Política

Chefe de Estado Maior das Forças Armadas caiu

O Brigadeiro Felisberto Maria Segundo, Primeiro Chefe de Estado-maior da história das Forças Armadas de São Tomé e Príncipe, decidiu abandonar o cargo. A insubordinação que tomou conta do quartel-general na passada segunda-feira, fez cair o brigadeiro que deixou de ter voz de mando sobre as tropas.

A queda do brigadeiro Felisberto Maria Segundo, está plasmada no comunicado do Conselho Superior da Defesa Nacional, que foi lido na noite de quinta – feira pelo Coronel João Bexigas, na qualidade de secretário do Conselho Superior da Defesa Nacional. «O conselho Superior de Defesa Nacional, tomou conhecimento da decisão do Chefe de Estado Maior das Forças Armadas o senhor brigadeiro Felisberto Maria Segundo, de colocar o seu cargo a disposição face aos últimos acontecimentos ocorridos no quartel-general das forças armadas», anunciou o Conselho Superior da Defesa Nacional.

O brigadeiro Felisberto Maria Segundo, que tem como alcunha “Jacá”,  foi nomeado pelo Governo de Patrice Trovoada, como o primeiro Chefe de Estado Maior da história das Forças Armadas de São Tomé e Príncipe em Agosto do ano 2012.  Fruto da reforma da instituição militar que criou pela primeira vez dois ramos distintos. O exército e a guarda costeira.

Felisberto Maria Segundo, cai do cargo de Chefe de Estado Maior das Forças Armadas, devido as turbulências que sacudiram o quartel-general na passada segunda – feira em que os militares do exército recusaram honras ao Presidente da República.

O Conselho Superior da Defesa Nacional, já deliberou no sentido do Governo, avançar com a substituição do Chefe de Estado-maior demissionário e a respectiva cadeia de comando. « O Conselho insta as instâncias competentes a adoptarem as medidas que se impõem com vista a proceder as substituições no Estado Maior que se mostrarem necessárias», concluiu o Conselho Superior da Defesa Nacional.

Abel Veiga

    41 comentários

41 comentários

  1. zeme Almeida

    14 de Fevereiro de 2014 as 1:57

    O exercito é como uma equipa de futebol, quem tem a cabeca ao prémio é o treinador!Eu acredito que o treinador perdeu a margem de manobra perante os seus jogagadores e preferiu afastar-se, porque sem ovos nao se omeletes.

    • Magalhães

      14 de Fevereiro de 2014 as 14:36

      Eu já sabia que corda iria cortar no lugar mais podre. Pena muitos pagarem pelas incopetencias dos governantes dessa terra.
      Pagou Comissario Samuel, agora paga o Brigadeiro Felisberto.

    • Magalhães

      14 de Fevereiro de 2014 as 14:38

      Antes do brigadeiro, existe presidente da republica e ministro do defesa. Porquê que outros manteram???????????????????????????????????????? Se tb não os respeitam?

  2. Eu também sou filho da terra

    14 de Fevereiro de 2014 as 3:19

    O brigadeiro demissionário Felisberto Maria (Jacá)aparenta já ter idade sufuciente para se reformar. A sua decisão de colocar o seu cargo a disposição é acertada. Assim, irá gozar o resto da vida em paz e evitará suspeitas sobre o governo que então o nomeou.

    • lupuye

      14 de Fevereiro de 2014 as 10:17

      O que e que alguns santomenses tem contra os “velhos”? Acham que o pais so deve ser dirigido pelos novos? Estes geralmente sao inesperientes e cometem muitos erros ate que se encham de experiencia. Tem que haver uma mistura dos dois para que se encontre uma plataforma comum e um desenvolvimento estavel. E vcs que hoje sao jovens nao se esquecam que a velhice vem ai. Gostariam de serem considerados como trapos? E pena o desrespeito que essa sociedade apresenta hoje em relacao aos mais velhos! Guada, kua ska bi.

