Suplemento

Manipulação informativa – Análise

MANIPULAÇÃO INFORMATIVA – “Relatório dos EUA destaca violência doméstica e das autoridades em São Tomé e Príncipe” – O relatório é de  2018, não de atualmente – Noticia omite  o essencial – Patrice Trovoada, dispõe de bons apoios na media em Portugal para o promoverem e branquearem os seus crimes 

Jorge Trabulo Marques – Jornalista  — PATRICE TROVOADA –  Empresário misterioso TEM MUITO PESO NA MEDIA EM PORTUGAL – LEIA EXCERTOS DO RELATÓRIOS MAIS DESENVOLVIDOS E DOCUMENTADOS NA MINHA POSTAGEM ANTERIORhttp://www.odisseiasnosmares.com/2019/03/relatorio-dos-direitos-humanos-2018-de.html

A LUSA divulga o  Relatório dos EUA, mas não diz o ano, que é 2018, cuja fonte nós traduzimos e  publicamos – Ao dizer: Uso excessivo da força, mortes provocadas pelas autoridades e a violência doméstica são os problemas que São Tomé e Príncipe enfrenta atualmente a nível dos direitos humanos, está a  dar a entender que o relatório se refere à situação atual – Ora isso é uma manipulação grosseira.  Muitos dos casos apontados, tão enraizados estão, que dificilmente se poderão mudar com um novo governo. Mas seja, como for, a  noticia não responde a uma das mais elementares normas do jornalismo: como e quando?

O Governo de Jorge Bom Jesus, tomou posse, tal como a LUSA divulgou, no dia 3 de Dezembro, ou seja,  no último mês do ano: https://24.sapo.pt/noticias/internacional/artigo/governo-da-sao-tome-liderado-por-jorge-bom-jesus-toma-hoje-posse_25223235.html

    5 comentários

5 comentários

  1. Rapaz de reboque

    15 de Março de 2019 as 19:52

    Este Jorge sonha com o pinta cabra so fala naquela peste

  2. Nuno Soares

    16 de Março de 2019 as 0:23

    Caro Jorge,
    Leio sempre com muita atenção tudo o que escreve e embora nem sempre o consiga acompanhar, tenho-o em grande consideração. Pelo menos, parece um homem sério e honesto.

    Gostaria que se pronunciasse em relação à atuação do presidente do STJ e do Conselho Superior da Magistratura em relação ao concurso para juizes.
    Ele indicou para membro do Júri pessoas impedidas de fazer esse papel. Para se ser júri de um concurso com essa importância para o país, é preciso ser probo, honesto e acima de qualquer suspeita.
    As pessoas que lá estão não preenchem tais requisitos.

    O presidente do júri, é amigo muito próximo de 2 candidatos que se apresentaram à prova. Qual é o grau de transparência desse concurso? Um dos candidatos será mesmo seu familiar.

    Outra questão…
    Os membros do júri afastados já no último momento, já conheciam as provas e são pais e tios dos candidatos. Isso é certo?
    Isso é uma grande promiscuidade.

    A situação da justiça está pior do que há 3 meses atrás.
    Obrigado

  3. Amante Garrida

    17 de Março de 2019 as 21:19

    O Senhora Jorge Tabulo
    Tendo em conta que o senhor Patricio não aceitou a proposta do romance que a senhora tinha feito para ele não pode dar azo a tanto ódio
    Tenha a vergonha na puta da cara
    Devias preocupar mais com o teu país do que o país dos outros falkando sempre a babuzeira.
    Tenha vergonha na cara minha senhora

    • Rapaz de reboque

      18 de Março de 2019 as 17:50

      Ele queria comer o Pinta Cabra?

    • Rapaz de reboque

      18 de Março de 2019 as 18:10

      O problema deste senhor é que muotos parasitas dão-lhe muita atenção

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo