Desporto

Mundial do centenário pode passar por África

A emoção do maior evento planetário de futebol, Campeonato Mundial, pode regressar ao continente africano, 20 anos depois do primeiro mundial no continente, África do Sul-2010, caso venha a ser eleita a candidatura tripartida de Marrocos, Portugal e Espanha, a organização do evento, como foi avançada em Novembro último.

A hipótese de uma candidatura de Marrocos, Portugal e Espanha para sediar o Mundial de 2030 ganhou mais um apoio, agora do presidente da FIFA, considerando de muito atraente esta possível candidatura, que também já tem o apoio político dos governos português e espanhol.

Mas, enquanto presidente, o Infantino sublinhou que “deve abastecer-se de qualquer apoio, de modo que a candidatura possa evoluir”.

Recorde-se que o evento de 2030 será o Mundial do centenário, por decorrer um século desde a organização do primeiro campeonato, realizado e conquistado pelo Uruguai, país que já anunciou uma candidatura conjunta com a Argentina e o Paraguai.

Henrie Martins

    1 comentário

1 comentário

  1. José Carlos Moreno Ribeiro

    29 de Janeiro de 2019 as 14:53

    Um exemplo de que mais «triparditas» poderão surgir: quem sabe um dia dia STP-G.E-Gabão!!! ou melhor do que isso! Por exemplo, até mesmo «bipartidos»: Angola & RDSTP ou Nigéria & RDSTP…O negócio do futebol tem rendimentos enormes! Juntar STP & C-V ou STP & Comores seria só de pobretões e com poucas empmresas dispostas a investir em infraestruturas. A não ser que a STP se torne mesmo um Kwait ou Emiratos! Que Deus nos acuda, nestes termos.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo