Política

Crise : Partido Verde pede desobediência civil até a queda de Patrice e Evaristo

Num manifesto que fez chegar a redacção do Téla Nón o recém criado Partido Verde, manifesta que o país chegou ao ponto de saturação, face a violação sistemática da Constituição Política e das demais leis da República.

Para o Partido Verde já não existe Estado em São Tomé e Príncipe. O partido defende que as forças armadas de São Tomé e Príncipe tomem o poder. Caso os militares não avancem para a tomada do poder, para alegadamente repor o comboio da democracia são-tomense nos carris, o partido liderado por uma mulher, Elsa Garrido, defende a instauração da desobediência civil, até a queda do Presidente da República Evaristo Carvalho, do Primeiro Ministro Patrice Trovoada, e do Presidente da Assembleia Nacional, José Diogo, que integram o partido no poder a ADI.

O leitor deve acompanhar as linhas do documento de 11 paginas para conhecer pormenorizadamente a posição do Partido Verde, face a situação de crise político-institucional que o país vive.

Posiçao Oficial do MSDPVSTPversao final

Téla Nón

 

    16 comentários

16 comentários

  1. cacau

    8 de Maio de 2018 as 17:40

    Gente como Partido verde começou quente assim?!!!.

    Não queremos Golpe de estato em São Tome e Principe. Vamos ao dialogo.O povo é quem manda e na urna.

    • Seabra

      9 de Maio de 2018 as 22:22

      Falso….o povo vota porque recebe KUMBU da parte da ADI.
      DESDE QUE A FAMÍLIA TROVOADA REGRESSOU PARA STP A DEMOCRACIA MORREU E A DITADURA FOI INSTALADA e todos /as têm conhecimento sobre este assunto e todos/as se calam.
      Porquê? Por que tem o povo medo de um bom golpe de estado sem derramar sangue. É possível.

  2. Zani

    8 de Maio de 2018 as 17:50

    Mais um partido oportunista e sem sentido de estado e patriotismo. Onde está o tal ” dialogo” que tanto as pessoas falam? Um partido que apoia a tomada de poder pelos militares como forma de repor a suposta ordem institucional, é um partido irresponsável, mediocre, e que não entende nada de democracia!

  3. Tela

    8 de Maio de 2018 as 18:30

    Grande partido… Defender a pátria até à morte… Não vamos ter medo desses lixos corruptos de adi

  4. WXYZ

    8 de Maio de 2018 as 22:00

    Desse jeito voces deixam de ser partido verde e passam a ser partido vermelho. Vamos transformer isso numa Guerra campal com banho de sangue.

  5. Antonio Pedro M.

    8 de Maio de 2018 as 22:41

    Eleicoes não derrubam a ditadura, mais sim os fortifica.
    Os militares têm sim que pegar nas armas e repor o estado de direito democrático que Patrice Trovoada, Jose Diogo Bsluba e Evaristo Carvalho deitaram no lixo junto com constituição de S.tome e Principe.

    Por outro lado, enquanto isto não aconteça vamos todos a :

    DESOBEDIÊNCIA CIVIL já.

  6. verdade

    9 de Maio de 2018 as 5:55

    Agora vai ser assim. Quando a Elsa Garido não obdece o marido, nada de diálogo aqui, é só PANCADA.

  7. Greve de Fome

    9 de Maio de 2018 as 7:47

    Qual tomada de poder pelas tropas qual quê. Ainda há poucos tempos atrás estavas a fazer greve de fome, já tens forças para sugerir que as tropas peguem em armas? É assim que queres chegar ao poder? Vá devagar minha senhora. Onde é que a senhora aprendeu que a democracia compadece com essas situações? Olha que depois da greve de fome a srª a senhora ficou uma sex…..! e mais charmosa. Quando estava em greve de fome era devido milho transgênico, como não deu em nada porque estamos a consumir e a dar aos nossos animais esses milhos, agora vens com história de tomar poder a força? Sabe, Elsa Garido vai pedir roupas usadas (fardo) e vem distribuir aqui na terra. Falsa.

  8. Mezedo

    9 de Maio de 2018 as 8:23

    Voces acham que vale a pena dialgo mais neste país. Eu apoio opniao dos verdes o povo deve sair a rua e pedir queda do governo e detodos complos do adi.

  9. Gabriel Furlani Schultz

    9 de Maio de 2018 as 11:51

    Absurdo são-tomenses em pleno Século XXI apoiarem que a Mudança política se dê na base da força da ponta de um fuzil. Vale lembrar que nenhum governante que ali está se impos: foi o próprio eleitorado são-tomense que escolheram eles lá.

    Um Golpe no país só demonstraria à comunidade internacional que o país não é sério e atrasado, e congelaria qualquer ajuda internacional e um bloqueio a STP. Tenhamos bom-senso, e da próxima vez, aperfeiçoem a democracia votando melhor.

  10. Clemilson Brasileiro

    9 de Maio de 2018 as 12:29

    Se vocês acham que diálogo resolve eu acho que em 2050 os são tomense vão derrubar esse governo !

  11. António cunha dos santos

    9 de Maio de 2018 as 12:59

    Muito bem ai dos militares se não tomarem posição. Já se fala que está em marcha preparativos para o cerco e assalto do Quartel General das FASTP pelas forças de elite do Patrice.
    A ver vamos

  12. Alvaro Marques Cravid

    9 de Maio de 2018 as 13:18

    Os verdes que comecem com a disordem civil. Francamente

  13. Zani

    9 de Maio de 2018 as 13:41

    Povo é burro mesmo!

    Basta ler as declarações do deputado Jorge Amado do MLSTP/PSD pra ter ideia clara do que se passa a volta da cervejeira Rosema!
    Promiscuidade clara entre Juízes do Supremo e Partidos Políticos da oposição!

  14. Admirado

    9 de Maio de 2018 as 19:30

    Desobediência mase o vosso …
    Por amor de Deus, agressividade nessa terra ñ.
    A vossa atitude já demostra que vcs tambem têm veia ditatorial e não estão nd preparados para governar.
    Vão mase fazer outra coisa da vida e contribuir de outra forma.
    Haveremos de vencer Patrício, mas de forma pacifica e ordeira.
    Fui

  15. mezedo

    14 de Maio de 2018 as 11:10

    Talves com agressividade estariam a respeitar os valores da Democracia.

    OS Governantes não respeitam a constituição não respeitam os outros Orgãos de soberania, não respeitam a opinião popular. Acham que isso não merece revolta popular.

    Esse povo é medroso por isso tudo isso esta a acontecer.

    Já é hora de povo sair a rua e exigir a reposição da ordem e tirar esse vadios do ADI que não sabem o que um pais democrático e que não respeitam a constituição da republica.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo