Destaques

Príncipe acolhe IV Congresso de Educação Ambiental da CPLP

 O evento que coloca a ilha do Príncipe no centro das atenções mundiais está agendado para Julho próximo.

De 14 à 18 de Julho, a ilha que é património da biosfera da UNESCO, acolherá individualidades do espaço lusófono que vão debater questões ligadas ao ambiente. «A programação contará com a multiplicidade de olhares que cruzam com o campo da Educação Ambiental dos países, regiões e comunidades falantes da língua portuguesa, fortalecendo o amplo debate no fórum promovido pela Rede Lusófona sobre o tema “A TERRA É UMA ILHA: A Educação Ambiental como resposta às suas fragilidades ecomo contributo para viver nos seus limites”», refere a nota de imprensa da organização do evento.

O Congresso de Educação Ambiental no Príncipe tem 3 grandes objectivos. Nomeadamente promover a divulgação de projetos de investigação científica, a troca de experiências pedagógicas, a partilha de projetos comunitários e o reforço das redes nas áreas da Educação Ambiental, Cooperação e Desenvolvimento;

Promoção da cooperação entre atores educativos das comunidades lusófonas capacitando-os para atuar ao nível das políticas de responsabilidade ambiental e de justiça social, é o segundo grande objectivo.

O evento pretende também reforçar o papel político da Educação Ambiental, considerando a educação e o ambiente como “a chave para a democratização da nossa casa comum”, no sentido de promover novas formas de governança em diferentes tipos de organizações políticas e da sociedade civil através de metodologias participativas e de decisão democrática.

O leitor é convidado a escutar a entrevista que Joaquim Pinto, membro da organização do Congresso de Educação Ambiental da CPLP, concedeu a imprensa na ilha do Príncipe :

Abel Veiga

    2 comentários

2 comentários

  1. F.B

    25 de Janeiro de 2017 as 10:00

    Parabens Ilha do Príncipe. Esta energia empreendedora é boa. Continuem assim. Merecem o sucesso.
    F.B

  2. Boazona

    25 de Janeiro de 2017 as 10:28

    Boa Príncipe. Devagar, devagar se vai longe.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo