Cultura

Incubadora Musical

O Ateliê-Incubadora Musical, evento integrante da I Bienal de Música Santomense, ConMúsicas’22, vai ser realizado de 30 de Agosto a 08 de Setembro.

Realiza-se, a partir da próxima terça-feira, dia 30 de Agosto, até ao dia 08 de Setembro, o Ateliê-Incubadora Musical, um evento estruturante integrado no programa da I Bienal de Música santomense (ConMúsicaS’22). Este evento baseia-se numa série de workshops destinados a formar e capacitar jovens empreendedores santomenses em matéria de produção, promoção e gestão musical e decorrerá no edifício do Centro Cultural Brasil[1]S. Tomé e Príncipe, na cidade de S. Tomé.

Os conteúdos dos workshops serão ministrados por especialistas santomenses e portugueses, abarcando temas como estrutura e funcionamento da indústria musical, copyright e licenciamento musical, distribuição digital no século XXI, música no audio-visual e processos de licenciamento, agenciamento de artistas, gestão de carreiras musicais, empreendedorismo e inovação na música e negócios musicais, entre outros.

———————————– O ConMúsicaS (Concursos Nacionais de Música Santomense) foi lançado em 2008, consagrando os irmãos António e Fradique, hoje CALEMA, como vencedores absolutos.

Em 2020 o ConMúsicaS foi recuperado e redesenhado sob a forma de bienal e neste formato almeja posicionar-se como pólo referencial de reconfiguração da cena musical em S. Tomé e Príncipe, promovendo o empoderamento e patrimonialização das expressões de música popular, o resgate e a valorização da identidade musical crioula, a dinamização de uma indústria musical local e a modernização da produção musical santomense.

A edição inaugural da Bienal, ConMúsicaS’22, decorre de Maio a Setembro deste ano e evoca e celebra o Samba-Socopé como estilo musical emblemático e representativo da crioulidade musical das ilhas. O programa da presente edição contempla um conjunto de actividades estruturantes com o qual se espera que os espaços público e privado do país se convertam num imenso palco de reflexão e acção em prol da música santomense, envolvendo fazedores musicais, agentes culturais, instiuições, cidadão comum e autoridades governamentais.

ConMúsicaS’22 conta com o alto patrocínio institucional do Governo de S. Tomé e Príncipe e é co-financiada pelo DIVERSIDADE – Instrumento de financiamento no âmbito do PROCULTURA – ação financiada pela União Europeia, co[1]financiada e gerida pelo Camões, I.P. Este Instrumento é gerido em parceria com a EUNIC – Rede de Institutos Culturais e Embaixadas da União Europeia. O ConMúsicaS’22 é, também, co-financiado pelo Banco Internacional de S. Tomé e Príncipe.

Fonte : ConMúsicas’22

FAÇA O SEU COMENTARIO

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

To Top