabou por ser impedida de gravar a comunicação do Chefe de Estado.

O Téla Nón apurou junto aos jornalistas que estavam no Palácio do Povo, que a assessoria de imprensa do Presidente da República, deu ordens a equipa de reportagem da TVS, que se ausentasse.

Tudo porque a ANDIM(uma televisão privada disponível no facebook, e pertencente ao militante da ADI e ex-Ministro da Educação Olinto Daio), iria fornecer à Televisão Pública, o conteúdo da comunicação do Presidente da República à Nação.

Sentimento de humilhação tomou conta de alguns profissionais da Televisão Pública, que mesmo assim tiveram que submeter-se ao direito adquirido pela ANDIM, e publicar o conteúdo da comunicação do Presidente da República fornecido pela Televisão Privada das redes sociais.

Abel Veiga

    22 comentários

22 comentários

  1. Madredeus.igreja

    9 de Abril de 2019 as 21:54

    Senhor Presidente, a TVs é estatal
    O dono é o povo, porquê que é excluído?

    O Senhor é pai ou padrasto? Há uns padrastos que valem mais que pai

    Tás desagradado por teus amigos andarem a comer armitas? Agora, se eles roubaram 47 milhões do povo de São Tomé e Príncipe

    Hospital central, está a pedir socorro, clama por 17 milhões

    Boca come, ocu paga presidente.

  2. Tenor

    9 de Abril de 2019 as 22:04

    O Presidente tem razão. Já começou a censura. Este governo é pior do que aquele que foi do ADI. Fui

    • J. Sequeira

      10 de Abril de 2019 as 10:52

      Você deve estar a ver o filme ao contrário ou então deve pensar que toda a população tem telefone ou computador para ver as noticias no facebook.
      Aquilo que os jornalistas deviam de fazer era ignorar a agenda politica do presidente até o mesmo se retratar.
      Em todos os países do mundo que tem Televisão Publica, a mesma tem prioridade na divulgação das noticias em relação ao governo.

  3. Sankara

    9 de Abril de 2019 as 22:24

    Esto de dar a Andim a exclusiva é um delito de pevaricaçáo. O PR esta a facilitar o negocio a uma empressa privada em detrimento de medios de comunicação publicos. Cometeu prevaricação.

  4. José Bastos Fonseca

    9 de Abril de 2019 as 22:50

    Não acredito que isto tenha acontecido.
    Só pode ser brincadeira porque a ser verdade, é muito grave um Presidente da República ter esta posição.

  5. pascoal carvalho

    10 de Abril de 2019 as 0:35

    Tudo sendo possível, é de todo conveniente ser a própria TVS a apresentar repudia, pelo sucedido, para que não haja maus entendidos nem injúrias ou difamações.

  6. Eu sou a mensagem

    10 de Abril de 2019 as 7:12

    Lamentável. Veja em que ponto chegou esse presidente da República. Nunca vi em STP uma coisa dessa. Uma estação de televisão pública a ser rejeitada por um presidente da República dando preferência a uma televisão privada. Devia ele ter vergonha e não tem. Falta de respeito. Qual é o exemplo que transmite ao povo? Estamos a regredir nos tempos. Vejam só para o sentimento de divisão e exclusão que este presidente da República transmite ao país. Infelizmente, é o presidente que temos. Tristeza
    Um bem haja
    Deus abençoe STP

  7. Paulo Cruz

    10 de Abril de 2019 as 8:11

    A TVS, nem sequer devia passar o comunicado do PR. É uma grande falta de respeito e destrato o que foi feito a TVS.

    A TVS, hoje é um órgão plural. Passam tudo. O ADI e os seus capangas têm tempo de Antena a fartura. Olham o tempo de Antena que deram ao Agostinho Fernandes para expor os seus motivos de se apresentar a liderança do ADI. Cerca de 25 minutos. No tempo do Governo do ADI, isto era impensavel.
    Escoraçar a TVS, num espaço público/Estatal é para além de ignorância, é crime e deve ser punido, quer nas urnas quer lá onde for.

  8. tvsbobo

    10 de Abril de 2019 as 8:38

    Se a TVS foi claramente impedida de gravar a conferencia de imprensa, porque razão tanto a TVS como outros órgãos de comunicação estatal transmitiram tal notícia?
    Diante desta humilhação, jamais este presidente deveria ter a sua disposição os orgãos de Comunicação Social Estatal, até que o mesmo pedisse publicamente, desculpas por tal conduta.
    Eh, e depois os fanaticos Adistas vão dizer que é perseguição, e não notarão que no fundo este PR perdeu todo o respeito que devia receber.

