00 239 - 9906263 contact@telanon.info

Get Adobe Flash player

“Economia Angolana não estagnou”

A Jornalista Carolina Barros a partir de Luanda – Angola, enviou para o Téla Nón um despacho que reflecte a recente comunicação do Presidente José Eduardo dos Santos à Nação. A situação económica e financeira de Angola é o ponto central da reportagem. Doravante 3 vezes por semana, a jornalista Carolina Barros estará presente no Téla Nón com relatos sobre o dia a dia da República de Angola.

Presidente angolano fala a nação na abertura do ano legislativo

Economia Angolana não estagnou

Num momento em que o país procura reestruturar-se da baixa do preço do combustível, conseguir novas fontes de receitas para o PIB, o presidente da República, José Eduardo dos Santos (JES), falou hoje para os angolanos.

JES começou por reconhecer que, “a economia angolana perdeu a força com que estava a caminhar até há um ano mas, não parou. Encontramo-nos apenas num momento mais lento”. Ainda este ano, o executivo teve já duas revisões, em baixa, no Orçamento Geral do Estado para 2016.

Porém, muitas são às críticas em torno do processo de diversificação da economia angolana, focado, estrategicamente, na agricultura. Neste ponto e, recorrendo aos factos históricos, o presidente lembrou que “até 2002 muitos eram os campos minados que o país registava. Logo, não poderíamos cultivar sem desminar os campos e melhorar as vias de acesso entre outras componentes que facilitariam o desenvolvimento desta actividade. Começamos o processo do zero” justificou.

jesTodavia, os investimentos em projectos focados na melhoria das condições de vida da população estão a ser feitos, segundo o estadista, mas de forma prioritária e faseada. Em sectores como; Habitação, vias de acesso, distribuição de energia e água.

Desde abertura da III legislatura (2012 – 2017), conforme consagra a constituição angolana, este exercício de análise e esclarecimento sobre o estado da nação, pelo Presidente da República, constitui um acto político e democrático. O certo é que, os angolanos esperavam mais, olhando para a conjuntura actual e os inúmeros problemas que afligem a população.

Carolina Barros – Correspondente do Jornal Téla Nón em Angola 

Notícias relacionadas

  1. img
    luisó Responder

    Pior do que um cego é aquele que não quer ver……

  2. img
    zagaia Responder

    País irmão, com todas as condições para competir com outras super economias africanas(África do Sul,Nigéria, etc) o problema está que após a guerra, esse líder não foi capaz de criar políticas de desenvolvimento nacional de forma a economia Angolana captar investimentos nacionais ou estrangeiros directos com valor acrescentado com fim para exportação e mercado nacional, de forma a não depender só de petróleo bruto.
    Não se percebe, sendo um país dessa dimensão,tantos anos a extrair o crude, como é possível não criar sinergias de forma a acrescentar valor ao crude e aproveitar para se industrializar,criar mais empregos e aumentar
    Aonde está o economista conselheiro do sr. engenheiro EDUARDO DOS SANTOS?????

  3. img
    zagaia Responder

    País irmão, com todas as condições para competir com outras super economias africanas(África do Sul,Nigéria, etc)e outros países fora do continente. O problema está que após a guerra, esse líder não foi capaz de criar políticas de desenvolvimento nacional para a economia Angolana captar investimentos nacionais ou estrangeiros directos com valor acrescentado com fim para exportação e mercado nacional, de forma a não depender só de crude.
    Não se percebe, sendo um país dessa dimensão,tantos anos a extrair o crude, como é possível não criar sinergias de forma a acrescentar valor ao crude e aproveitar para se industrializar,criar mais empregos e diminuir a pobreza.
    Os analistas económicos já previam essa recessão económica,a riqueza concentrada numa matéria prima muita procurada, sujeita a grandes flutuação de preços nos mercados internacionais,o que que estavam a espera???? Ainda por cima sem o plano B, para reanimar a economia.
    Aonde está o economista conselheiro do sr. engenheiro EDUARDO DOS SANTOS?????

Deixe um comentario

*