Desporto

Comité Olímpico Santomense quer um maior envolvimento da mulher na promoção do desporto

O encontro sobre a autonomização da mulher santomense no meio desportivo é uma iniciativa do comité olímpico de S.Tomé e Príncipe.

«Nenhuma organização, nenhum país pode hoje dar-se ao luxo de negligenciar as competências das mulheres. Por isso, a autonomia da mulher no desporto, deve ser um esforço de equipa, onde cada um de nós tem um papel a desempenhar» – disse João Costa Alegre.

Para o presidente do comité olímpico santomense a autonomia das mulheres no desporto só será possível no país, se uma estratégia for delineada com o envolvimento do todos os atores desportivos.

«As organizações desportivas nacionais, devem encorajar a prática do desporto às atletas femininas e criar condições adequadas para que elas estejam ao mesmo nível dos atletas masculinos» – Sublinhou Costa Alegre.

Uma preocupação partilhada pela ministra da juventude e desporto.

«Todos nós devemos trabalhar para incluir mais a mulher na vida desportiva, porque a contribuição da mulher é importante para o desenvolvimento desportivo e para o desenvolvimento de S. Tomé e Príncipe» – garantiu Eurídice Medeiros, Ministra da Juventude e Desporto.

Promover a igualdade de oportunidades, o empoderamento e o reconhecimento das mulheres em todas as esferas do desporto em S. Tomé e Príncipe foi o principal objetivo do encontro enquadrado no mês da mulher.

José Bouças

FAÇA O SEU COMENTARIO

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

To Top