  9. luisó

    10 de Abril de 2019 as 8:39

    Ao ponto que isto chegou…..cada um faz o que quer no seu quintal.

  10. Ai

    10 de Abril de 2019 as 8:42

    Presidente de sao tome e principe, quer vira igual a presindente Maduro sa Venezuela!??

  11. Tristeza

    10 de Abril de 2019 as 9:03

    Nao tinham obrigacao de publicar qualquer declaracao do Presidente porque sabemos que a unica televisao publica é a TVS e nao uma televisao privada e sensacioalista. Nem tao pouco poderiam garatir a veracidade daquelas imagens, ainda mais num contexto em que esta o país. Fuiiiii

  12. jordão fernandes

    10 de Abril de 2019 as 9:15

    TVS foi proibida de fazer a cobertura da conferencia do Presidente e reclamou.
    No entanto, ontem no noticiário, o advogado Adelino Pereira estava a dar explicações sobre o dito 17 milhões de Kuwait e vocês cortaram logo de seguida. Porque é que não deixaram o homem explicar o que está a acontecer. Será assim a democracia da TVS?
    Assim não vamos a lado nenhum. Estamos a semear apenas ódio e teremos que ter cuidado pois o nosso país é muito pequeno para tanto ódio e rancor.
    Bem haja STP

  13. Vedé

    10 de Abril de 2019 as 9:19

    Aos jornalistas da TVS, gostaria de desejá-los muita coragem. Continuem a fazer o vosso trabalho. Já que foram rejeitados não se preocupem ou melhor preocupem com notícias mais interessantes que o combate aos corruptos. Além disso, esse discurso está cheio de virus, ia dar cabo dos vossos equipamentos.

  14. EX

    10 de Abril de 2019 as 11:15

    A Direção da TVS deve apresentar uma queixa ao Conselho Superior e ao Tribunal e Procuradoria.

  15. Fusoê

    10 de Abril de 2019 as 13:41

    Bobo do presidente bobo.

  16. Dr. António Tavares

    10 de Abril de 2019 as 14:25

    O país está à beilira de explosão, se não houver o bom senso!
    Ao excluir (ou sansionar) a Televisão Pública de São Tomé, da intervenção pública do chef de Estado santomense é indício de que a situação é grave! E o Senhor Presidente tem “rabo de.palha” ou algo de cumplicidade com o antigo governo e se assim é os deputados, representantes do povo, têm que saber e tomar as devidas providências cautelares!
    O “Empichement” ou o impidimento do cargo votado pelos representantes do povo e com o apoio popular!
    Há que banir a corrupção da nossa sociedade africana! E o senhor presidente devia congratular-se com o empenho das forças de ordem, segurança e proteção da “COISA PÚBLICA”!

  17. w

    11 de Abril de 2019 as 9:30

    hum!!!

  18. Jango- homem da terra

    11 de Abril de 2019 as 11:03

    Se este senhor continuar assim temos que rever a constituição no facto de impugnação
    deste presidente da república uma vez que queroassim desta forma ajudar aos seus sócios. n+os devemos fazer recordar ao senhore Evaristo carvalho de que ele foi contratado plelo povo para trabalhar para este país e nãopara um grupo de pessoas e partido que lhe diz pessoalmente respeito.
    Chega sr. Presidente da república AdI já nãoestá no pode e já +e tempo dereconhecer isso e dar início ao trabalho para o bem estar do nossopequeno e lindo país.
    Todosos ladrões devem ser detidos e os fundos roubados reembolsados.

  19. folha seca

    11 de Abril de 2019 as 11:14

    Foi bom a TVS ter passado embora ter sido proibida pelo Presidente. A TVS fez saber ao presidente que é a televisão pública estatal de S.Tomé e Principe. Isto de presidente mandar impedir a TVS é um mal menor O trump fez a mesma coisa ao Canal CNN. Que fazer?

  20. Zani

    11 de Abril de 2019 as 13:58

    Esse país nunca que deveria ter sido descolonizado!
    É só desordem! Indisciplina! Roubalheira só!

  21. Olivio

    11 de Abril de 2019 as 16:31

    Este Presidente é mais uma banana que o Pais tem STP está entregue à bicharada, muita pena o um Sr.deste se comportou desta maneira baixa

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo