Política

Diálogo da ADI já conquistou oração da Igreja Maná e o perdão dos sindicatos

Abnildo d´Oliveira o porta voz do partido ADI residente em São Tomé, lidera a equipa do partido que abriu um processo de diálogo e abrangente. O diálogo com as igrejas ocorreu na última semana. As imagens da televisão mostraram o encontro entre a delegação da ADI e um pastor da Igreja Maná, que saudou a iniciativa de diálogo, e prometeu muita oração para apaziguar os ânimos no país, e conduzir os governantes e o povo, no caminho da concórdia e paz.

No entanto as imagens da TVS, não mostraram a presença da maior igreja do país, no diálogo abrangente da ADI. Trata-se da igreja Católica, a maior igreja cristã de São Tomé e Príncipe, segundo os dados do recenseamento geral da população.

Já nesta segunda – feira, Abnildo Oliveira e outros companheiros do partido, reuniram-se com os sindicatos. ADI pediu perdão aos sindicatos, pelos erros cometidos nos últimos 4 anos. «Em nome do partido ADI, pedimos as nossas desculpas pelos erros cometidos e estamos dispostos a corrigir para o bem do País», afirmou o porta voz.

Arrogância e falta de diálogo, foram às acusações que repetidas vezes, as centrais sindicais disferiam contra o Governo maioritário da ADI. A ONTSTEP, a maior central sindical do país, sempre criticou o governo alegadamente cessante, por recusar o diálogo com o sindicato, e por ter ignorado a existência do conselho de concertação social.

ADI pediu perdão, e orou como partido cristão. «Como a maioria dos são-tomenses são cristãos e a doutrina cristã prega o amor, e sendo amor, o perdão acredito que a maioria dos são-tomenses perdoarão esses erros do ADI»,suplicou o porta voz e líder da equipa de dialogo abrangente da ADI.

ADI, já se reuniu também com o corpo diplomático acreditado no país, e com representantes da sociedade civil. Tudo no quadro do diálogo abrangente que está a promover, com vista a formação do próximo governo.

O partido que nas eleições de 7 de outubro, conquistou 25 deputados para uma Assembleia Nacional de 55 assentos, tem agendado encontros de diálogo abrangente, com as demais forças políticas que compõem o parlamento.

Abel  Veiga

    19 comentários

19 comentários

  1. Raboboi50

    29 de Outubro de 2018 as 18:59

    Perdoar sim, desde o cabecinha ou seja PT venha ao publico dar a cara , e não só reconduzir todos aqueles que vocês tiraram dos seus postos serviços abusivamente.

  2. Badiu di stp

    29 de Outubro de 2018 as 19:51

    Santome tá fla faca ki panhadu na Strada e ta perdi na Strada. Si bu mata ku ferro tanbe bu tá matadu ku ferro. Muclucu fé xintxi mata sun de ele só cá poto ni son plumelo. Xau e, xau e ….

  3. carlos vasconcelos

    29 de Outubro de 2018 as 20:08

    Estes homens estão sendo abandonado e condenado pelo Satanás.
    Precisamente quando ABENILDO falava hoje no telejornal das 20H00 um plasma do ROLOTE DA EMAE soltou dos suportes da parede acabou por arrebentar no chão. Não faltou assobios e palmas.
    Estranho.

  4. Deus não dorme

    29 de Outubro de 2018 as 20:56

    Desculpas por erros de Governação, embora saiam do nosso suor, até poderia aceitar.
    Mas as perseguições, os maus tratos, as vinganças pessoais, a falta de liberdade e de democracia são defeitos de caráter transversal aos dirigentes do ADI para o qual não existe perdão!
    Se ainda não perceberam, foi exactamente isso que vos fez perder os mandatos e as câmaras.

    • Deus não dorme

      30 de Outubro de 2018 as 10:54

      Grande arrependimento!