      • Lupuye

        14 de Fevereiro de 2014 as 12:44

        inexperientes em vez de “inesperientes”. Obrigado

  3. 3 Macucu

    14 de Fevereiro de 2014 as 7:13

    Muita confiança ,fas fiança para bons entendidos

  4. Le di Alami

    14 de Fevereiro de 2014 as 7:41

    Seja la qual for a historia, o importante e resolver o mais rapido possivel, alguns dizerm que sao tome nao precisa de ter forcas armadas, errado, todo pais deve dispoe de condicoes nem que seja minima pra defender ao menos as Ilhas, ja que STP Patriotismo acabou, e Tb e certo que pelos os vistos, dinheiro ja corre no quartel, mesmo dinheiro sujo, que pena a minha Terra.

  5. MÉ SOLO

    14 de Fevereiro de 2014 as 8:06

    Meus Parabéns Srº Brigadeiro, o Srº fez a diferença contrariamente de muitos que ficam amarrados ao TACHO. O Srº Brigadeiro saiu em grande não esperou que o demitissem. Espero que a sua atitude sirva para muitos dirigentes do nosso país. Quando em casa falta pão, falta água, etc, é o chefe de família que é chamado a responsabilidade.

  6. Põe boca não tira

    14 de Fevereiro de 2014 as 8:07

    Pelo menos o Jacá tem bom senso e reconhence quando é momento certo pra deixar o barco e sair de cabeça erguida…..ja o ministro co Comércio “Demostines”, este vai vivendo e convivendo com a corrupção até forder este país….seja feita a vontade de Deus……parabens Jacá ……

  7. Mria Madre Deus

    14 de Fevereiro de 2014 as 8:09

    Não se constrói a paz sobre injustiças. A paz que se preconiza, haver vamos.

  8. arroz podre

    14 de Fevereiro de 2014 as 9:01

    O sr.Felisberto Maria mostrou ser um homem de bem, a por o cargo a disposição. Assim é que deríamos fazer, quando as coisas vão mal, não atirar culpas à outros.
    O Sr ministro da Defesa deveria fazer o mesmo e não agarrar o tacho com as duas mãos mais os dentes.
    Não vão colocar pessoas amigas neste cargo, mas sim, competentes.

  9. soldado 126/80

    14 de Fevereiro de 2014 as 9:02

    a redactor do tela nom
    meu caro antes de escrever tens que investigar pq so assimn se faz bom jornalismo. o paragrafo onde diz 1º estado maior na historia de STP não corresponde a verdade,capitao raul waguer Bragança neto CEMG FARSTP nos 80, Joao quaresma bexiga 1º tenente CEMGAdj

  10. Eterno Madiba

    14 de Fevereiro de 2014 as 9:20

    Fez ele muito bem!

  11. Terra mãe

    14 de Fevereiro de 2014 as 9:30

    Aleluia e gloria a Deus, pela libertação das FASTP, do “Comandante” de nuvens negras.
    Que Santo Tomé poderoso dê sabedoria e inteligencia infinita, orientando os decisores no processo de constituição de novo e verdadeiro Comando, porque sei que é uma tarefa muito muito muito dificil uma vez as forças estão partidarizadas, estão viciadas e pior, está perdendo aquilo eu considerava ser a única organização modelo no país que ainda conservava a DISCIPLINA.

    Um dos maiores serviços de segurança k o país já teve, foi desmantelado ao belo prazer por um dos maiores malandros k o país TEM e conserva, por ver SEU interesse “obscuros” ameaçado. E pelo filme que vê, parece ser um prenuncio e demonstra que sobrenome TROVOADA não é nada bom para um país como nosso “ilhas volvanicas”!

    Que nos acuda e Bem haja São Tomé e Príncipe!

    • tlabâ sâ lenço

      16 de Fevereiro de 2014 as 9:11

      familia pinto é que é bom pra s.tomé, sº estupido.!!!!!!

  12. HT

    14 de Fevereiro de 2014 as 9:55

    O governo terá que encontrar saída para resolução de alguns problemas, principalmente relacionado com salário, os governantes continuam a viver em grande e povo na miséria acho que uma das forma é contenção de despesas os carros de estado continuam atoa, diminuir gastos com telefones, viagens e apostarem seriamente na recuperação das roças etc. o estado precisa ganhar dinheiro…

  13. Praça 82

    14 de Fevereiro de 2014 as 10:19

    …”de colocar o seu cargo a disposição”!!! Kikikiki????
    -1 caos.

  14. BOBWABO

    14 de Fevereiro de 2014 as 10:23

    Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, Pai das misericórdias e Deus de toda consolação, que nos consola em todas as nossas tribulações, para que, com a consolação que recebemos de Deus, possamos consolar os que estão passando por tribulações. Pois assim como os sofrimentos de Cristo transbordam sobre nós, também por meio de Cristo transborda a nossa consolação. Se somos atribulados, é para consolação e salvação de vocês; se somos consolados, é para consolação de vocês, a qual dá paciência para suportarem os mesmos sofrimentos que nós estamos padecendo. E a nossa esperança em relação a vocês está firme, porque sabemos que, da mesma forma que vocês participam dos nossos sofrimentos, participam também da nossa Conso Portanto, se alguém está em Cristo, é nova criação. As coisas antigas já passaram; eis que surgiram coisas novas!
    2 Coríntios 5:17lação.

  15. a honra

    14 de Fevereiro de 2014 as 10:36

    Naturalmente, não se esperava outra coisa. Ou era ele o responsável pela rebelião e tinha que ser posto fora ou então não foi capaz de a controlar e também isso é motivo para ser posto fora. A cadeia de comando, na instituição militar tem que funcionar sempre e, ao contrário do que se passa noutros meios, quem está acima é mesmo o mais responsável não pode arranjar bodes expiatórios. Deve haver mais meia dúzia de insubordinados colocados mais abaixo na hierarquia mas isso já é um problema para a nova chefia resolver. Os órgãos de poder da democracia não tratam de outros nem com outros que não o chefe máximo que deve responder perante os representantes do povo. O próximo chefe tema espinhosa missão de voltar a colocar a tropa em sentido e mostrar que no meio militar a coisa não pode deixar de funcionar e nunca colocar a razão de ser da instituição em causa.

  16. Flá von von

    14 de Fevereiro de 2014 as 10:52

    Militares nao podem fazer politica, o Ministro da tutela deve tambem abandonar o cargo. Falta de capacidade de gerir uma situaçao delicada.

  17. Luis Alberto Contreiras

    14 de Fevereiro de 2014 as 11:30

    É apenas para corrigir. Felisberto Segundo não é O primeiro chefe do estado maior na história das nossas forças armadas. Até 1992, sempre houve um chefe do estado maior das forças armadas.
    Quem acabou com o estado maior da força armada, foi o Miguel Trovoada.
    O Felisberto Segundo é sim o primeiro brigadeiro na história de S.T.P.

  18. Camarada

    14 de Fevereiro de 2014 as 11:31

    STP nao precisa de coronel nem brigadeiro esses oficais tem que ser bem pagos e quando o estado nao lhes pagam devidamente o resultado e esse .Ha 33 anos a tras estive eu na tropa e a patente mas alta era capitao e era cerca de 3 ou 4 a estrutura militar era bem organizada e nenhum militar desobedecia as ordens da chefia, hoje o pais esta tao desorganizado que nada funciona por falta de capacidade dos nossos dirigentes.Sera que e preciso concurso poblica para escolher ministro capazes de governar?

  19. Camarada

    14 de Fevereiro de 2014 as 11:33

    publico

  20. Rubem Margoso

    14 de Fevereiro de 2014 as 11:35

    O sr.Felisbero Maria teve boa atitude de colocar o seu cargo a disposição, isto é que devemos fazer quando as coisas vão mal.
    O sr. ministro da Defesa deveria fazer o mesmo e não agarrar o tacho com as duas mãos e com dentes.
    O comandante do exército deveria ser o 1º. a colocar o cargo a disposição, mas são os mesmos que não se demitem.
    Por favor não coloquem amigos neste posto, mas pessoa competente.

    • R.T

      14 de Fevereiro de 2014 as 12:13

      Ele não deveria colocar a disposição. Deveria ser automaticamente corrido da instituição que dirige. Não se admite que um chefe de estado maior das F.A seja aliciado por um político, para fazer o que ele fez contra o presidente da república de um país.
      Isto é uma autêntica irresponsabilidade. O nome das F.A ficou manchado com o comportamento deste senhor.
      As F.A não podem ter na sua hierarquia gente que presta este serviço aos políticos. Só criou instabilidade política e social com todas as consequências negativas para o bom nome do nosso país.

      Tenho dito.

    • conobia cumé izé

      14 de Fevereiro de 2014 as 13:38

      Com poder não se brinca !!!… RDM falou e falará mais alto ! Quem com o fogo brinca, com o fogo se queima…Fui

  21. malebobo

    14 de Fevereiro de 2014 as 13:03

    o que o ministro da defesa está a espera, deveria seguir o exemplo do sr. Felisberto maria

  22. zeme Almeida

    14 de Fevereiro de 2014 as 13:07

    Já comecam a procura de bodes expiatorios destes desmandos dos militares!Quem fez as promessas de resolver os graves problemas que veem enfermando STP?Preciso de respostas!É triste ouvir pessoas com prepositos de atingir pessoas que nao teem nada a haver com o que passou no Quartel General das forcas armadas de STP.Está claro nestas noticias que a recusa dos militares de nao prestarem ao presidente da republica foi devido as renumeracoes que este governo havia prometido e nao cumpriu!Se nao se tem pra dar,excuse andar por ali fazendo promessas e que as mentiras teem pernas curtas?Quais as diferencias que existem entre os militares entre um cidadao comum?As diferencas que existem sao{RDM} no exercito em casos de {GUERRAS}EM OS MILITARES SAO OBRIGADOS A ACATAREM AS ORDENS DO CHEFE.O que se passa nao é nada disto,mas sim,fizeram suar as vozes para quem é do direito!Eles sao cidadaos normais como um outro qualquer,como se diz, um saco vazio nao fica de pé.Porque nao reclamar os seus direitos como humanos como um outro qualquer!Um militar nao alimenta das armas,sao pais de familias tambem precisam de garantir os seus bens estar e dos proximos.Porque nao fazerem greves, para ouvirem os descontentamento!Muitos dizem ali que STP nao precisa de ter forcas armardas{militares},fala-se tanto sem saber do que estao a falar só de boca pra fora.Se STP for invadido por quaquer país,iremos pedir ajudas a Angola?Muito triste mesmo, ouvir pessoas neste espaco de comentários, que só pensam em sí e os seus familiares,os outros que se lixem.Viva RDSTP

  23. Rubem Teixeira

    14 de Fevereiro de 2014 as 13:10

    Que bondega bondegada não é solução aparente.

  24. JOAO ALMEIDA

    14 de Fevereiro de 2014 as 14:24

    Fico satisfeito por saber q a minha terra tem apesar de tudo algumas pessoas responsaveis , humildes e sérias. Esse brigadeiro é o exemplo de quem tem vergonha e orgulho proprio. Aquele tal de Demostines e outros corruptos como ele deveria aprender a ter vergonha.A lias q politico em sao tomé nao é corrupto? Estao de tal forma mascarrados q ja perderam as estribeiras. Q DEUS castigue aqueles q fazem sofrer aquele maravilhoso povo. PARABENS SENHOR BRIGADEIRO. UM BEM HAJA.

  25. rapaz de riboque

    14 de Fevereiro de 2014 as 16:33

    neste pais tudo acontece um pais tão pequeno com tantos generais, coronéis , brigadeiros etc. etc, porque o serviço militar ainda é obrigatório nesta terra devia ser para voluntários e em numero reduzido investem mais em militares do que em ensino e na segurança publica

    • Tela doxi

      15 de Fevereiro de 2014 as 8:33

      concordo pleinamente, e gastam tanto dinheiro com arendamento de gabinite, em caue familias precisando e nao so ….

  26. luisó

    14 de Fevereiro de 2014 as 17:15

    Honra lhe seja feita, porque após o que se passou pôs o seu lugar à disposição e assumiu assim para si as responsabilidades pelos actos dos seus comandados, é de Homem e é de Comandante.
    Agora meus amigos, a culpa não deve morrer solteira.
    Se foi assim tão grave todos devem tirar ilações e então na cadeia hierárquica há mais gente, desde o topo até ao mais simples do graduado que deu ou impediu as ordens para sair e fazer a guarda de honra.
    Numa instituição hierarquizada como as forças armadas é assim que deve funcionar.
    A corda partiu neste caso só por um lado.

  27. Tela doxi

    15 de Fevereiro de 2014 as 8:21

    esse gabinete de chefe de estado maior è so pra gastar dinheiro e criar vadios nao fazem nada

  28. Ou vai ou racha

    15 de Fevereiro de 2014 as 9:27

    O que mais pode-se esperar?! Militares não prestam honras ao presidente; Polícias fazem tiros ao lado do Palácio e não acatam ordem do Juiz;Presidente não acata ordem do Juiz e indulta os comandantes dos navios para dias depois os barcos petroleiros propriedade do Estado santomense desaparecem das nossas águas numas negociações que até o dias de hoje o povo quase nada sobre este assunto. sobre valores negociados da venda do combustível que estavam nos navios nem rasto deles se viu(foi para contas do pinto e gabriel costa).10% dos tribunais nada.Ministro paga salários de chefias a sua mulher e outros que nada fazem para o estado.Outros criam empresa ligados a área de sua responsabilidade para comer dinheiro do estado. Um cai outros andam por aí bem perto de presidente e do 1ºministro como se nada se passasse. Ministro sorrateiramente continua a permitir que arroz podre continua a ser vendido ao povo, porque o importador é gente do seu partido, etc. etc…e nesta faze nenhum derigente não fará mais nada para este País é só roubar. Se dependesse de mim Angola não enviar nada para São Tomé, porque esse gajos vão comer todo esse dinheiro e o povo não verá nada. Nunca se viu tanta corrupção numa legislatura de pouco mais de um ano. Os Tipos não estão a fazer nada para o Povo, só estão a roubar que até um cego vê. Tudo isto devido pinto da costa.

  29. STP

    15 de Fevereiro de 2014 as 14:53

    Bem ele fez o papel dele, é nesse momento quando o circo fecha.

  30. Descontente com os politicos

    15 de Fevereiro de 2014 as 17:30

    Um HOMEM sério. Em STP com tanta lama, tanta sugeira, existem homens de bem.
    Mas o Sr. fez o seu papel, mas os politicos que gerem o Pais, como fica? As mudanças, senhores politicos não vão resolver o problema. Os politicos sim, esses é que têm de sair.
    Muito obrigado SR BRIGADEIRO pela postura, é um verdadeiro MILITAR e santomense.
    Um bom exemplo de HOMEM de Estado. Senhores politicos aprendam com os mais velhos e homens sérios.
    As condições para os militares não saiem da mão do Sr Brigadeiro.

  31. paparazzi

    16 de Fevereiro de 2014 as 17:04

    A situação é grave que medidas duras deverão ser tomadas para evitar o pior brevemente. Reestruturação das forças armada e fazer cumprir a disciplina militar.os militares juram a bandeira juram fidelidade à pátria e ao comandante em chefe.ao não fazer presente a guarda de honra ao comandante em chefe todos devem ser punidos por ter obedecido ordens de insubordinação contra cdte em chefe

  32. marco silva

    17 de Fevereiro de 2014 as 10:05

    bonito, meu STP, sejamos justos e conscientes, por favor sr presidente da república, sr primeiro ministro e outros demitam o ministrro da defesa, comandante do exército, comandante geral da polícia nacional e o ministro do turismo, comércio e indústria, este último por corrupção, burla e compadrio

  33. marco silva

    17 de Fevereiro de 2014 as 10:07

    por favor reestruturem e redimensonem o exército e paguem os sargentos e dê melhor condições de vida e social a todos militares e polícias

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo