Política

Governo lamenta decisão do grupo pestana em abandonar o complexo ilhéu das rolas a partir de Novembro

O governo pestana.jpgque foi chamado na última sexta-feira ao parlamento, para tomar conhecimento dos factos apurados pela quinta comissão do parlamento, sobre a situação dos são-tomenses que vivem no ilhéu das rolas, manifesta-se interessado em negociar com o grupo pestana que gere o complexo turístico. Isto mesmo foi anunciado pelo conselho de ministros. O executivo diz que quer negociar para salvaguardar os interesses envolvidos. Por outro lado o governo de Rafael Branco, lamenta o facto do grupo hoteleiro português, ter decidido abandonar a gestão do complexo turístico a partir de Novembro próximo. Por sua vez a quinta comissão do parlamento que reuniu com o governo, ignorou a decisão do grupo privado em abandonar a gestão do ilhéu. A comissão parlamentar encarregue das questões da cidadania e dos direitos humanos, acusou o grupo pestana de coarctar as populações do ilhéu das rolas, os direitos básicos de sobrevivência, e de persistir numa política de afastamento das populações do local, através de pagamento de indemnizações irrisórias.  Sebastião Santos, vice-presidente da comissão parlamentar, garantiu que o governo deverá agir em função dos factos que foram apurados no terreno.

Recentemente

Topo