      “Coitados de vcs q pensaram que iriam assumir o poder no dia seguinte ao da eleição. Ainda vão ter que esperar mt pr ver o ADI fora do poder” – Arlete Zeferino

      • Cidadã

        31 de Outubro de 2018 as 10:34

        você devia ter vergonha… seu (a) cara de pau lambe botas…

  5. Seabra

    29 de Outubro de 2018 as 21:00

    Só agora é que este pastor da Igreja Maná deu conta da catástrofe que o partido PT-ADI fizeram em STP?
    Só agora é que o Abnilde Oliveira tomou consciência dos ENORMÍSSIMOS êrros do seu PASTOR principal mestre PT e da sua banda mafiosa e corrupta ?
    Será que este Pastor é Deus,para dar perdão aos LARÃOS e Judas do império da Tribu TROVOADA ?
    Gente, gozação tem hora. BASTA !
    O povo disse, sublinhou , revendicou, disse um NÃO MASSIVO .Que mais querem?
    Regressar ao PODER custe que custe ?
    Até quando pensam estes LACAIOS, sipaios do PT e o próprio PT que pôs -se um termo DEFINITIVO à esta roubalheira, à CORRUPTÇÃO, a DITADURA. Cela suffit! Stop!ACABOU.
    Compreenderam ou querem que o porco torça o rabo ?
    Nada fizeram, apenas destruiram. …seja como for,ninguém é insubstituível, ninguém é imortal. Entenda quem entender…estão à procura de complicações, a ver vamos.

  6. Seabra

    29 de Outubro de 2018 as 21:10

    ….o homem PT e o seu Javali Lévy seguiu. O DITADOR PT saiu com mais de 8 malas. Em vez de se preocupar a levantar mais um processo contra ele e o seu governo, junto da justiça,em vez disso, ainda se vem falar desses VAGABUNDOS como se nada fosse: de perdão e companhia.
    Ninguém vai se distrair…aí haverá desgraça.
    Creio que o momento é oportuno para o Pai da Máfia I, dê conselho ao rebento dele Máfia II Ilimitada , de parar de provocar.
    BASTA de lágrimas de sangue em STP.

  7. marlene

    30 de Outubro de 2018 as 7:16

    Alguém faça calar este idiota. Deve pensar que as pessoas são idiotas. Qual perdão qual quê? Querem é estar no poder. Durante 4 anos, não quiseram saber de ninguém. Indispuseram-se com a igreja católica porque um programa na rádio católica ousou criticar os seus desmandos. Rapidamente se esqueceram de todas as vezes que tiveram espaço de antena na mesma emissora. Este ar de coitado só serve para enganar os amébadas que o ADI formata no seu seio e que regurgitam tudo que lhes é passado sem questionar. É simples: FAZ SAI. Não é vossa propriedade, não pertence a família trovoada. Pertence aos santomenses que de facto querem viver e construir um futuro nesta terra. Tiveram 4 anos com todas as condições para fazer o bem e optaram pelo mal. DESAPAREÇAM.

  8. Merenguê

    30 de Outubro de 2018 as 7:49

    Meus caros compatriotas, é preciso que tenhamos muita atenção com essa gente de ADI. Eles estão se dando de inocentes, chorando e vertendo lagrimas de crocodilo. Por isso que aqui em Pantufo, não há perdão. Esses quatro anos foram anos de tortura psicológico nos vários sectores da função publicas e das Empresas também. Eu sou uma das vitimas e como eu tenho a certeza que existe muita mais pessoas que sofreram em silencio.

  9. Fungi com Moamba

    30 de Outubro de 2018 as 7:55

    Brincadeira. Não se diz que não se perdoa. Mas o pedido de desculpas pelas atrocidades cometidas devia vir do Lider do ADI, não de um fundamentalista fanático e instigador da violência e dos maltrados de uma parte significativa dos santomenses como o Abenilde de Oliveira.

    A questão é que não se trata de erros cometidos por ADI como disse o Abenilde na TVS. Foram sim excessos e perseguições pré concebidas e que visaram pessoas concretas. Ou estão connosco ou são nossos inimigos, ao mesmo que vissem como adversários políticos. Não foi o caso.
    Agora utilizam o SINDICATOS que eles manipularam e que nenhuma greve convocou em defesa dos trabalhadores, utilizam uma ou outra confição religiosa, e por não pedir desculpas ao senhor bispo pelos excessos cometidos contra ele?
    Há momentos e condições para se perdoar sim, mas é difícil por exemplo perdoar um colaborador do Nazismo pelo facto dele ter pedido desculpas.
    O que tivemos nestes ultimos 4 anos, é uma espécie de ditatura fascista, não muito distante do Nazismo, só faltou dinheiro para que se conhecesse mais atrocidades nestas ilhas.

  10. António cunha dos santos

    30 de Outubro de 2018 as 7:58

    Quem é Abenilde no ADI. Onde está o Lider instigador das Confusões? Acho que não se deve falar com o Cão. Mas sim com o seu Dono. E ponto final

  11. Maria de Ceita Fortes

    30 de Outubro de 2018 as 8:01

    Perdoar, sim,mas com a presença do chefe do Bando. que deve pedir desculpas pelo desrespeito aos santomenses.

  12. original

    30 de Outubro de 2018 as 8:40

    Abenilde!

    Esta cara de sonso não convence ninguém porque a ferida ainda não cicatrizou como é que vamos preocupar com cicatriz?

    Se ainda existem várias questões pendentes e sem resposta como é que vamos perdoar?perdoar o quê? Se fosse assim basta alguém matar outro e ir ao Tribunal pedir perdão e pronto.Usaram e abusaram de poder e povo aguentou tudo calado e pensaram que STP era vosso e só vocês e apenas vocês tinham a fórmula para este povo,e agora?

    Para mim antes de preocuparem com perdão,deveriam preocupar mais em repor o que fizeram como fruto de abuso de poder:

    1-Mandar Patríce devolver os 30.000.000 de dólar pedidos em nome do País e outro valor do fundo do Kwaite que está em lugar incerto e que permite o mesmo levar a vida que tem

    2-Aproveitar ainda o Governo de gestão para mudar esta merda de horário que praticaram apenas por capricho.

    3-Retirar daqui toda tropa estrangeira se ainda existe.

    4-Recolocar todos quadros competentes que vocês retiraram de seus postos por não usarem a vossa camisola e substituídos por uma cambarda de incompetentes,bufos,lambe botas,submíssos,troca-tintas,víboras,traiçoeiros
    por esta razão o País ficou como está.Onde é que está a energia que estava na publicidade dos ecrans do plasma que está na EMAE no sector de cobranças?

    5-vocês viraram esta sociedade às avessas virando jovens contra velho,dito povo pequeno contra classe média,promoveram ódio de cidadãos de Partido contra outros,descapitalizaram toda classe empresarial sufocando-os para depois irem suplicar à vossa porta resumindo, só ADI é que era solução para este povo,etc,etc.

    Para finalizar,acho você fruto desta manipulação e passaste a ser um indivíduo sem escrúpulo onde qualquer meio justificava o fim,transformado em José Brigada do cenário de 1953.Como foste refém e consequência disto tudo,creio que não estás à altura de pedir desculpas em nome do mentor desta desgraça toda.Quem deve vir à televisão com cara de máscara ou sem é Patrice Trovoada.

  13. Seabra

    30 de Outubro de 2018 as 9:28

    Não temos direito de resposta no país?
    Que se organise um debate público, télé-visual com os elementos da ADI (queremos ouvir o Afonso da Graça Varela, o bruta montes mal educado do Javali Lévy, Abnilde, Diogo, Agostinho e as capanguninhas que serviram na obra PT- ADI ),com os outros militantes de diversos partidos, alguns testemunhas da bufaria do sistema da DITADURA Trovoada -ADI.
    O governo PT foi onde houve mais actos criminosos cometidos sem julgamento.
    O dossiê do assassinato do economista Jorge Pereira dos Santos, está ainda no ” STAND BY “.
    O que está por atrás deste crime? Houve algum mandatário ? Qual foi o papel da dita empregada, aquela que pretendeu ter descoberto a macabra cena de horror ? Porquê tanta demora para resolver este dossiê e tantos outros?
    A verdade vai ser dolorosa, a justiça poderá ser fatal. Veremos !

  14. Crisotemos Café

    30 de Outubro de 2018 as 9:36

    Olha para a cara do gajo, SATANÁS..Pedi perdão aos Trindadenses, por ter-lhes retirado o Campo de futebol, uma vez que tinhas todo o puder.

  15. Adeliana Nascimento

    30 de Outubro de 2018 as 10:46

    Abenilde, vamos estudar perdoar algumas coisas, mas tudo Não

    Porque muitas delas continuam a doer.

  16. Santomense

    30 de Outubro de 2018 as 11:19

    Nganduê, bô alê dómalí, scá glita pa tudu pixi valê bô, valê bô pá bô ná molê.
    Punda ozé, sá djá trabé, bô scá flá odjó mantxan. Mundu sé té pesú, non sái pá non pia bô.

  17. Armindo dos Santos

    31 de Outubro de 2018 as 13:34

    I ADI neste momento esta com medo de ir para oposicao, porque cometeu muitos erros durante o seu mandato em que tinha maioria, fazia o que queria.Nao e’ altura deles pedirem perdao, porque ja’ e’ tarde .

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo